Início » Pernambuco » São Joaquim do Monte


São Joaquim do Monte - Pernambuco



São Joaquim do Monte faz parte do estado de Pernambuco. O município é constituído de 3 distritos: São Joaquim do Monte, Barra do Riachão e Santana do São Joaquim.

O local onde hoje está a cidade de São Joaquim do Monte começou a ser povoado em 1891 com a construção da casa de José Gameleira. Próxima a ela, localizava-se a casa do Capitão Manoel Antônio, que era denominada "Casa Nova" de ABA DE SERRA, que se tornou o primeiro nome do lugarejo por estar ao pé da serra, hoje Serra do Monte.

Em 1896 foi erguida a capela em honra de São Sebastião. Sob influência do Coronel Joaquim José de Lima, o padroeiro da cidade foi trocado para São Joaquim. Em 1912, quando foi criado o distrito no município de Bonito, o povoado recebe este nome. No ano seguinte, iniciou-se a construção da nova capela sob a direção do Frei Epifânio e apoio do José Joaquim de Melo (o José Gameleira), que seria inaugurada dois anos depois.

História da cidade de São Joaquim do Monte Pernambuco - PE

Até 1890 o sítio, onde hoje está edificada a cidade de São Joaquim do Monte, era uma propriedade deserta, mas já pertencente aos senhores Manoel Quintino dos Santos, Capitão Manoel Antônio (o português) e Manoel Caetano da Costa. Em 1891 foi dados início à edificação da cidade e, consequentemente à formação do atual território municipal, com a construção, pelo senhor Manoel Quintino dos Santos, da primeira casa do nascente lugarejo. Naquela época já havia nas proximidades uma casa denominada "Casa Nova" de ABA DE SERRA (nome primitivo de São Joaquim do Monte), então pertencente ao Capitão Manoel Antônio. O nome "ABA DE SERRA" deve-se ao fato de o sítio ficar na parte inferior da serra, hoje conhecida como "Serra do Monte". Ao ser elevado à categoria de Povoado, o primitivo nome passou a denominar-se de São Joaquim, numa homenagem, segundo antigos moradores desse município, ao Cel. Joaquim José de Lima, político de maior evidência na época.

No ano de 1896 foi erguida uma capela sob a invovação de São Sebastião. Dois anos mais tarde, ou precisamente, em 1896, o Padre Joaquim da Cunha Cavalcanti, celebrante mensal em São Joaquim, de acordo com o Cel. Joaquim José de Lima, resolveu, em caráter definitivo, sobre a escolha do padroeiro de seus fiéis e da terra que prosperava, preferindo São Joaquim a São Sebastião. Em 1913 foi iniciada a construção de uma Capela, mais ampla e confortável, por orientação do Missionário Frei Epifânio, que pregava aqui na época, a qual foi inaugurada em 1915 sob a aclamação do povo. Um dos benfeitores dessa obra foi o Cel. José Joaquim de Melo (o José Gameleira) que, além de doar todos os tijolos necessários, ainda emprestou carros de boi para o transporte dos materiais ao local da construção. A sequência de topônimos foi, também, uma preocupação dos que fizeram São Joaquim doMonte. Da primitiva "ABA DE SERRA" seguiu-se "SãO JOAQUIM"; posteriormente com a criaçãoda Comarca foi "CAMARATUBA" e finalmente o nome atual de "SãO JOAQUIM DO MONTE".

Gentílico: são-joaquinense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de São Joaquim, pela lei municipal nº 2, de 07-03-1912, subordinado ao município de Bonito.

Nos quadros de apuração do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, São Joaquim figura no município de Bonito.

Elevado à categoria de município com a denominação de São Joaquim, pela lei estadual nº 1931, de 11-09-1928, desmembrado de Bonito. Sede no antigo distrito de São Joaquim. Constituído de 2 distritos São Joaquim e Batateiras. Desmembrado de São Joaquim. Instalado em 01-01-1929.

Pela lei municipal nº 1, de 19-11-1928, é criado o distrito de Santana e anexado ao município de São Joaquim. Pela mesma lei acima citado o distrito de Batateira passou a denominar-se Senador Tiburcio.

Em divisão administrativa do ano de 1933, o município é constituído de 3 distritos: São Joaquim, Senador Tibúrcio e Santana.

Pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943, o município de São Joaquim, passou a denominar-se Camaratuba, o distrito de Santana denominar-se Batente e o distrito de Senador Tibúrcio a denominar-se Batateira.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é constituído de 3 distritos: Camaratuba, ex-São Joaquim, Batateira ex-Senador Tibúrcio e Batente ex-Santana. Pela lei estadual nº 416, de 31-12-1948, o município de Camaratuba passou a denominar-se São Joaquim do Monte. Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 3 distritos: São Joaquim do Monte, Batateira e Batente. Pela lei municipal nº 11, referenda pela resolução estadual nº 368, de 02-12-1958, o distrito de Batente, passou a denominar-se Santana de São Joaquim. Pela lei estadual nº 3340, de 31-12-1958, desmembra do município de São Joaquim dos Montes os distritos de Belém de Maria e Batateira. Para formar o município de Belém de Maria. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 2 distritos: São Joaquim do Monte e Santana de São Joaquim ex-Batente. Pela mesma lei nº 14, de 13-12-1963, é criado o distrito de Barra do Riachão e anexado ao município de São Joaquim do Monte. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 3 distritos: São Joaquim do Monte, Barra do Riachão e Santana do São Joaquim. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímicas municipais.

São Joaquim para Camaratuba alterado, pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943. Camaratuba para São Joaquim do Monte alterado, pela lei estadual nº 416, de 31-12-1948.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 232,070: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 16: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 3.226: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 858: matrículas
Número de unidades locais: 94: unidades
Pessoal ocupado total: 1.009: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 6.257,68: reais
População residente : 20.488: pessoas
População residente - Homens: 10.195: pessoas
População residente - Mulheres: 10.293: pessoas
População residente alfabetizada: 12.642: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 6.254: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 17.699: pessoas
População residente, religião espírita: 10: pessoas
População residente, religião evangélicas: 1.745: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 680,89: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 891,20: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 170,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 220,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,537:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

São Joaquim do Monte: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de São Joaquim do Monte? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: