Início » Rio Grande do Sul » Áurea


Áurea - Rio Grande do Sul



Áurea é um município do estado brasileiro do Rio Grande do Sul.

O povoamento do município de Áurea se iniciou de 1906, com a vinda de imigrantes poloneses. Os primeiros colonizadores desejavam melhores condições de vida e dedicaram-se à agricultura. Porém, muitos deles não tinham como obter terras e trabalharam para o governo na abertura de estradas.

A localidade de Áurea ficou conhecida primeiramente como "Rio Marcelino". Por volta de 1918, mudou seu nome para "Treze de Maio"; em 1938, tornou-se "Princesa Isabel", em homenagem à Princesa Isabel do Brasil; em 1944, passou a se chamar "Vila Áurea", em razão da Lei Áurea, que pôs fim à escravidão no País.

História da cidade de Áurea Rio Grande do Sul - RS

O povoamento de áurea teve início em 1906, com a vinda de poloneses e descendentes desses. Os primeiros colonizadores vieram em buscas de melhores condições de vida. Dedicaram-se ao desbravamento das matas e ao cultivo do solo. Impossibilitados de pagarem suas terras, muitos trabalharam para o Governo, na abertura de estradas.

Neste período a localidade denominava-se Rio Marcelino. Por volta de 1918 passou a denominar-se treze de Maio; em 1938 passou a chamar-se Princesa Isabel e em 1944passou a denominar-se Vila áurea. Os nomes até agora citados referem-se a um dado histórico brasileiro, a Abolição da Escravatura.

Áurea é um município formado por diversos grupos étnicos, entre eles contribuem italianos com 5%, alemães com 2%, negros com 3% e poloneses com 92%.

A idéia da emancipação surgiu com a chegada do Pe. Josef Wojnar, vigário da paróquia Nossa Senhora do Monte Claro de Vila áurea, em 1980. A primeira reunião para escolha da comissão pró-emancipação dos distritos de Vila áurea e Vila Centenáriorealizada no dia 10 de agosto de 1981, na sede do clube princesa Isabel de Vila áurea. Mas, a autorização para a realização de consulta plebiscitária só viria na legislatura seguinte, através da lei estadual nº 8226 de 12 de novembro de 1986.

Ao longo do processo emancipatório, entretanto, houve dificuldades e percalços que, com diálogo de conciliação, foram um a um superados.

Finalmente, por determinação do Tribunal Regional Eleitoral Vila áurea e Vila Centenário realizaram a consulta plebiscitária no dia 20 de setembro de 1987, quando 3390 dos 4053 eleitores inscritos, manifestaram-se favoravelmente a emancipação.

Ato contínuo, a assembléia legislativa criou o município de áurea, consagrada na lei estadual nº 8419, de 24 de novembro de 1987.

Áurea possui uma área de 152,3 km2 , a distância de áurea a Capital do Estado é de 389km, 30km de Erexim e 18 de Guarama, fazendo parte da Região do Alto Uruguai.

Sua altitude é de 740, acima do nível do mar.

Limita-se ao norte com o município de Guarama, ao sul com Getúlio Vargas e Centenário ao leste com viadutos e Carlos Gomes e ao Oeste com Erexim.

A economia do município de Aurea é essencialmente agrícola, com destaque para a produção de grãos como soja, milho, trigo e feijão e também tem destaque no município o cultivo e produção de erva-mate. O municipio conta com 10 industrias ervateiras, as quais atendem o mercado local, regional e de Estados vizinhos.

Além da culinária típica, outros traços culturais poloneses permanecem vivos de forma bastante expressiva no cotidiano desta comunidade, quer seja através das danças folclóricas, onde o município conta com o grupo da danças folclóricas Polonesas AURESOVIA, além das inúmeras tradições religiosas, principalmente com a realização da missa em idioma polonês, a qual é realizada todos os sábados ás 15:00 horas.

Também o município de áurea tem vários pontos turísticos na cidade como o Museu Jõao Modtkowski, Casa do Imigrante, Igreja Matriz Nossa Senhora do Monte Claro a Praça João Paulo II e a Capelinha do Morro da Salete.

O município de áurea é sem duvida nenhuma, um grande referencial da cultura polonesa em nosso pais e, em virtude deste fato, o município registrou oficialmente, em Novembro de 1999, o título de CAPITAL POLONESA DOS BRASILEIROS.

Respeito, admiração e orgulho são os principais valores expressados pelos poloneses aurenses com relação às suas raízes, à sua história e à sua cultura, sendo que é muito grande o interesse destes em preservar e perpetuar a cultura polonesa local.

O municipio também possui a Banda Marcial Municipal criada pelo Decreto Municipal nº 669/03, de 19 de Agosto de 2003, composta por 54 compenentes.

População contagem 2007

Total - 3.715

Urbana - 1.362

Rural - 2.353

Gentílico: aurense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Treze de Maio, por ato municipal nº 85, de 29-10-1924, subordinado ao município de Erechim.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Treze de Maio figura no município de Erechim.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII- 1936 e 31-XII1937.

Pelo decreto estadual nº 7199, de 31-03-1938, o distrito de Treze de Maio passou a denominar-se princesa Isabel e o município de Erechim a denominar-se José Bonifácio.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Princesa Isabel ex-Treze de Maio figura no município de José Bonifácio ex-Erechim.

Pelo decreto-lei estadual nº 720, de 29-12-1944, o distrito de Princesa Isabel passoua denominar-se áurea o município de José Bonifácio voltou a denominar-se Erechim.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de áurea ex- Princesa Isabel permanece no município de Erechim ex-José Bonifácio.

Pela lei estadual nº 2530, de 15-12-1954, o distrito de áurea passou a pertencer ao novo município de Gaurama.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de áurea permanece no município de Gaurama.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.

Elevado à categoria de município com a denominação de áurea, pela lei estadual nº 8419, de 24-11-1987, alterada em seus limites pela lei estadual nº 8980, de 09-01-1990,desmembrado de Gaurama e Viadutos. Sede no antigo distrito de áurea. Constituído de 2 distritos: áurea e Centenário, desmembrado de Gaurama. Instalado em 01-01-1989.

Pela lei estadual nº 9618, de 20-03-1992, desmembra do município de áurea o distrito de Centenário. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 2001, o município de áurea é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alterações toponímicas distritais

Treze de Maio para Princesa Isabel alterada, pelo decreto estadual nº 7199, de 31-03-1938.Princesa Isabel para áurea alterada, pelo decreto-lei estadual nº 720, de 29-12-1944.

Transferência distrital

Pela lei estadual nº 2530, de 15-12-1954, transfere o distrito de áurea do município de Erechim para o de Gaurama.

Fonte: IBGE e Prefeitura Municipal.

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Áurea: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Áurea? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: