Início » Minas Gerais » Ferros


Ferros - Minas Gerais



Ferros faz parte do estado de Minas Gerais. Sua população, de acordo com o censo do IBGE de 2010, é de 10.725 habitantes. Está situada à aproximadamente 180km da capital Belo Horizonte, no sentido centro-leste (saída para Vitória), seguindo pelo percurso: BR 381, MG 434-129, BR120 - AMG.

Ferros, antigo distrito criado em 1832/1891 com a denominação de Santana dos Ferros e subordinado ao município de Itabira, foi elevado à categoria de vila pela Lei provincial nº 3195 de 23 de setembro de 1884 e recebeu status de cidade em 1886. A partir de 1923 o município é conhecido como Ferros.

História da cidade de Sob a denominação de Sant′Ana de Ferros, surgiu um povoado em funão das exploração do ouro e diamantes desenvolvidas ás margens do Rio Santo Antonio, no último quartel de século XVIII,tendo como fundadores Pedro fernandes Alves e José ferreira santiago, que ali teria fixado com objetivo de minerar.

Sgundo o historiador Waldemar Barbosa o povoado, em fins do século XIX, properou em razão do incremento das atividades de lavoura e pesuária, sendo elevado á vila, com a criação,por lei de 1.884, emancipando-se do municipio de Itabira. O nome atual, instituido em 1.923 decorre do processo de mineração antigamente adotado, que retirada do cascalho aurífero do fundo do rio Santo Antonio,compreendia o emprego de ganchos especiais de ferro. Ao longo do tempo,ferros incorporou a seu território um grande número de distritos,ocupando uma área atualmente de 1.093 km2

Em 1.733, por ocasião da morte do Coronel Antonio da Rocha Pita, foi doada a sesmaria de Pau dos feros a seu filhos e herdeiros,Francisco da rocha Pita,Luiz da Rocha Pita Deusdará, Simão da Fonseca e Maria Joana.

Mas foi Francisco Marçal, o grande pioneiro da hitória de Pau de ferros,com seu esforço e com sua capacidade de mobilização que, em 1.738, no núcleo populacional já existente ergueu a capelaque mais tarde, no ano de 1.756,veio a ser a Matriz de uma grande freguesia.

O nome Pau dos Ferros, vem de uma árvore, mais precisamente de marcas fixadas com ferro em brasa numa oiticica muito frondosaque, pela sua grande dimensão, oferecia uma farta sombra e consequentemente um exelente local para o repouso dos vaqueiros, quando chegavam cansados do dificil trabalho de campear reses tremalhadas.

Exatamente por ser um costumeiro local de parada, os vaqueiros decidiram gravar no tronco da grande árvore, com ferro em brasa, as marcas de seus patrões, com a finalidade de que todospassassem a conhecer os carimbos, uns dos outros, para poder identificar as reses perdidas nos pastos e fazê-las retomarem ao seu dono. A majestosa árvore ficou cheia de marcas de gado, cada vez mais procurada pelos vaqueiros, cada vez mais famosa, e tornou-se o início de uma era, iníciode uma comunidade.

O povoado cresceu rapidamente, favorecido por sua estratégica localização no centro da região oestana e pelo desenvolvimento de sua pecuária e de sua agrcultura..

Em 1.841, começava uma série de tentativas para fazer de Pau de Ferros um município. Era uma luta que unia todo o povo e estendeu-se por vários anos.

S resolução Provincial nº 344, de 04 de setembro de 1.856, tornou-se Pau de ferros município, desmembrado de portalegre.

Fonte: IBGE

Autor do Histórico: GERALDO FONSECA PESSOA

Código do Município

3125903

Gentílico

ferrense

Prefeito

RAIMUNDO MENEZES DE CARVALHO FILHO

População
População estimada [2018]9.949 pessoas  
População no último censo [2010]10.837 pessoas  
Densidade demográfica [2010]9,95 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]1,8 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]855 pessoas  
População ocupada [2016]8,1 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]41,2 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]97,9 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]6,2  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,4  
Matrículas no ensino fundamental [2017]1.232 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]444 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]104 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]54 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]11 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]3 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]10.367,77 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]-  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,603  
Total de receitas realizadas [2017]29.876,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]24.356,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]- óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]2,2 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]8 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]1.088,791 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]25,6 %  
Arborização de vias públicas [2010]22,3 %  
Urbanização de vias públicas [2010]21,4 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  18. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  19. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  21. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  22. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  23. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  24. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  25. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  26. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Ferros: Imagens da cidade e Região

imagem de Ferros+Minas+Gerais n-1
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-2
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-3
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-4
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-5
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-6
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-7
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-8
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-9
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-10
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-11
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-12
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-13
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-14
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-15
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-16
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-17
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-18
imagem de Ferros+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Ferros e arredores.


Você conhece a cidade de Ferros? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: