Manoá

Sexta, 12 de agosto de 2022

LEITURA BÍBLICA: Juízes 13.2-21

O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo é entendimento (Pv 9.10).

Ao que tudo indica, esse Manoá de quem você acabou de ler não era nada especial. Pelo jeito, um homem comum, como eu e talvez você também. A razão por que ainda hoje, após mais de 3.000 anos, se fala dele é seu filho: o famoso Sansão. No entanto, fico pensando se Manoá não merece mais a lembrança que seu fantástico filho, um indivíduo de caráter bastante duvidoso.
Manoá parece antes um antiherói. Assustado, inseguro, um pouco atrapalhado, bem como certa pessoa que conheço melhor que ninguém. Por isso ele é tão simpático para mim e me faz bem perceber que posso tomá -lo como bom exemplo – isso sugere que também ainda tenho chance. A primeira qualidade que noto nele é o respeito pela esposa. Os dois conversam, e ele leva a sério o que ela diz. Não é tão óbvio assim – afinal, o que ela contou era bem estranho. Depois, ele mostra prudência diante daquilo. Ele tanto poderia ter desprezado aquela "conversa boba" como poderia ter -se impressionado demais e deixado todo o resto por conta da mulher – mas ele procura certificar -se. Para isso, faz o melhor possível: vai falar com Deus, que, segundo disse sua mulher, respondia por aquele episódio.
Eis aí a melhor lição que quero aprender dele: não só ir direto à fonte, o que já é muito bom, mas à Fonte de todas as fontes: ao próprio Criador, seguindo também a recomendação do versículo em destaque. Quando Deus atendeu à sua oração, Manoá – de novo junto com a esposa – tratou com zelo de fazer o melhor ao seu alcance. A forma como ele interage com o Anjo do Senhor é um tanto ingênua, mas de que outra forma ele poderia se comportar? Com arrogância, talvez? Não tem faltado quem assim faça – tolamente. Não é sem motivo que Jesus prometeu o reino de Deus a quem for como uma criança (Mt 19.14)...
Entre o truculento Sansão e seu ingênuo pai, já sei quem prefiro. Concorda comigo? – RK

Sensato, prudente, humilde e temente a Deus. Manoá, obrigado pelo exemplo!



Velho Testamento

Novo Testamento