Início » São Paulo » Jaboticabal


Jaboticabal - São Paulo



Jaboticabal faz parte do estado de São Paulo. Desde 1920, é também conhecido como "Atenas Paulista" por priorizar a educação.

As datas importantes para a formação política de Jaboticabal são:

História da cidade de Jaboticabal São Paulo

Por carta Sesmaria, de 27 de abril de 1820, João Pinto Ferreira adquiriu de João Rodrigues Lima uma gleba de terra no ribeirão da Cachoeira, com uma légua de frente, por três de fundo, dominada de matas, no sertão de Araraquara.

Aí formou sua fazenda, à qual chamou de Cachoeira e depois Pintos, iniciando em 1828, nas margens dos córregos do Cerradinho e Jaboticabal, um patrimônio em torno da capela, erguida em louvor a Nossa Senhora do Carmo, no dia 16 de julho.

à escritura de doação para o patrimônio foi lavrada na própria capela, em 18 de outubro de 1844, pelo tabelião vindo da Vila de São Bento de Araraquara.

à presença da capela, a fertilidade dos solos e a abundância de águas entre os dois córregos que contornam a colina onde se instalou a Cidade, contribuíram para a atração de moradores e progresso do povoado.

Em 1857, o Curato de Nossa Senhora do Carmo de Jaboticabal, foi elevado a Freguesia que, dez anos depois, passou à categoria de Vila.

Durante sua evolução política, Joboticabal incorporou um extenso território que abrangia os atuais municípios de Barretos, São José do Rio Preto, Bebedouro, Pirangi, Monte Alto, Taquaritinga, Guariba, Pitangueiras, Paraíso, Taiaçu e Taiuva.

Gentílico: jaboticabalense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Jaboticabal ex-povoado pela lei provincial nº 43, de 30-04-1857.

Elevado à categoria de município com a denominação de Jaboticabal ex-povoado, pela lei provincial n.º 10, de 05-07-1867, desmembrado de Araquara. Sede no atual distrito de Jaboticabal ex-povoado de Pontal do Rio Pardo. Instalado em 03-02-1868.

Elevado à condição de cidade com a denominação de Jaboticabal, pela lei municipial n.º 14, de 06-10-1894.

Pela lei estadual nº 663, de 06-09-1899, é criado o distrito de São Sebastião do Turvo e anexado ao município de Jaboticabal.

Pela lei estadual nº 873, de 09-09-1903, é criado o distrito de Taiaçu e anexado ao município de Jaboticabal.

Pela lei estadual nº 917, de 03-08-1904, é criado o distrito de Guariba e anexado ao município de Jaboticabal.

Pela lei estadual nº 1143, de 25-11-1908, é criado o distrito de Taiúva e anexado ao município de Jaboticabal.

Em divisão administrativa do Brasil referente ao ano de 1911, o município é constituído de 5 distritos: Jaboticabal, Guariba, São Sebastião do Turvo, Taiaçu e Taiúva.

Pela lei estadual nº 1402, de 23-12-1913, é criado o distrito de Pirangi ex-povaodo e anexado de Santo Antônio da Bela Vista e anexado ao município de Jaboticabal.

Pela lei estadual nº 1493, de 29-12-1915, é criado o distrito de São Sebastião do Turvo passou a chamar-se Irupí.

Pela lei estadual nº 1562, de 06-11-1917, desmembra do município de Jaboticabal o distrito de Guariba. Elevado à categoria de município.

Pela lei estadual nº 1575, de 14-12-1917, é criado o distrito de Córrego Rico e anexado ao município de Jaboticabal.

No quadro de Apuração do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, o município é constituído de 6 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico, Irupi ex-São Sebastião do Turvo, Pirangi, Taiaçu e Taiúva.

Pela lei estadual nº 1997, de 18-12-1924, é criado o distrito de Vila Novais e anexado ao município de Jaboticabal.

Pela lei estadual nº 6034, de 17-08-1933, o distrito de Irupi passou a denominar-se Vila Paraíso.

Em divisão administrativa do Brasil referente ao ano de 1933, o município é constituído de 7 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico, Pirangi, Taiaçu, Taiuva, Vila Novais e Vila Paraíso.

Pelo decreto nº 6609, de 16-08-1934, é criado o distrito de Lusitânia e anexado ao município de Jaboticabal.

Pelo decreto estadual nº 6998, de 07-03-1935, é criado o distrito de Ibitirama e anexado ao município de Jaboticabal.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído de 6 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico, Luisitânia, Taiaçu e Taiúva e Ibitirama.

Pelo decreto estadual nº 9775, de 30-11-1938, é extinto o distrito de Ibitirama, sendo seu território anexado ao distrito sede do município de Jaboticabal e o distrito de Vila Paraíso a denominar-se simplesmente Paraíso.

No quadro fixado vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 5 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico, Lusitânia, Taiaçu e Taiúva.

Pela lei estadual nº 233, de 24-12-1948, desmembra do município de Jaboticabal o distrito de Taiúva. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 4 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico, Lusitânia e Taiaçu.

Pela lei estadual nº 2456, de 30-11-1953, desmembra do município de Jaboticabal o distrito de Taiaçu. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Jaboticabal, Córrego Rico e Lusitânia.

Assim permanecendo em divisões territoriais datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 706,602: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 16: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 8.268: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 2.954: matrículas
Número de unidades locais: 3.429: unidades
Pessoal ocupado total: 26.128: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 30.815,15: reais
População residente : 71.662: pessoas
População residente - Homens: 34.794: pessoas
População residente - Mulheres: 36.868: pessoas
População residente alfabetizada: 63.858: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 19.228: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 43.726: pessoas
População residente, religião espírita: 3.907: pessoas
População residente, religião evangélicas: 14.791: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 3.825,21: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 3.156,97: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 396,67: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 700,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,778:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Jaboticabal: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Jaboticabal? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: