Início » Minas Gerais » Piedade de Ponte Nova


Piedade de Ponte Nova - Minas Gerais



Piedade de Ponte Nova faz parte do estado de Minas Gerais. Sua população recenseada em 2010 era de 4.063 habitantes.

História da cidade de A história da cidade de Piedade de Ponte Nova tem início quando o Bispo Dom Viçoso retornando de uma viagem de Caratinga em meados de 1864, e pernoitando na fazenda do Sr José Pedro Vieira, solicita a este, a doação de um terreno para a construção da capela de Nossa Senhora da Piedade. O pedido inicial foi de um alqueire de terras, mas, no entanto, os fazendeiros (1) da região acabaram doando sete alqueires no total. Por ser muito devoto a Nossa Senhora da Piedade, Dom Viçoso, sugeriu dar o nome da mesma para a localidade. é o que comprova a seguinte inscrição no Livro de Tombo da Igreja:

"Nossa Senhora da Piedade de Ponte Nova da fundação deste lugar se deve ao Exmo. Sr. Bispo D. Viçoso que tinha como único meio de atingir as freguesias já existentes no interior da Mata Mineira, Caratinga, Sta. Margarida, Matipó, Abre Campo e outras, a estrada que servia as fazendas que aqui progrediam. Em uma destas viagens, pernoitaram aqui sempre na fazenda do Senhor José Pedro Vieira a margens das águas que hoje descem com o nome de Córrego das Vieras, solicitou-lhe, segundo alguns, em 1864, a doação de um alqueire de terra, ao lado da fazenda, para aí ser construída uma capela dedicada, conforme seu desejo, a Nossa Senhora da Piedade, sobre a promessa de, ao voltar, quatro anos depois, celebrar aí a 1ª missa". (2)

Após a construção da capela, o povoado que passou a se chamar Piedade, se desenvolveu ao seu redor, e 23 anos depois, em 28 de Setembro de 1887 foi elevado a freguesia pela lei nº 3.442. Mais tarde o pequeno povoado recebeu o título de distrito e, sendo anexado ao Município de Ponte Nova, ganhou o nome que ainda conserva: Piedade de Ponte Nova.

A escolha do local para a construção da Capela, edificada no alto de um morro, contribuiu para que a cidade se desenvolvesse de uma forma diferenciada dos demais municípios mineiros: o núcleo inicial concentrou-se em um ponto elevado, estendendo-se por trás da Igreja e pelas encostas em direção às nascentes, ao invés de se instalar em um vale, nas proximidades de um rio.

As primeiras estradas da localidade foram construídas por iniciativa do Sr Francisco Martins Fontes da Silva e seu filho Fídias Almeida Martins, popularmente conhecido como Sr Fidoca, com seus próprios recursos. Possuía 26 Km de extensão, começando em Piedade de Ponte Nova indo até o Córrego Novo, as margens do rio Doce.

A primeira escola pública surgiu em 1926, através de uma solicitação do Cel. Francisco Martins da Silva ao então governador do Estado, Sr. Raul Soares. O serviço de abastecimento de água foi concluído em 1929 e no ano de 1930 foi instalada a luz elétrica. Em 1942 a cidade passou a contar com com uma Estação Ferroviária, integrada à rede da Companhia Leopoldina que funcionou apenas 37 anos, sendo desativada em 1979. A instalação da linha ferroviária em Piedade de Ponte Nova foi de extrema importância para a cidade, uma vez que foi a responsável pelo carregamento do açúcar e de outros produtos produzidos pela cidade, promovendo um grande crescimento no que diz respeito à atividade econômica local e ao intenso intercâmbio cultural entre as regiões com as quais mantinha contato.

A emancipação política do distrito só ocorreu em 1962, através lei estadual nº 2.764 de 30 de Dezembro. O município foi solenemente instalado em 1º de Março de 1963, data em que se comemora o aniversário da cidade de acordo com a lei Municipal nº 203 de 25 de fevereiro de 1976. No período compreendido entre 1o de março e 3 de setembro de 1963 Piedade de Ponte Nova teve como intendente municipal o Sr Joaquim Martins Cardoso, responsável pela organização administrativa da cidade.

Aspectos físicos e de infraestrutura

O município de Piedade de Ponte Nova, possui extensão territorial de 84 Km2 e. encontra-se a uma altitude de 415 m, estando localizado a 20º 15′ 08′′ S de latitude e 43º 44′ 25′′ W. Gr. de longitude. Encontra-se na região da Zona da Mata e é membro da Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Piranga - AMAPI. A rodovia asfaltada, que dá acesso ao município, é a MG 329, e sua distância da capital do Estado é de 215 Km.

A cidade de Piedade de Ponte Nova é constituída do distrito sede e do povoado Bituruna e tem como limites os seguintes municípios: Rio Casca, Santa Cruz do Escalvado, e Urucânia.

O acidentado relevo do Município é típico da região e subdivide-se em 20% plano, 45% ondulado, e 35% montanhoso. A maior altitude, 732 m, é encontrada no Alto do Henrique, e a menor, 334 m, na foz do Córrego do Feijão Cru.

Piedade de Ponte Nova apresenta um clima temperado, possuindo temperatura média de 20º,90 C, com média máxima anual de 14º,40 C. Sua amplitude térmica é de 12º,10 C, e o índice pluviométrico anual gira em torno de 1.400 mm.

A rede hidrográfica do município alimenta o Rio Casca, constituindo-se como parte integrante da bacia do rio Doce. O município apresenta duas sub-bacias, estando a maior, localizada na sede municipal, estruturada em torno do Ribeirão de Piedade, e a menor, localizada no povoado de Bituruna, tendo como eixo principal o córrego do Feijão Cru.

A população do município de Piedade de Ponte é de 4.113 habitantes (3) e ao longo dos anos a população total do município tem se mantido estável. Entretanto, pode-se observar com clareza uma inversão de números entre a população urbana e a rural, que atualmente, ao contrário de 30 anos atrás, corresponde à metade de urbana.

O município de Piedade de Ponte Nova apresenta grande potencialidades na expansão da suinocultura, no intenso cultivo de cana de açúcar e na produção de aguardente.

é importante destacar que o município possui intenso intercâmbio comercial e cultural com as cidades de Ponte Nova e Rio Casca.

Cultura

A festa da padroeira, Nossa Senhora da Piedade, é a mais tradicional e importante da festividade da cidade. Comemorada no dia 15 de Setembro ela atrai grande número de visitantes e conta inclusive com a participação dos piedadenses ausentes, que retornam ao município para rever parentes e amigos. A festa começa com a banda de música do local, tocando no alvorecer do dia. Uma missa é realizada com a participação do coral, realiza-se uma procissão com a imagem da Santa pelas ruas da cidade, acompanhada por inúmeros fiéis e pela banda. A benção do Santíssimo e uma queima de fogos na praça principal da cidade, encerra os festejos.

Além da festa da Padroeira, o município conta com outras festividades como por exemplo a festa de São Sebastião, comemorada no dia 20 de Janeiro, o aniversário da cidade e piedadense ausente em 01 de Março, e no mês de junho, a tradicional Festa Junina.

Símbolos Municipais

Os símbolos do município de Piedade de Ponte são a bandeira, o brasão de armas e o selo municipal, correspondentes à soberania e emancipação política, riquezas minerais e culturais estando de acordo com os artigos 1 e 3 da Constituição Federal.

A bandeira de Piedade de Ponte Nova possui duas cores, com formas esquarteladas em cruz, fazendo referência ao espírito cristão de seu povo. A própria cidade é representada na faixa vertical, e o brasão de armas refere-se ao governo municipal. As cores simbolizam a justiça, nobreza, perseverança, lealdade, zelo e a Santíssima Trindade. As faixas brancas formam uma cruz, símbolo mundial da paz, sendo esta a cor da honra, do trabalho e da pureza. Iconograficamente, a mitra e o cajado, homenageiam o bispo Dom Viçoso, que contribuiu na fundação do município. A estrela azul possui representatividade heráldica, referindo-se aos fatos e personalidades ilustres da localidade. A igualdade e perfeição, referente aos Inconfidentes Mineiros está presente no triângulo na cor vermelha. O gado leiteiro e a pecuária são simbolizados pela trombeta e o berrante.

Hino de Piedade de Ponte Nova

Letra e música de Sebastião Lima e José Carlos Pereira

"Quando os bravos pioneiros um dia

Penetraram o antigo sertão

Pressentiram ao sol que fremia

Uma augusta riqueza no chão

Braços fortes do heróico gigante

Revolveram glebas colossais

E surgiu a esplender, deslumbrante

Nova estrela em Minas Gerais.

Refrão:

Nossa Senhora da Piedade

Gloriosa padroeira

Derrame sempre felicidade

E o progresso à esta gente mineira

Piedade de Ponte Nova

Meu tesouro e bem querer

Piedade de Ponte Nova

Sou teu filho e por ti vou viver.

No contexto de tua página mais bela

Nossa história registra feliz

Dom Viçoso erigindo uma capela

Integrando esta seara aos pais

Este anel montanhoso imponente

Que circunda e protege o teu chão

Testemunha o valor de tua gente

Que trabalha com fé e união."

(1) Os fazendeiros eram: Sr José Pedro Vieira, Sr Francisco Martins Valadão, Cel Francisco Martins de Oliveira, Cel Antônio, Sr Antônio Tibúrcio, Sr Antônio Mosqueira e Sr Francisco Martins de Oliveira.

(2) Livro de Tombo da Igreja Matriz de Piedade de Ponte Nova.

(3) IBGE - Contagem População 2007.

Fonte: Fontes: Biblioteca Municipal de Piedade de Ponte Nova, Arquivo Público Mineiro, Dicionário Histórico e Geográfico de Minas Gerais, IGA (Instituto de Geociências Aplicadas), Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, Planos de Desenvolvimento do Município de Piedade de Ponte Nova, Minas Gerais. Parte 1 - Informações Básicas por Maria do Carmo Zinato, 1996.

Autor do Histórico: ADELIMáRCIO LEONIDAS VIANA GONçALVES

Código do Município

3150208

Gentílico

piedadense

Prefeito

ANTONIO MAYRINK BORDONI

População
População estimada [2018]4.140 pessoas  
População no último censo [2010]4.062 pessoas  
Densidade demográfica [2010]48,51 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]1,6 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]467 pessoas  
População ocupada [2016]11,1 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]37,5 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]98,1 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]5,1  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,1  
Matrículas no ensino fundamental [2017]506 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]179 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]29 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]14 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]2 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]1 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]10.390,55 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]95,3 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,639  
Total de receitas realizadas [2017]14.682,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]12.102,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]20 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,2 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]3 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]83,733 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]84,1 %  
Arborização de vias públicas [2010]67,8 %  
Urbanização de vias públicas [2010]38,7 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Piedade de Ponte Nova: Imagens da cidade e Região

imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-1
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-2
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-3
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-4
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-5
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-6
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-7
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-8
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-9
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-10
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-11
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-12
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-13
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-14
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-15
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-16
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-17
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-18
imagem de Piedade+de+Ponte+Nova+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Piedade de Ponte Nova e arredores.


Você conhece a cidade de Piedade de Ponte Nova? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: