Início » Bahia » Conceição do Almeida


Conceição do Almeida - Bahia



Conceição do Almeida faz parte do estado da Bahia. Sua população recenseada em 2010 foi de 17.889 habitantes.

Segundo o historiador e poeta Geraldo Coni Caldas Santos, o antigo povoado conhecido como Capela do Almeida desde o final do século XVIII, da sua fase embrionária, até a emancipação municipal de 1790 a 1890, podemos observar fatos que mudaram o curso da história nacional: nossa própria história, 1822, independência, 1851, proibição do tráfico negreiro; 1871, lei do ventre livre; 1888 lei Áurea, com a abolição da escravatura e finalmente, em 1889, proclamação da república. Naquele espaço de 100 anos, participamos na vida da colônia no Brasil, até o Brasil república com Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, quando 8 meses do advento da República o antigo Curato do Almeida (Capela do Almeida) depois de Vila da Nossa senhora da Conceição do Almeida, Conceição do Almeida se emancipou do surgimento como aglomerado ou povoado, até o Curato do Almeida ou Capela do Almeida, a origem cuja denominação se deu a uma família de agricultores cujo patriarca era Antonio Coelho D’Almeida Sande, que com sua devoção a Santa Nossa Senhora da Conceição, edificaram uma capela, onde hoje é a Igreja atriz. As terras da Capela do Almeida juntavam-se às da frequesia de São Felipe (São Felipe das Cabaceiras ou São Felipe das Roças), termo da antiga Vila de são Bartolomeu de Maragojipe sendo esta última criada em 1724. A Capela do Almeida passou a Vila da Nossa Senhora da Conceição do Almeida, originando suas terras da primeira Vila do Recôncavo da Bahia, que deu origem como outras antigas Vilas a dezenas de municípios da Região do Recôncavo, já em 1872, pela lei Provincial de nº 1.176, de 23 de março. O então distrito da Capela do Almeida passou a Vila. Era presidente da Província da Bahia o Desembargador Jõao Antonio de Araújo Freitas Henrique e à frente do Império do Brasil estava a Princesa Dª. Isabel, exercendo a regência na ausência do Imperador D. Pedro II. Já nessa época, três almeidenses exerciam influência no então distrito que tinha como sede a Vila de Nossa Senhora da Conceição do Almeida, eram os Srs. Inocêncio Correia Caldas, José Leandro Gesteira e Clementino Correia Caldas, nascidos na antiga Capela, já nos idos de 1883, o Sr. Rufino Correia Caldas como Conselheiro Municipal em São Felipe, lutava ao lado dos mencionados almeidenses pela emancipação do Distrito do Termo de São Felipe. O Município de Conceição do Almeida foi emancipado por atode 18 de julho de 1890, sendo seu território desmembrado do município de São Felipe, verificando-se a sua instalação a 4 de agosto do mesmo ano.

Foram emancipadores do município de Conceição do Almeida os Coronéis José Leandro Gesteira e Clementino Correia Caldas. Ambos agricultores comerciantes, líderes dos partidos políticos “Conservador e liberal”, ainda no Império. Emancipado o município de Conceição do Almeida, foi nomeado seu primeiro intendente o Coronel José Leandro Gesteira e eleito e reeleito o segundo intendente o Coronel Clementino Correia Caldas, sendo o Presidente do 1º Conselho Municipal o Coronel Rufino Correia Caldas em 1890, além de tais feitos os líderes emancipadores também criaram a estrutura sócio-econômica do município, no plantio e beneficiamento do fumo em folha na cidade.

História da cidade de Conceição do Almeida

Em meados do século XIX, uma aglomeração formada em torno de uma capela, construída sob a invocação de Nossa Senhora da Conceição, recebeu o nome de Capela do Almeida devido ao fato dos proprietários do terreno serem da família Almeida Sande.

O município foi criado com território desmembrado de São Felipe, pelo Ato Estadual de 18.07.1890, com a denominação de Conceição do Almeida. Receberia o nome de Afonso Pena em 1909. Retomou em 1943, o topônimo de Conceição do Almeida. A sede foi elevada à categoria de cidade através Lei Estadual de 17.08.1909, com a denominação de Nossa Senhora da Conceição do Almeida

A origem do topônimo deve-se a combinação do nome da padroeira - Conceição, com o da família Almeida. Antes de ser município já se denominava Freguesia de Conceição do Almeida.

Gentílico: almeidense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Conceição do Almeida, pela Lei Provincial nº 1872, de 23-03-1872, subordinado ao Município de São Felipe.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Conceição do Almeida, pela Lei Provincial nº 1176, de 18-07-1890, desmembrado de São Felipe. Sede no antigo Distrito de Conceição do Almeida. Constituído do distrito sede. Instalada em 04-08-1890.

Elevado à condição de cidade com a denominação de Afonso Pena, pela Lei Estadual nº 761, de 17-08-1909.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o Município de Afonso Pena (ex-Conceição do Almeida) é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo Decreto-Lei Estadual nº 141, de 31-12-1943, retificado pelo Decreto-Lei Estadual nº 12978, de 01-06-1944, o Município de Afonso Pena voltou a denominar-se Conceição do Almeida.

No quadro fixado vigorar no período de 1944-1948, o Município de Conceição do Almeida (ex-Afonso Pena), é constituído de 3 distritos: Conceição do Almeida (ex-Afonso Pena), Comércio e Rio da Dona, os dois últimos desmembrados de Afonso Pena.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Conceição do Almeida, Comércio e Rio da Dona.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alterações toponímicas municipais

Conceição do Almeida para Afonso Pena, alterado pela Lei Estadual nº 761, de 17-08-1909.

Afonso Pena para Conceição do Almeida, alterado pelo Decreto-Lei Estadual nº 141, de 31-12-1943, retificado pelo Decreto-Lei Estadual nº 12978, de 01-06-1944.

Fonte: IBGE

O Território do Município de Conceição do Almeida pertenceu ao Município de São Felipe. No ano de 1872, os primeiros donos do terreno, onde hoje está instalada a sede do Município, construiram uma capela sob a invocação de Nossa Senhora da Conceição, vulgarmente denominada "Capela do Almeida", pelo fato de seus construtores serem membros da tradicional familia Almeida Sande. A origem do topônimo deve-se a cambinação do nome da padroeira - Conceição, com o da família Almeida. Antes de ser município já se denominava Freguesia de Conceição do Almeida.

Logo depois da Proclamação da República os chefes políticos dos partidos Liberal e Conservador, uniram-se em um só propósito e deliberaram organizar uma comissão tendo a frente a figura do Coronel José Leandro Gesteira, para pessoalmente solicitar ao Governador do Estado a desanexação da Freguesia do Almeida do domínio de São Felipe. Foi atendido e executado o pedido pelo Ato do Governo do Estado, datado de 18 de julho de 1890, que criou o Município de Conceição do Almeida, verificando-se a sua instalação a 04 de Agosto do mesmo ano. O seu primeiro Intendente, logo após a instalação do Município foi o Coronel José Leandro Gesteira. Figuraram, também, nessa luta nomes de peso como Laurentino Mastique, Severiano Pedreira de Almeida, Francisco Rocha, Gregório Malaquias de Almeida e Padre Elesbão Sampaio.

A sede permaneceu na categoria de vila de Conceição do Almeida até 16 de agosto de 1909. No dia 17, pela Lei Estadual nº 761, foram concedidos foros de cidade à sede municipal, com topônimo Afonso Pena.

Em 1944, por força do Decreto-Lei nº 12978, de 01 de junho, foi restaurado o nome primitivo de Conceição do Almeida.

Hoje o Município é formado pelos Distrito Sede, Comércio e Rio da Dona. Próximo da Sede situa-se o Povoado de Mombaça, local de nascimento do Grande cineasta bahiano Fernando Coni Campos.

Os naturais do lugar denominam-se "Almeidenses"

Autor do Complemento: GUSTAVO LEFUNDES BLUMETTI


Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 289,935: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 14: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 2.068: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 464: matrículas
Número de unidades locais: 166: unidades
Pessoal ocupado total: 1.863: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 6.548,40: reais
População residente : 17.889: pessoas
População residente - Homens: 8.704: pessoas
População residente - Mulheres: 9.185: pessoas
População residente alfabetizada: 13.544: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 5.406: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 13.367: pessoas
População residente, religião espírita: 10: pessoas
População residente, religião evangélicas: 2.081: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 842,07: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.413,32: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 172,25: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 255,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,606:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Conceição do Almeida: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Conceição do Almeida? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: