Cuidados básicos com filhotes de cães e gatos

Existe uma série de cuidados com filhotes de cães e gatos para que eles não adoeçam com facilidade e cresçam fortes e saldáveis.

Veja também

Como cada raça de felino, e principalmente dos cachorros, têm suas características próprias, o ideal é que seja consultado um veterinário para tratar melhor do novo bichinho de estimação. Porém, há alguns cuidados básicos com os filhotes de cães e gatos que servem para todas as raças. Veja algumas delas.

Dicas: Cuidados básicos com filhotes de cães e gatos

• Vacina: A primeira vacina pode ser dada a partir do 60º dia de vida. Vacina polivalente e anti-rábica (150 e 180 dias) são aplicadas pelos veterinários;
• Alimentação adequada, amamentação por pelo menos 30 dias (observe se a mãe está amamentando adequadamente), papinha de desmame e ração de acordo com a idade e raça do filhote. Veja nas embalagens de ração qual é a ideal para o seu animalzinho. Evite comida caseira, doces, ossos e alimentos curs;
• Espaço para exercício, para o melhor desenvolvimento, o filhotinho precisa de espaço. Porém, evite passear fora de casa até que compete a 3ª dose da vacina polivalente, principalmente em praças e petshops, pois o animalzinho ainda está sem anticorpos adequados e pode pegar uma doença;
• Local arejado, um local muito fechado ou aberto de mais pode prejudicar a saúde dos animais;
• Em alguns casos, principalmente no inverno e a noite, é necessário aquecer os filhotes até o 30º dia de vida, regulando sua temperatura;
• Como os filhotes ainda não tem resistência, evite o contato com ambientes contaminados com parasitas (pulgas, carrapatos, verminoses), bactérias e vírus;
• Fazer vermifugação a partir da 3ª semana de vida, em seguida a cada 4-6 meses pelo resto da vida;
• Limpar os ouvidos pelo menos uma vez por semana;
• Escovar os dentes pelo menos uma vez por dia, usando escova e creme dental apropriados;
• Faça um check-up anual no veterinário.

Mais para você:

Deixe seu comentário