Início » Espírito Santo » Atílio Vivácqua


Atílio Vivácqua - Espírito Santo



Atílio Vivácqua é um município da região sul do estado brasileiro do Espírito Santo. A população avaliada em 2004 era de 9.179 habitantes.

Antigamente seu nome era Marapé, sendo que até hoje é conhecido por esse nome. Era apenas um distrito de Cachoeiro de Itapemirim, mas foi emancipado pelo governador Atílio Vivacqua em 1963. É um município calmo, típico de um município de interior. Com as maiores riquezas e belezas naturais, ainda não exploradas economicamente.

A economia local está em um estágio de evolução, por ser uma cidade do interior, há uma grande produção de matéria prima agrícola, como leite e plantações de café. Entretanto, aos poucos vem se industrializando, principalmente no setor de rochas ornamentais.O comércio local teve crescimento, hoje encontramos, shopping com grande lojas e marcas.

História da cidade de Atílio Vivacqua

A história do município de Atílio Vivacqua está ligada à colonização de Cachoeiro de Itapemirim. As primeiras investidas de desbravamento aconteceram nos primórdios do século XVIII, quando chegaram os primeiros aventureiros atraídos pelo ouro existente nas Minas de Castelo, então dominadas pelos índios Puris. Até o ano de 1963, o atual município de Atílio Vivacqua foi distrito cachoeirense, com a denominação de Marapé.

A lei estadual nº 1916 de 30-12-1963, criou o município com a denominação de Atílio Vivacqua, em homenagem ao grande Jurisconsulto e Senador capixaba, Dr. Atílio Vivacqua.

A instalação do município ocorreu a 10-04-1964.

Gentílico: atílio-vivacquense

Formação Administrativa

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, figura no município de Cachoeiro de Itapemirim o distrito de São Gabriel do Muqui.

Pela lei nº 933, de 06-12-1913, o distrito de São Gabriel do Muqui passou a denominar-se São Felipe.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de São Felipe figura no município de Cachoeiro de Itapemirim.

Pelo decreto-lei estadual nº 15177, de 31-12-1943, o distrito de São Felipe passou a denominar-se Marapé.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948 o distrito já denominado Marapé figura no município de Cachoeiro de Itapemirim.

Em divisão territorial datada de I-07-1955, o distrito de Marapé permanece no município de Cachoeiro de Itapemirim.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-07-1960.

Elevado à categoria de município com a denominação de Atílio Vivacqua, pela lei estadual nº 1916, de 30-12-1963, desmembrado de Cachoeiro de Itapemirim, sede no atual distrito de Atílio Vivacqua, ex-Marapé. Constituído de distrito sede. Instalado em 10-04-1964.

Em divisão territorial datada de I-I-1979, o município é constituído distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2003.

Alteração toponímica distrital:

São Gabriel do Muquí para São Felipe alterado, pela lei nº 933, de 06-12-1913.

São Felipe para Marapé alterado, pelo decreto-lei estadual nº 15177, de 31-12-1943.

Marapé para Atílio Vivacqua alterado, pela lei estadual nº 1916, de 30-12-1963.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Atílio Vivácqua: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Atílio Vivácqua? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: