Início » Pernambuco » Terra Nova


Terra Nova - Pernambuco



Terra Nova faz parte do estado de Pernambuco.

A região onde está situada Terra Nova foi ocupado por sesmarias doadas pela poderosa Casa da Torre (cuja família, Garcia D′Ávila acumulou o maior latifundio brasileiro incluindo boa parte dos atuais estados da Bahia, do Sertão de Pernambuco, do Piauí e Carirí Cearense) ao fazendeiro Antonio Pereira da Costa. As lutas entre os sesmeiros e os grupos indígenas carirís misturados com grupos de origem tupí e africanos refugiados no litoral é recordado no nome de sítios como Contendas e Trincheira na fronteira do município com o vizinho Salgueiro, onde ainda hoje habitam descendentes de Antonio Pereira. Estes, de origem mestiça entre lavradores portugueses, índígenas e africanos, se misturaram com famílias de origem européia, provalvelmente filhos de reliogiosos ou aventureiros como as famílias Callou e Arnoud, de origem francesa, com os descendentes de Manoel de Sá fundador de Salgueiro-PE, Antonio da Cruz Neves, autor do Massacre do Ouro Preto, que eliminou os índios da região e Francisco Magalhães Barreto e Sá, fundador de Barbalha-CE. Descendia destes grupos o Coronel Geremias Sá, sua mulher Joaquina Parente de Sá Barreto, "Branca", e seu filho Glicério de Sá Parente que lideraram a cidade na sua emancipação política e o também coronel Pereira Dum das Taíras, atual distrito de Guaraní.

Os fazendeiros baianos e cearenses que ocuparam o município se dedicaram a pecuária extensiva, na chamada civilização do couro, vendido para o Carirí cearense e a região dos São Francisco. Contavam com escravos negros e agregados mestiços e índios conformados com a dominção desta aristocracia. Mais tarde, brancos pobres e ciganos chegaram ao território conquistando pequenas propriedades e se dedicando ao comércio. Dessa forma a população se dividiu em três classes, Famílias tradicionais de fazendeiros aparentados, brancos pobres e "cabras". Com o tempo, os negros conquistaram pequenos territórios, onde se dedicavam à agricultura de subsistência, formando verdadeiros quilombos, como Contendas, no município vizinho de Salgueiro - que foram trazidos para o local pelo "major" João Parente de Sá Barreto, primo de dona Branca - que conseguiu o ′status′ de Comunidade Quilombola.

História da cidade de Terra Nova Pernambuco - PE

Aproximadamente a 95 anos atras existia um terreno que o chamavam Novo Roçado ou Roça Nova e por intermédio deste nome originou-se a palavra TERRA NOVA que deu atual nome. Naquela época só habitava no referido local, Srs. José do Inês, João Felipe, João Morais, Manoel Felipe e Belarmino, sendo proprietário do terreno o Sr. Jeremias Parente de Sá.

Certo dia, José de Inês e seus companheiros, convidaram o Coronel Jeremias para criar uma feira, ficando para escolher o dia e data certa quando todos concordassem, pois não queria que coincidisse com as feiras das cidades vizinhas. a 16 de novembro de 1893 foi inaugurado, isto, é realizada a 1º feira, ficando definitivamente na quinta-feira, muito tempo depois passou a vila, sendo 3º distrito de Parnamirim.

Gentílico: terra-novense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Terra Nova, pela lei municipal nº 3, de 13-06-1896, subordinado ao município de Leopoldina. Tendo sede do distrito na povoação Pau Ferrado, pela lei municipal nº 9, de 11-12-1904, transfere a sede do distrito da população de Pau Ferrado para o de Mocambo.

Pela lei municipal de 19-01-1911, a sede volta a denominar-se Terra Nova.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Terra Nova figura no município de Leopoldina.

Assim permanecendo em divisão administrativa referente ao ano de 1933.

Pelo decreto-lei estadual nº 314, de 27-06-1934, é extinto o município de Leopoldina, passando o território de Leopoldina anexado aos municípios Granito ex-Bodocó, Salgueiro e Serrinha.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o distrito de Terra Nova figura no município de Granito.

Pela lei 92, de 31-03-1938, o distrito de Leopoldina passa a pertencer ao município de Bodocó transferindo de sede, conservando o distrito de Granito.

Pelo decreto-lei estadual nº 235, de 09-12-1938, é recriado o distrito de Terra Nova e anexado no município de Leopoldina.

Pelo decreto-lei nº 952, 31-12-1943, o município de Leopoldina, passou a denominar-se Parnamirim.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o distrito de Terra Nova figura no município Parnamirm ex-Leopoldina.

Em divisão territorial datada de I-VII-1955, o distrito de Terra Nova figura no município de Parnamirim.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-VII-1960.

Elevado à categoria do município com a denominação de Terra Nova, pela lei estadual nº 3340, de 31-12-1958, desmembrado de Parnamirim. Sede no antigo distrito de Terra Nova. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-03-1962.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alterações toponímicas distritais

Terra Nova para o Mocambo alterado pela lei municipal nº 3, de 13-03-1896. Mocambo para Terra Nova alterado, pela lei municipal de 19-01-1911.

Transferência distrital

Pelo decreto-lei estadual nº 314, de 27-06-1934, transfere o distrito de Terra Nova do município de Leopoldina para os de Granito, Salgueiro e Serrinha. Pelo decreto-lei estadual nº 235, de 09-12-1938, transfere o distrito de Terra Nova dos municípios Granito, Salgueiro e Serrinha para o de Leopoldina Pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943, transfere o distrito de Terra Nova do município de Leopoldina para Parnamirim.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 296,177: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 6: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 1.538: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 319: matrículas
Número de unidades locais: 58: unidades
Pessoal ocupado total: 511: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 5.712,54: reais
População residente : 9.278: pessoas
População residente - Homens: 4.723: pessoas
População residente - Mulheres: 4.555: pessoas
População residente alfabetizada: 6.643: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 3.053: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 8.555: pessoas
População residente, religião espírita: -: pessoas
População residente, religião evangélicas: 443: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 823,07: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.021,35: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 180,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 220,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,599:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Terra Nova: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Terra Nova? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: