Início » Bahia » Botuporã


Botuporã - Bahia



Botuporã faz parte do estado da Bahia. A população avaliada em 2009 era de 11.026 habitantes.

Região primitivamente habitada pelos índios Tuxás foi colonizada na metade do século XVIII pelos portugueses que se estabeleceram constituindo famílias.O município nasceu com o primeiro nome de Fazenda Caititu, fundada pelos primeiros colonizadores portugueses Marques e Castros. Casaram-se na comunidade indígena, onde o mesmo ocorreu com os espanhóis Pamplona e Maias. Com o decorrer do tempo a Fazenda Caititu foi prosperando e outras propriedades foram surgindo ao seu redor, formando um pequeno núcleo urbano. No ano de 1926, missionários encantados com a beleza de um monte existente no povoado, mandaram abrir uma estada até o alto do mesmo, onde edificaram um cruzeiro e denominaram Monte Belo. Com o tempo o arraial desenvolveu-se em função da agropecuária, onde em 1934 foi criado o distrito de Monte Belo. Em 1934 mudou-se o nome para Botuporã. Em 1910, o Sr. Acúrcio José de Oliveira edificou uma capela na praça onde hoje tem o seu nome. Construí uma residência e fixou-se no comércio de tecido. Na época adquiriu uma imagem do Sagrado Coração de Jesus e passou a festejá-la, sendo padroeiro de nossa cidade. Nascido assim sob a proteção da cruz, na fé em “Deus”, o pequeno povoado foi crescendo e por volta de 1922, passando por essa localidade o Bispo D. Juvêncio de Brito e em sua companhia Frei Francisco, realizaram as primeiras Santas Missões na Fazenda Caititu. Na mesma época, os religiosos constataram a existência de um monte de imediações da localidade e mandaram abrir uma estrada, ergueram uma grande cruz de madeira neste local, benzeram e deram o nome de Monte Belo, o qual se progrediu e em 1926, foi realizada a primeira feira-livre. Do antigo Caititu, pouco restava, o núcleo urbano se expandia cada vez mais, em 1936 foi elevado à categoria de Distrito de Paz, com transferência de Lagoa Clara. O então ministro da Justiça da Bahia Santiago Dantas, estudioso e profundo conhecedor do dialeto Tupi-Guaraná, mudou o nome para a então Botuporã, que na língua Tupi-Guarani tem o significado de Monte Belo. Denominação que permanece até hoje.

Com o passar do tempo, a localidade crescia, ate mesmo com representante no poder Legislativo. Pequenas povoações davam-lhes “status” de cidade. Do povoado de Pajeú que veio Sr. Alípio Queiroz Marques, estabeleceu-se e elegeu para Vereador para a Câmara de Macaúbas. Botuporã desenvolvia, então o Sr. Alípio Queiroz Marques e um grupo de homens de bem, entre eles Joaquim Mendonça, João Nunes, Brasilino Marques França, Joaquim de Oliveira, entre outros, esboçaram um movimento emancipacionista que teve sucesso, apesar de forte restrição de Macaúbas que não concordava em perder seu distrito mais importante depois da sede. Com a comunidade conscientizada, finalmente teve o plebiscito marcado. As bandeiras tremulavam, a alegria contagiava, tudo era festa na manhã de 22 de março de 1962. O então Governo Juracy Monte Negro Magalhães, sancionava a Lei de 1947, criando o município de Botuporã. As eleições foram marcadas para o dia 15 de novembro. Candidatando pela UDN o líder Sr. Alípio Queiroz Marques e pelo PSD o Sr. Osvaldo Marques. Após apuração o povo Botuporãense elegeu o nosso primeiro Prefeito, aquele que empunhou a bandeira emancipacionista, o Sr. Alípio Queiroz Marques venceu as eleições com 312 votos de frente, sendo assim consolidada a emancipação. A posse ocorreu no dia 7 de abril de 1963.

História da cidade de Botuporã

Região primitivamente habitada pelos índios tuxás foi colonizada na metade do século XVIII pelos portugueses que aí se estabeleceram constituindo famílias. Em 1926, missionários embevecidos com a beleza do monte aí existente, mandaram abrir uma estrada até o cimo do mesmo, onde edificaram um cruzeiro e denominaram Monte Belo. O arraial desenvolveu-se em função da agropecuária, sendo criado o Distrito de Monte Belo em 1934.

Em 1943 mudou-se o topônimo para Botuporã.

Gentílico: botuporãense

Formação Administrativa

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, figura no Município de Macaúbas o Distrito de Monte Belo.

Assim permanecendo no quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943.

Pelo Decreto-Lei Estadual nº 141, de 31-12-1943, confirmado pelo Decreto Estadual nº 12978, de 01-06-1944, o Distrito de Monte Belo passou a denominar-se Botuporã.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o Distrito de Botuporã (ex-Monte Belo), figura no Município de Macaúbas.

Assim permanecendo em divisão territorial de datada de 1-VII-1960.

Elevado á categoria de município com a denominação de Botuporã, pela Lei Estadual nº 1647, de 22-03-1962, desmembrado de Macaúbas. Sede no antigo Distrito de Botuporã. Constituído de 3 distritos: Botuporã, Caturama e Tanque Novo, todos desmembrados de Macaúbas. Instalado em 07-04-1963.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 3 distritos: Botuporã, Caturama e Tanque Novo.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-I-1979.

Pela Lei Estadual nº 4400, de 25-02-1985, desmembra do Município de Botuporã o Distrito de Tanque Novo. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1988, o município é constituído de 2 distritos: Botuporã e Caturama.

Pela Lei Estadual nº 5012, de 13-06-1989, desmembra do Município de Botuporã o Distrito de Caturama. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1993, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração Toponímica Distrital

Monte Belo para Botuporã, pelo Decreto-Lei Estadual nº 141, de 31-12-1943, confirmado pelo Decreto Estadual nº 12978, de 01-06-1944.

Fonte: Confederação Nacional de Municípios; IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 627,612: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 11: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 1.851: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 467: matrículas
Número de unidades locais: 59: unidades
Pessoal ocupado total: 418: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 6.503,12: reais
População residente : 11.154: pessoas
População residente - Homens: 5.608: pessoas
População residente - Mulheres: 5.546: pessoas
População residente alfabetizada: 7.737: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 4.657: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 10.653: pessoas
População residente, religião espírita: 8: pessoas
População residente, religião evangélicas: 413: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 670,52: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.275,60: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 133,75: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 305,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,575:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Botuporã: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Botuporã? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: