Início » Paraná » Barracão


Barracão - Paraná



Barracão é uma cidade do sudoeste do Paraná conurbada com a cidade de Dionísio Cerqueira (Santa Catarina), e Bernardo de Irigoyen (Argentina), com as quais forma uma triplice fronteira (Argentina, Santa Catarina e Paraná).

Os tropeiros, a caminho do Rio do Grande do Sul, fizeram uma parada na região. Construiram um grande barracão como abrigo para passarem a noite. Este fato ficou marcado entre os poucos moradores que lá já habitavam na época, o que futuramente inspirou o nome da cidade.

Tem uma população estimada em 9021 habitantes para o ano de 2005. Entretanto adicionando-se as populações das três cidades fronteiriças, pode-se considerar como um núcleo urbano de aproximadamente 35 mil habitantes. A cidade encontra-se sobre um maciço a 820 m de altitude, sendo as áreas ao redor de altitude cerca de 100 m menor que a da sede.

História da cidade de No dia 04 de julho de 1903, o General Dionísio Cerqueira, na época Chefe da Comissão de Demarcação dos Limites entre Brasil e Argentina, fundou um povoado nas cabeceiras dos Rios Capanema e Peperi Guaçu, na fronteira com a vizinha República do Prata.

O primeiro morador da localidade, que posteriormente recebeu a denominação de Barracão, foi Misael Siqueira Bello que, na condição de pioneiro deu grande impulso ao desenvolvimento do local.

Inclusive, Misael foi por vários anos agente de Correios e Telégrafos e também, o primeiro prefeito do município.

Dada a exuberância e a fertilidade das terras e a grande quantidade de madeira existente, colonos vindos dos Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, estabeleceram-se em Barracão, dedicando-se à extração de madeira e de erva-mate, e, também, à cultura de cereais, fumo e cana de açúcar, com o que o povoado teve rápido crescimento.

Em 1914, foi criado um Distrito Judiciário com a denominação de Dionísio Cerqueira, com sede no lugar denominado Barracão, no Município de Clevelândia.

Havia, na época, uma questão de limites entre os Estados do Paraná e Santa Catarina que foi resolvida em 1916, com a celebração de um acordo entre os dois Estados. Em função desse acordo de limites, Barracão foi dividido em dois, ficando parte no Paraná e parte em Santa Catarina, separadas apenas por uma linha divisória seca.

A parte que ficou no Paraná, permaneceu com o nome de Barracão e a que ficou em Santa Catarina, recebeu a denominação de Dionísio Cerqueira, em homenagem ao seu fundador. A cidade fundada no lado Argentino, separada apenas pelo Rio Peperi Guaçu, recebeu a denominação de Bernardo Irigoyen, mais tarde mudada para Barracon. Desta forma, Barracão no Paraná e Dionísio Cerqueira em Santa

Catarina parece formarem uma só Cidade.

Em 1951, Barracão foi elevado a Município.

Barracão era o nome de uma hospedaria construída no povoado e que servia de local de pouso e descanso de tropeiros, originando-se, daí, o nome do Município.

Gentílico: barraconense

Formação Administrativa

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, figura no município de Clevelândia o distrito de Dionísio

Cerqueira.

Pelo decreto-lei estadual n.º 7573, de 26-10-1938, o distrito de Dionísio Cerqueira passou a denominar-se Santo Antônio. Sob o mesmo decreto o distrito de Santo Antônio foi extinto, sendo seu território anexado ao distrito de Pato Branco.

Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Barracão, pela lei estadual n.º 790, de 14-11-1951, desmembrado de Clevelândia. Sede no atual distrito de Barracão. Constituído do distrito sede. Instalado em 14-12-1952.

Pela lei municipal n.º 13, de 20-08-1955, são criados os distritos de Bom Jesus do Barracão, Salgado Filho, São Sebastião da Bela Vista e Siqueira Belo e anexados ao município de Barracão.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 5 distritos: Barracão, Salgado Filho, São Sebastião da Bela Vista, Siqueira Belo e Bom Jesus do Barracão.

Pela lei municipal n.º 19, de 10-08-1962, é criado o distrito de Tiradentes e anexado ao município de Barracão.

Pela lei estadual n.º 4788, de 29-11-1963, desmembra do município de Barracão os distritos de Salgado Filho, São Sebastião do Bela Vista e Tiradentes. Para formar o novo município de Barracão.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 3 distritos: Barracão, Bom Jesus do Barracão e Siqueira Belo.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VI-1995.

Pela lei estadual n.º 11260, de 21-12-1995, desmembra do município de Barracão o distrito de Bom Jesus do Sul (ex-Bom Jesus do Barracão). Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 15-VII-1999, o município é constituído de 2 distritos: Barracão e Siqueira Belo.

Alterações Toponímicas Distritais:

Dionísio Cerqueira para Santo Antônio alterado, pelo decreto-lei estadual n.º 7573, de 2610-1938.

Santo Antônio para Barracão alterado, pela lei estadual n.º 790, de 14-11-1951.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 171,402: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 11: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 1.456: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 520: matrículas
Número de unidades locais: 501: unidades
Pessoal ocupado total: 2.968: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 19.991,89: reais
População residente : 9.735: pessoas
População residente - Homens: 4.794: pessoas
População residente - Mulheres: 4.941: pessoas
População residente alfabetizada: 8.356: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 2.734: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 7.072: pessoas
População residente, religião espírita: -: pessoas
População residente, religião evangélicas: 2.344: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.161,47: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.685,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 263,33: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 510,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,706:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Barracão: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Barracão? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: