Início » Minas Gerais » Caranaíba


Caranaíba - Minas Gerais



Caranaíba faz parte do estado de Minas Gerais. A população avaliada em 2004 era de 3.487 habitantes.

A rede de ensino conta com:

Na cidade, uma biblioteca pública Diretora Geni Rezende vem complementar sua rede de ensino, com acervo de obras para leituras e pesquisas.

História da cidade de A povoação da região se deu a integrantes da Bandeira de Fernão dias Paes Lemes, no início do século XVIII, saindo de São Paulo entrou na região de Minas Gerais, pela garganta do Embaú, alcançou o Rio Grande, depois Rio das Mortes, atingindo finalmente o Vale do Paraopeba. Com a doação das primeiras Sesmarias, em 1720. Os sesmeiros foram: Antônio da Costa de Faria e José da Costa Oliveira.

A povoação Intensificou-se a partir de 1750 com o objetivo de cultura das terras para suprimento das bandeiras que se embrenharam pelo interior. Houve também lavra de ouro no Ribeirão Papagaio. Os sesmeiros não moravam nas fazendas. Deixavam-nas por conta dos pretos e capatazes e, foram estes, os primeiros povoadores. O aglomerado foi se reunindo junto a Capela edificada em honra de Nossa Senhora da Glória. A Capela foi construída mais ou menos por volta de 1739, por provisão de D. Antônio de Guadalupe, Bispo do Rio de Janeiro. sendo erguida em taipa e madeira. Em 1770 a construção foi feita de alvenaria pelo zelador josé da Costa de Oliveira famoso por construir outras igrejas como a Igreja Matriz Campo Alegre dos Carijós (Conselheiro Lafaiete). Posteriormente é que foi construído o adro, que é hoje o marco mais fiel desses primórdios tempos, onde o seu trabalho tem a mesma conformação das das igrejas dos Profetas de Congonhas.

O primeiro capelão foi João Gonçalves da Mata.

GENTÁLICO: CARANAIBENSE

FORMAÁÁO ADMINISTRATIVA:

O Distrito foi criado com a denominação de "Glória" pela Lei Provincial n°. 2944 de 23 de setembro de 1882.

A lei n°. 723 de 30 de setembro de 1918 alterou o nome do distrito para "Caranaíba".

A lei Estadual n°. 843 de 7 de stembro de 1923 desmembra do Município de Queluz (atual Conselheiro Lafaiete), passando a integrar o Município de Carandaí.

A lei n°. 2764 de 30 de dezembro de 1962, foi elevado a Município, desmembrando assim do Município de Carandaí.

Á subordinado judicialmente a Comarca de Carandaí.

Fonte: Dicionário Histórico Geográfico de Minas Gerais de Waldemar de Almeida Barbosa.

Autor do Histórico: JOAQUIM CLÁUDIO VIEIRA DE REZENDE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Caranaíba: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Caranaíba? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: