Início » Minas Gerais » Santana do Paraíso


Santana do Paraíso - Minas Gerais



Santana do Paraíso é uma cidade no interior do estado de Minas Gerais. Pertencente à Mesorregião do Vale do Rio Doce e Microrregião de Ipatinga,. encontra-se a nordeste da capital do estado, distando desta cerca de 237 quilômetros. Ocupa uma área de 275,529km², 3,3549km² em perímetro urbano, e sua população, em 2010, foi contada em 27258 habitantes, sendo assim o 162º mais populoso do estado de Minas Gerais e o quarto de sua microrregião, perdendo para Belo Oriente, Coronel Fabriciano, Ipatinga e Timóteo. Juntamente com estas três últimas cidades citadas forma a Região Metropolitana do Vale do Aço, composta ainda pelos 22 municípios do colar metropolitano.

A sede tem temperatura média anual de 21,5°C e a vegetação do município pertence ao domínio de mata atlântica. Em relação à frota automobilística, em 2009 foram contabilizados 2414 veículos em Santana do Paraíso. Com uma taxa de urbanização da ordem de 94,72%, o município contava em 2009 com oito estabelecimentos de saúde. O seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é de 0,712, considerando-se assim como médio em relação ao estado de Minas Gerais. A zona urbana municipal está em constante crescimento, devido ao grande desenvolvimento populacional e demográfico das cidades vizinhas e com o anúncio da construção de uma unidade da Usiminas em Santana do Paraíso - seu território está sendo valorizado pelas imobiliárias.

A cidade vem se tornando conhecida ainda pelas suas tradicionais festas realizadas nos meses de junho e julho, como a Festa de Santo Antônio, que é bastante famosa pela sua fogueira de 14 metros; e também pela festa de Sant′Ana, que reúne anualmente um público de cerca de 12mil pessoas. Santana do Paraíso também conta com alguns atrativos naturais, como cachoeiras e pequenos rios ideais para prática de esportes radicais.

História da cidade de Santana do Paraíso

Conta a história que a ligação entre as cidades de Ferros e Calado (atual Coronel Fabriciano) era feita em lombo de animais, cortando nossas matas, subindo e descendo serras. Os tropeiros e viajantes solitários, ao pegarem o caminho com destino a Ferros, ou chegando ao Calado, tinham nas cachoeiras de Taquaraçu (hoje Santana do Paraíso) seu ponto de parada.

Em todo o percurso desta estrada, Taquaraçu era usada como pousada porque a natureza ali oferecia o que tinha de mais belo, além da água abundante das cachoeiras. Com o passar dos tempos um vilarejo acabou se formando no local e seu nome batizado como Santana do Paraíso, em homenagem à paisagem natural belíssima e a Nossa Senhora de Santana, escolhida como padroeira do vilarejo pelos párocos locais.

Na história recente muitos foram os que lutaram para o seu crescimento e emancipação político-administrativa.

O povoado de Santana do Paraíso do Taquaraçu foi constituído através de doaçãoes e venda de terreno feitas à Igreja Católica, em nome de Santa Ana. Nessa época, o povoado integrava o município de Conceição de Mato Dentro.

Gentílico

Formação Administrativa

Em 1892, O povoado de Santana do Paraíso do Taquaraçu tornou-se distrito.

A partir de 1923, o distrito foi transferido para o Município de Mesquita, permanecendo nessa condição até a data de sua emancipação, em 1992.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Santana_do_Para%C3%ADso. Consulta em 11.09.2008.

Autor do Histórico: JOÁO DOS SANTOS BRAGA

Código do Município

3158953

Gentílico

paraisense

Prefeito

LUZIA TEIXEIRA DE MELO

População
População estimada [2018]33.934 pessoas  
População no último censo [2010]27.265 pessoas  
Densidade demográfica [2010]98,76 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,0 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]4.957 pessoas  
População ocupada [2016]15,4 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]36,5 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]97,1 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]6,1  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,4  
Matrículas no ensino fundamental [2017]3.738 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]1.257 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]218 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]109 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]12 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]6 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]15.602,87 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]71,4 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,685  
Total de receitas realizadas [2017]57.990,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]55.456,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]10,08 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,4 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]12 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]276,067 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]77,2 %  
Arborização de vias públicas [2010]74,2 %  
Urbanização de vias públicas [2010]11,3 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Santana do Paraíso: Imagens da cidade e Região

imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-1
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-2
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-3
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-4
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-5
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-6
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-7
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-8
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-9
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-10
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-11
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-12
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-13
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-14
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-15
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-16
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-17
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-18
imagem de Santana+do+Para%C3%ADso+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Santana do Paraíso e arredores.


Você conhece a cidade de Santana do Paraíso? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: