Início » Paraná » Irati


Irati - Paraná



Irati faz parte do estado do Paraná. Está localizado a cerca de 150km da capital Curitiba, na região Centro-Sul do estado, conforme dizem os habitantes, embora esteja oficialmente na região Sudeste do Paraná, conforme as mesorregiões estabelecidas pelo IBGE.

A população é formada pela mescla de diferentes etnias (especialmente poloneses e ucranianos que buscam manter costumes e tradições de seus ascendentes, o que torna a cidade bastante agradável).

Está em Irati a maior imagem de Nossa Senhora das Graças do mundo, com 22 m de altura. Passam pela cidade a BR-277, que corta todo o estado de leste a oeste(de Porto de Paranaguá a Foz do Iguaçu, fronteira com o Paraguai), e a BR-153, que corta o pais de norte a sul.

História da cidade de IRATI PARANá Monografia - nº 154 Ano: 1957

ASPECTOS HistóricoS

A REGIãO de que faz parte o Município de Irati teria sido inicialmente povoada, pelos índios Iratins ou iratins, ramo dos Tupis que habitavam o Paraná.

A partir de 1890, famílias procedentes de Campo Largo, Assungui de Cima e Lapa fixaram-se naquela área, fundando-se, então, o povoado de Covozinho ou Covalzinho, que se tornaria mais tarde a sede de Irati, nome adotado em 1899, quando da penetração dos trilhos da antiga Estrada de Ferro São Paulo - Rio Grande. Francisco Paula Pires, Pacífico de Souza Borges, José Monteiro, João Tomaz Ribas, Lino Esculápio Mariano e Emílio Batista Gomes são apontados como os pioneiros do progresso da zona.

Formação Administrativa

Irati foi elevado à categoria de Município pela Lei nº 716, de 2 de abril de 1907. No ano seguinte, a nova comuna paranaense recebeu a primeira leva de colonos estrangeiros, custeados pelo Governo Federal: alemães, holandeses e principalmente poloneses, os quais iriam dar impulso decisivo a economia local.

Segundo o quadro da divisão administrativa vigente em 1º de julho de 1957, o Município de Irati é formado pelos distritos de Irati, Gonçalves Júnior, Guamirim e Itapará.

O TERRITóRIO do Município é bastante acidentado. Dois terços, aproximadamente, são montanhosos.

Destacam-se a serra da Esperança, onde se localizam o cerro de Nhá Cota, com 1.000 metros de altitude, e o morro da Ordenança, com 950 metros. No revestimento florístico, predominam as capoeiras, cabendo uma terça parte às matas. Entre os cursos d′água, contam-se o rio dos Patos, o Curatuva, o das Antas, o Preto e o

Riozinho. No Curatuva há uma cachoeira cuja força, avaliada em 250 H.P., é aproveitada pela Empresa de Força e Luz de Irati.

O clima é temperado e, em geral, saudável, como o de todo o sul do Estado variando a temperatura desde o mínimo de 5 graus centígrados abaixo de zero até o máximo de 38 graus. Registram-se geadas no inverno. As chuvas caem com mais intensidade de setembro a fevereiro.

Há ocorrências, no Município, de águas sulforosas, não exploradas, e xisto betuminoso em formações subterrâneas não muito profundas.

LOCALIZAçãO DO MUNICíPIO

O MUNICíPIO está localizado na Zona Fisiográfica de Irati, uma das 11 zonas em que o Estado se divide.

A Cidade de Irati tem como coordenadas: 25º 27′ 56" de latitude sul e 50º 37′ 51" de longitude W. Gr. Dista, em linha reta, da Capital Estadual, 137 km, na direção de 88º 21′ S. W.

ASPECTOS DEMOGRáFICOS

FORAM recenseados, em 1950, 25.491 habitantes (12.641 homens e 12.850 mulheres). 96% dos habitantes eram de cor branca; 95% eram católicos romanos e 94%, brasileiros natos. No conjunto estadual, as correspondentes percentagens atingiam 86%, 92% e 96%, respectivamente.

Na cidade (quadros urbano e suburbano do distrito-sede) encontram-se aproximadamente 28% da população e nas vilas, 3%. Ao quadro rural corresponde 69% ( 78% no estado ).

PRINCIPAIS ATIVIDADES ECONôMICAS

TENDO-SE em vista o total das pessoas de 10 anos e mais, no Censo de 1950, estimam-se em 65% e 14% as quotas das que exerciam, respectivamente, atividades agropecuárias e no ramo "indústrias de transformação". No referido total não foram incluídos os habitantes inativos, os que exerciam atividades domésticas não remuneradas, discentes e, bem assim, aqueles cuja atividade não foi declarada ou não pode ser bem definida.

Agricultura e Pecuária A AGRICULTURA constitui o fator mais ponderável na economia de Irati, cujo território está quase todo distribuído em pequenas propriedades.

Como principais culturas, destacam-se a batata-inglesa, o trigo e o milho. Irati é um dos primeiros produtores de batata-inglesa, no Estado, o que em parte se deve, provavelmente, a natureza argilo-silicosa do solo. Nas áreas cultivadas são empregados o arado e o adubo animal, obtendo-se alto rendimento do produto. A quase totalidade da produção destina-se a capital paulista, havendo pequena exportação para o Estado do Rio de Janeiro.

Também como produtor de trigo, Irati figura entre os primeiros municípios do Paraná.

O sistema empregado na cultura da batata, do trigo, do milho e do centeio, é o de "rotação de terras melhoradas". A rotação é a curto prazo: plantam-se a batata-inglesa e o milho juntos, no verão; as terras ocupadas pelo trigo e o centeio no inverno ficam em descanso de um a dois anos, recomeçando-se depois o ciclo.

Em 1955, segundo o Serviço de Estatística da Produção, o valor dos produtos agrícolas atingiu 255 milhões de cruzeiros. Em "outros", incluem-se arroz com casca, cebola, mandioca, centeio, batata-doce, alho, uva, amendoim com casca, laranja, maçã, pêra, tangerina, caqui, pêssego e limão. Com relação à pecuária, não conta o Município grandes efetivos, exceto no que se refere ao gado suíno.

A produção de leite, no referido ano, foi de 1.523.000 litros.

Indústrias de Transformação NOS RAMOS de atividade pesquisados pelo Censo de 1950, as indústrias de transformação ocupavam

o segundo lugar no Município. Prevalece no quadro de produção a indústria da madeira (beneficiamento). Os resultados do Registro Industrial, em 1955, revelam a existência de 36 estabelecimentos

(com 5 pessoas ou mais), que davam ocupação a 982 operários; o valor da produção atingia 155 milhões de cruzeiros. A indústria de beneficiamento da madeira, com 450 operários, produziu 116 milhões de cruzeiros, ou seja, 74% do valor total de todas as classes.

A despeito da posição destacada dessa indústria não são consideradas boas as suas perspectivas, dado o rareamento dos pinheiros e o desaparecimento quase que por completo da imbuía e do cedro. Entretanto, a situação tende a ser contrabalançada com a intensificação das atividades fabris (vidro, telhas, tijolos, fósforo e fundição), que vem acusando índices promissores de desenvolvimento.

De acordo ainda com o Registro Industrial, o ramo "transformação de minerais não metálicos", que em 1955 era o segundo em importância, contava 310 operários. A produção de telhas e tijolos atingiu aproximadamente 12 milhões de cruzeiros. A indústria de fósforos, que ocupava, no ano referido, 111 operários, produziu 8 milhões de cruzeiros.

Indústrias Extrativas AS INDúSTRIAS extrativas ocupavam, em 1955, posição de certo relevo. há produção de carvão ativo, alcatrão e carvão granulado, cujo valor coloca esse ramo industrial entre os três de maior importância no Município.

MEIOS DE TRANSPORTE

IRATI é servido pela Viação Férrea Paraná-Santa Catarina. Suas comunicações com as cidades vizinhas, a Capital do Estado e a do país são feitas pelos

seguintes meios de transporte: Imbituva - Rodoviário: 56 km; Prudentópolis - Rodoviário: 58 km; Guarapuava - 1) Rodoviário: 144 km (via Relógio); 2) Ferroviário: 149 km.; Rio Azul - 1) Rodoviário: 39 km; 2) Ferroviário: 48 km.; Rebuças - 1) Rodoviário: 20 km; 2) Ferroviário: 27 km; Teixeira Soares - 1) Rodoviário: 26 km; 2) Ferroviário: 34 km ; Capital Estadual - 1) Rodoviário: 174 km; 2) Ferroviário: 284 km Capital Federal - 1) Rodoviário: 1084 km (via Curitiba); 2) Ferroviário.

COMéRCIO E BANCOS IRATI mantém transações comerciais com a Capital do Estado e outras praças dos estados vizinhos.

Segundo o Departamento Estadual de Estatística do Paraná, o comércio interestadual acusou, para o Município, em 1955, exportação de mercadoria no valor de cerca de 132 milhões de cruzeiros, ou seja, 1% aproximadamente do respectivo total estadual.

A exportação custou, especialmente, de madeira em bruto ou simplesmente preparada ( 36 milhões de cruzeiros ), caixas de madeira para embalagem ( 35 milhões de cruzeiros ), batatas ( 14 milhões de cruzeiros ) e carvões ativos ( 9 milhões de cruzeiros ). Deve-se ressalvar, porém, que a estatística correspondente, levantada por aquele .Departamento, inclui produtos originários de outros municípios e que são ali redistribuídos.

No comércio importador, figuram gêneros alimentícios, tecidos em geral, armarinhos, máquinas, motores e calçados. Quanto ao movimento bancário, Irati ocupa o segundo lugar na zona respectiva, composta de 10 municípios, dos quais apenas 4 dispõem de estabelecimentos bancários. Operavam na praça de Irati, naquele mesma data, 3 estabelecimentos bancários (agências): Banco do Brasil S A., Banco Comercial do Paraná e Banco do Estado do Paraná.

SALáRIOS

RELATIVAMENTE ao salário-mínimo do trabalhador adulto (vigente a partir de 1º de agosto de 1956), acha-se o Estado do Paraná dividido em 3 sub-regiões, cujos salários-mínimos mensais variam de

2.300 a 2.700 cruzeiros. Irati faz parte da 2ª. sub-região, com salário-mínimo mensal de 2.500 cruzeiros.

INSTRUçãO PUBLICA

COM base nos resultados censitários de 1950, pode estimar-se, atualmente, para o Município, uma quota de alfabetização superior a 65%, percentagem observada naquele ano (calculada sobre o total das pessoas presentes de 10 anos e mais).

Para o Estado do Paraná a percentagem correspondente era de 51%.

Ensino

SERVEM atualmente a população 63 unidades escolares de ensino primário fundamental comum.

O ensino médio e ministrado pelo Colégio Irati, que mantém curso ginasial, científico, normal e técnico de contabilidade; pelo Ginásio Nossa Senhora das Graças, como os cursos ginasial e normal, e

o Ginásio São Vicente de Paulo, com, apenas, o curso ginasial.

FINANçAS PúBLICAS

EM 1956, a receita total orçada para o Município foi de 5.760 milhares de cruzeiros, dos quais 3.020 correspondentes à tributária; a despesa fixada foi de 5.760 milhares de cruzeiros.

DIVERSOS ASPECTOS DA VIDA MUNICIPAL

A CIDADE de Irati, situada em vales e encostas de serras, tende a expandir-se em terrenos acidentados. é banhada pelo rio das antas, que a atravessa numa grande extensão.

A fim de corrigir o traçado sinuoso da cidade, a administração municipal vem realizando serviços de retificação de ruas e de calçamento a paralelepípedo e macadame. A área calçada é de

46.500 m dos quais 30.000 metros quadrados de paralelepípedo. Outras melhorias vem sendo feitas, como obras de saneamento e ajardinamento de praças.

Alguns edifícios se destacam na paisagem urbana: Prefeitura Municipal, Hospital de Caridade São Vicente de Paulo, Ginásio Irati, Grupo Escolar, Posto de Fomento Agrícola, Cine-teatro Central. Colégio N.S.ª. das Graças, Escola Apostólica São Vicente de Paulo e Igreja Matriz.

Quanto ao aspecto cultural, além de possuir 3 estabelecimentos de ensino médio, há a assinalar a existência de 2 semanários, o "Correio do Sul" e a "Tribuna do Município". Existe em funcionamento uma emissora - a Rádio Cultura Iratiense. Há 3 bibliotecas, todas de caráter geral: a do "Clube do Comércio", com 1.033 volumes; a do Grêmio Dr. Fernando Seiller Rocha, anexa ao Colégio Irati, com

2.080 volumes, e, finalmente, a Biblioteca Pública Municipal, dotada de 465 volumes. No campo da assistência social, contam os habitantes do Município com o Hospital de Caridade São Vicente de Paulo.

Instalada na cidade encontra-se a Agência Municipal de Estatística, órgão integrante do sistema estatístico brasileiro.

Fonte: IBGE

Código do Município

4110706

Gentílico

iratiense

Prefeito

JORGE DAVID DERBLI PINTO

População
População estimada [2018]60.357 pessoas  
População no último censo [2010]56.207 pessoas  
Densidade demográfica [2010]56,23 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,3 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]13.291 pessoas  
População ocupada [2016]22,1 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]32,6 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]98,5 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]6,3  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,8  
Matrículas no ensino fundamental [2017]7.136 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]2.731 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]472 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]248 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]48 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]14 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]26.207,22 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]66,5 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,726  
Total de receitas realizadas [2017]163.562,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]140.859,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]12 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,6 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]42 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]999,517 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]73,6 %  
Arborização de vias públicas [2010]78 %  
Urbanização de vias públicas [2010]21,3 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Irati: Imagens da cidade e Região

imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-1
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-2
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-3
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-4
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-5
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-6
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-7
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-8
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-9
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-10
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-11
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-12
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-13
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-14
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-15
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-16
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-17
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-18
imagem de Irati+Paran%C3%A1 n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Irati e arredores.


Você conhece a cidade de Irati? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: