Início » Minas Gerais » Lagoa Formosa


Lagoa Formosa - Minas Gerais



Lagoa Formosa faz parte do estado de Minas Gerais.

Lagoa Formosa, antigo distrito criado em 1880 e subordinado ao município de Patos de Minas, foi elevado à categoria de município pela Lei Estadual nº 2764, de 30 de dezembro de 1962. 30-12-1962.

Sua população, segundo os dados do IBGE em 2010 era de 17.161 habitantes.

Lagoa Formosa

Contam os nossos antepassados que um certo dia, alguns tropeiros vinham de Conquista indo a outros centros buscar sal para os animais. Próximo ao Ribeirão da Babilônia, que era a princípio um local de pouso dos tropeiros, resolveram dar um alivio aos animais que estavam exaustos.

Um deles, chamado Zeca Limírio, percebeu que seus animais tinham fugido ao alcance de sua visão rumo a uma pequena elevação que se formava ao norte do ribeirão. Subindo pela elevação, descortinou uma linda e aprazível lagoa, onde os animais se alojavam tranquilamente, deliciando-se de sombra e água fresca. Este foi possivelmente o primeiro contato de um tropeiro com a nossa lagoa, até então totalmente selvagem.

Algum tempo depois, um outro tropeiro chamado Valdemar de Almeida Barbosa, que foi um dos que deixaram manuscritos em um diário de suas viagens, a certa altura de seus escritos narrava: ´com a longa viagem pela estrada real que demanda ao sertão do Paracatu, os tropeiros batiam pousada em vários pontos, pois era impossível prosseguir adiante naquele dia´. Descreve ainda, um local onde alimentavam a tropa e descansavam, apreciando a bela paisagem dominada pela vegetação dos campos mineiros, tendo ao fundo frondosas árvores nativas, circundando uma bela lagoa. Neste lugar, narra o tropeiro, cozinhavam os alimentos, refaziam suas energias e faziam descansar as mulas cargueiras.

O ponto de parada era aprazível, desabitado, de terra fértil, com água pura e abundante, fatores estes convidativos para estabelecerem ali a sua morada. O lugar que o tropeiro tanto apreciou, foi chamado inicialmente de Lagoa das éguas (outros diziam que se chamava Lagoa dos Tropeiros), que depois vira a ser Lagoa Formosa. Começava aí a ser escrita a história específica do lugar.

O primeiro morador oficialmente instalado foi o Sr. Pacheco de Araújo, que se fixou provavelmente à margem do Ribeirão da Babilônia, local hoje fora do perímetro urbano, porém muito próximo à cidade. O local provável da sede do Sr. Pacheco foi próximo à ponte da BR 354, margeando a direita do ribeirão.

Como a estrada real passava nos limites de sua propriedade, fazia com que muitos tropeiros ali parassem para troca de prosas ou mesmo barganhas de produtos, o que era muito comum naquela época. O movimento era grande, e fez ali instalar outras famílias já mais próximas à lagoa. Era um tropeiro que resolvera aposentar suas andanças, outro que ali deixa sua família e seguia viagem, e por aí vai.

O lugar cresceu. O seu desenvolvimento social, político e econômico revestiu-se de características semelhantes às de outros vilarejos: ´ambiência patriarcal´. Dessa forma, ano após ano, ver-se-ia instalando em torno da fé e do trabalho, a comunidade viva.

Em 1858, foi criado o distrito de Nossa Senhora da Piedade de Alagoa Formosa (alguns escritos trazem Lagoa), sob a tutela da freguesia de Patos de Minas.

Em 10 de outubro de 1858, foi lavrada a escritura de doação do patrimônio, assinada já por Manoel Simões de Lima e Dª Francisca Maria Siqueira, sucessores de José Manuel de Santana.

Vinte anos depois, em 1878, é elevado de distrito à freguesia, ficando desmembrado da freguesia de Patos de Minas. Não se deve confundir com emancipação política. Criava-se a Paróquia de Nossa Senhora da Piedade.

Havia na época, dois pontos destacáveis no povoado: A Casa de Oração e a Lagoa d´água.

Com o progresso do local, fazendo com que as coisas se tornassem mais fáceis, a aquisição de produtos de outros locais não era mais tão necessária, o movimento dos tropeiros logo cairia em decadência, fazendo com que isto fosse motivo para a 1ª crise econômica e social do local. Não havia tanta circulação de encomendas e informações, e não havia circulação de dinheiro em espécie.

Os tropeiros lá se foram, deixando marcas que o tempo jamais conseguirá apagar.

Os moradores mais apaixonados pelo lugar procuraram logo esconder a alcunha ´Lagoa das éguas´. Só que apenas cerca de meio século depois, o local mudou de denominação, vindo a ser chamado de Lagoa Formosa em 1938 , nome que os moradores já falavam há muito tempo e que até hoje impera.

O maior intercâmbio cultural do lugar foi com Patrocínio, Santana de Patos e Patos de Minas. é inegável a participação principalmente de Patrocínio e Patos de Minas na nossa história. Os costumes, as tradições, e a cultura tiveram influencia destas cidades que a esta altura já tinham uma certa estrutura. Podemos dizer que estivemos ligados umbilicalmente a Patrocínio, espécie de metrópole regional, e certamente de lá herdamos muitas qualidades que passaram a integrar definitivamente a constituição social de nosso povo.

A criação da cidade deu-se em 1962, e sua instalação deu-se no ano seguinte.

Formação Administrativa

Distrito criado com denominação de Lagoa Formosa, pela Lei Provincial nº 2656, de 04-11-1880, e Lei Estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Patos.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Lagoa Formosa, figura no município de Patos.

Assim permanecendo nos quadros de apuração do recenseamento geral de 1-IX-1920.

Pela Lei Estadual n 843, de 07-09-1923, o distrito de Lagoa Formosa passou a denominar-se Nossa Senhora da Piedade da Lagoa Formosa.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Nossa Senhora da Piedade da Lagoa Formosa, figura no município de Patos.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo Decreto-Lei Estadual nº 88, de 30-03-1938, o distrito de Nossa Senhora da Piedade da Lagoa Formosa, passou a denominar-se Senhora da Piedade da Lagoa Formosa.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Senhora da Piedade da Lagoa Formosa, figura no município de Patos.

Pelo Decreto Lei Estadual nº 1058, 31-12-1943, o distrito de Senhora da Piedade da Lagoa Formosa passou a denominar-se simplesmente Lagoa Formosa e o município de Patos teve seu nome acrescido para Patos de Minas.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Lagoa Formosa (ex-Senhora da Piedade da Lagoa Formosa), figura no município de Patos de Minas (ex-Patos).

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.

Elevado à categoria de município com a denominação de Lagoa Formosa, pela Lei Estadual nº 2764, de 30-12-1962, desmembrado de Patos de Minas.

Sede no antigo distrito de Lagoa Formosa. Constituído de 2 distritos: Lagoa Formosa e Monjolinho de Minas . Instalado em 01-03-1963.

Em divisão territorial datada de 31-12-1963, o município é constituído de dois distritos.

Pela Lei Estadual nº 8285, de 08-10-1982, é criado o distrito de Limeira de Minas (ex-povoado de Limeira), com terras desmembradas do distrito de Monjolinho de Minas e anexado ao município de Lagoa Formosa.

Em divisão territorial datada de I-VII-1983, o município é constituído de 3 distritos: Lagoa Formosa, Limeira de Minas e Monjolinhos de Minas.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: www.lagoaformosa.mg.gov.br

Código do Município

3137502

Gentílico

lagoense

Prefeito

JOÃO MARTINS DE PAULA

População
População estimada [2018]17.991 pessoas  
População no último censo [2010]17.161 pessoas  
Densidade demográfica [2010]20,41 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]1,8 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]2.781 pessoas  
População ocupada [2016]15,4 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]31,5 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]98,7 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]7,2  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]5,2  
Matrículas no ensino fundamental [2017]2.163 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]613 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]140 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]55 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]11 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]3 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]18.671,26 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]73,3 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,703  
Total de receitas realizadas [2017]60.204,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]54.753,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]14,08 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,2 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]10 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]840,920 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]73,8 %  
Arborização de vias públicas [2010]73,2 %  
Urbanização de vias públicas [2010]8,5 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Lagoa Formosa: Imagens da cidade e Região

imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-1
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-2
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-3
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-4
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-5
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-6
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-7
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-8
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-9
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-10
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-11
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-12
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-13
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-14
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-15
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-16
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-17
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-18
imagem de Lagoa+Formosa+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Lagoa Formosa e arredores.


Você conhece a cidade de Lagoa Formosa? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: