Início » Paraná » Toledo


Toledo - Paraná



Toledo faz parte do estado do Paraná. Encontra-se na região oeste, próximo a Cascavel, formando com este município um eixo de desenvolvimento ligado ao agronegócio, impulsionado pelo seu solo fértil e plano, que faz concentrar cooperativas e outras empresas do ramo, tornando-o um dos maiores produtores de grãos do estado. Sua população é de 122.502 habitantes, conforme estimativa do IBGE.

A distância rodoviária até a capital do estado é de 540 km.

Toledo está localizado numa região de colonização recente, e recebeu seus primeiros moradores em 1946, colonos oriundos da cidade gaúcha de São Marcos, na época interior de Caxias do Sul, para o então Território Federal do Iguaçu. Em 1951 o município foi emancipado de Foz do Iguaçu pela Lei nº 790, sancionada pelo governador do Paraná Bento Munhoz da Rocha Neto.

História da cidade de TOLEDO/PR

O Município de Toledo está localizado na Região do Oeste Paranaense, numa área de colonização recente. Sua efetiva ocupação, deu-se nas décadas de 1940 e 1950, tanto que, em 1960, haviam apenas cinco Municípios na Região: Foz do Iguaçu, Cascavel Toledo, Guaíra e Guaraniaçu.

Um grupo de pessoas ligadas ao comércio atacadista gaúcho, resolveu adquirir a Fazenda Britânia e, para isso, constituiu a empresa Industrial Madeireira Colonizadora Rio Paraná S/A. - MARIPá, com o objetivo de subdividir o latifúndio em pequenas propriedades de 10 alqueires paulistas, aproximadamente 25 hectares, com uma boa infra-estrutura, tudo construído com a receita advinda da exploração de parte da madeira existente.

Os primeiros diretores da colonizadora Maripá foram: Alfredo Paschoal Ruaro, diretor-gerente; e os diretores comerciais Egon Werner Bercht, encarregado da representação política da empresa e representação comercial para venda de madeiras no exterior e Julio Gertum de Azevedo Bastian, engenheiro civil responsável pela organização das medições das subdivisões das terras. Impossibilitado de residir em Toledo, Alfredo Paschoal Ruaro, delegou a tarefa ao seu irmão Zulmiro Antônio Ruaro, que veio a Toledo comandando o primeiro caminhão com 14 trabalhadores, que chegaram às margens do Arroio Toledo.

O primeiro caminhão a chegar no Arroio Toledo, trazia como trabalhadores Juvenildo Lorandi, Antônio Scain e José Scain, Avelino Preto, ongelo Gobbi, Orlando Cambruzzi Tomé, José Drago, Marcilio e Mansueto Molon, Gregório Spacin, Atalípio Bohne, Ivo Zago, Pedro Rodolfino e no comando estava Zulmiro Antonio Ruaro.. A chegada no Arroio Toledo aconteceu na tarde do dia 27 de março de 1946, data em que se comemora a fundação da cidade que passou a ser denominada com o mesmo nome do seu arroio. Segundo Oscar Silva (TOLEDO e Sua História, 1988), em 1947 se iniciava a venda de terras da Fazenda Britânia. O trabalho do pioneiro como "personagem-síntese" já não era o bastante para as atividades da empresa Maripá, como também a venda exclusiva de madeira já não satisfazia às necessidades financeiras do empreendimento. A procura pelas terras foi de tal vulto, que em abril de 1951, todas as terras medidas e demarcadas estavam vendidas ou compromissadas.

A Maripá tinha como objetivo principal transformar o Oeste em celeiro do Paraná e, para isso, precisava, antes de tudo, de núcleos populacionais de apoio. A partir daí, houve efetivamente a colonização de Toledo, com a fundação de Vilas, como as de General Rondon, Novo Sarandi, Quatro Pontes, Dez de Maio e Nova Santa Rosa.

A então localidade de Toledo pertencia à Comarca de Foz do Iguaçu. Toledo nunca chegou a ser vila ou distrito. Passou logo a município no dia 14 de novembro de 1951, através da Lei nº 790. O anseio político, a vontade de emancipação duraram mais 13 meses. Em 14 de dezembro de 1952, Toledo era oficialmente levado à condição de município.

A Administração Municipal iniciou-se com a posse do primeiro Prefeito e Câmara dos Vereadores, no dia 14 de dezembro de 1952, data magna do Município. A população contava em 1.720 habitantes, foram 850 eleitores, tendo votado 825 eleitores que elegeram para Prefeito Municipal o médico Ernesto Dall′Oglio, pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) e os vereadores: pelo PR (Partido Republicano), José Ayres da Silva; pelo PL (Partido Libertador), Guerino Antonio Viccari, Rubens Stresser, Clécio Zenni, Ondy Hélio Nierderauer, Leopoldo João Schmidt, Alcebíades Formighieri, Waldi Winter e Wilibaldo Finkler. Minucioso e inteligente trabalho realizado durante um ano, pelo Governo Municipal, fez com que Toledo fosse beneficiado pela conquista da Comarca, criada pela Lei nº 1542, de 14 de dezembro de 1953 e sua instalação ocorreu no dia 9 de junho de 1954. Entre muitos fatos pitorescos ocorridos, destacamos o seguinte: seguidamente o caminhão disponível tinha de viajar para Cascavel em busca de madeiras e, às vezes, até quando chegava uma carga de arroz, farinha ou outro material de manutenção, necessário para o abastecimento da sede.

De acordo com o Censo de 1980, além dos migrantes gaúchos, catarinenses e paranaenses, que compuseram o grupo inicial, outros estados de onde vieram muitos migrantes foram: Minas Gerais, São Paulo, Bahia, Espírito Santo, Pernambuco, Ceará, Alagoas, Sergipe, Rio de Janeiro, Paraíba, Goiás, Mato Grosso do Sul, Piauí, Brasilia, Acre, Pará, Rio Grande do Norte e Rondônia. Em Toledo - Sede ficou uma mistura de descendentes de italianos e alemães, em outros núcleos a porcentagem de elementos de origem alemã foi bem superior.

Toledo hoje conta com 9 distritos: Concórdia do Oeste, Dez de Maio, Dois Irmãos, Novo Sarandi, São Luiz do Oeste, São Miguel, Vila Ipiranga, Vila Nova e Novo Sobradinho.

Chama-se toledense a pessoa que é natural deste município.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.






































Aniversários dos Municípios



























<: Voltar









Selecionar local









Estados















Municípios



Todos

Por estado





Selecione o estado:



  • Acre

  • Alagoas

  • Amapá

  • Amazonas

  • Bahia

  • Ceará

  • Distrito Federal

  • Espírito Santo

  • Goiás

  • Maranhão

  • Mato Grosso

  • Mato Grosso do Sul

  • Minas Gerais

  • Paraná

  • Paraíba

  • Pará

  • Pernambuco

  • Piauí

  • Rio Grande do Norte

  • Rio Grande do Sul

  • Rio de Janeiro

  • Rondônia

  • Roraima

  • Santa Catarina

  • Sergipe

  • São Paulo

  • Tocantins








0 de5570 municípios









Nenhum município encontrado.












Nenhum município encontrado.





























Código do Município



4127700




Gentílico



toledano




Prefeito



LUCIO DE MARCHI































































































































































































































































































































































































































































































































































População

População estimada
[2018]


138.572

pessoas  :






População no último censo
[2010]


119.313

pessoas  :






Densidade demográfica
[2010]


99,68

hab/km²  :








Trabalho e Rendimento

Salário médio mensal dos trabalhadores formais
[2016]


2,4

salários mínimos  :






Pessoal ocupado
[2016]


55.169

pessoas  :






População ocupada
[2016]


41,2

%  :






Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo
[2010]


26,5

%  :








Educação

Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade
[2010]


98,8

%  :






IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental
[2015]


6.7

 :






IDEB – Anos finais do ensino fundamental
[2015]


5.2

 :






Matrículas no ensino fundamental
[2017]


17.215

matrículas  :






Matrículas no ensino médio
[2017]


5.538

matrículas  :






Docentes no ensino fundamental
[2015]


1.041

docentes  :






Docentes no ensino médio
[2017]


441

docentes  :






Número de estabelecimentos de ensino fundamental
[2017]


70

escolas  :






Número de estabelecimentos de ensino médio
[2017]


22

escolas  :








Economia

PIB per capita
[2015]


36.889,99

R$  :






Percentual das receitas oriundas de fontes externas
[2015]


54

%  :






Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM)
[2010]


0.768

 :






Total de receitas realizadas
[2017]


538.229,00

R$ (×1000)  :






Total de despesas empenhadas
[2017]


437.953,00

R$ (×1000)  :








Saúde

Mortalidade Infantil
[2014]


13,53

óbitos por mil nascidos vivos  :






Internações por diarreia
[2016]


0,5

internações por mil habitantes  :






Estabelecimentos de Saúde SUS
[2009]


46

estabelecimentos  :








Território e Ambiente

Área da unidade territorial
[2017]


1.196,999

km²  :






Esgotamento sanitário adequado
[2010]


57,8

%  :






Arborização de vias públicas
[2010]


80,6

%  :






Urbanização de vias públicas
[2010]


40,8

%  :








Notas &: Fontes











Notas:




  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100



  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100



  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100



  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.



  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000



  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100



  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100



  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100








Fontes:




  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018



  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010



  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011



  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018



  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018



  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)



  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010



  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010



  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016



  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016



  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017



  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017



  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017



  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017



  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017



  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus -
    SUFRAMA



  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015



  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD



  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018



  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018



  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014



  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente



  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009



  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018



  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística



  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010



  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010


















População

















População no último censo

119313 pessoas





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



216º





No Estado


1º

399º



12º






Na micro região


1º

21º



1º







Acessar página de ranking










Densidade demográfica

99.68 hab/km²





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



731º





No Estado


1º

399º



30º






Na micro região


1º

21º



1º



























Pirâmide Etária






















































































100 ou mais















95 a 99
90 a 94
85 a 89
80 a 84
75 a 79
70 a 74
65 a 69
60 a 64
55 a 59
50 a 54
45 a 49
40 a 44
35 a 39
30 a 34
25 a 29
20 a 24
15 a 19
10 a 14
5 a 9
0 a 4
Homens  :  :  :  :  :  :  :  :  :  : Mulheres
Brasil












População residente por religião

( Unidade:
pessoas

)







Católica apostólica romana




Evangélica




Espírita




































Trabalho e Rendimento








Em 2016, o salário médio mensal era de 2.4 salários mínimos.
A proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de 41.2%.
Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 35 de 399 e 11 de 399, respectivamente.
Já na comparação com cidades do país todo, ficava na posição 648 de 5570 e 150 de 5570, respectivamente.
Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 26.5% da população nessas condições, o que o colocava na posição 370 de 399 dentre as cidades do estado e na posição 5197 de 5570 dentre as cidades do Brasil.




















Salário médio mensal dos trabalhadores formais

2.4 salários mínimos





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



648º





No Estado


1º

399º



35º






Na micro região


1º

21º



2º







Acessar página de ranking










Pessoal ocupado

55169 pessoas





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



129º





No Estado


1º

399º



8º






Na micro região


1º

21º



1º







Acessar página de ranking










População ocupada

41.2 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



150º





No Estado


1º

399º



11º






Na micro região


1º

21º



2º


















Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo

26.5 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



5197º





No Estado


1º

399º



370º






Na micro região


1º

21º



16º




































Educação








Em 2015, os alunos dos anos inicias da rede pública da cidade tiveram nota média de 6.7 no IDEB.
Para os alunos dos anos finais, essa nota foi de 5.2.
Na comparação com cidades do mesmo estado, a nota dos alunos dos anos iniciais colocava esta cidade na posição 37 de 399.
Considerando a nota dos alunos dos anos finais, a posição passava a 6 de 399.
A taxa de escolarização (para pessoas de 6 a 14 anos) foi de 98.8 em 2010.
Isso posicionava o município na posição 83 de 399 dentre as cidades do estado e na posição 834 de 5570 dentre as cidades do Brasil.




















Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade

98.8 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



834º





No Estado


1º

399º



83º






Na micro região


1º

21º



10º


















IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental

6.7





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



341º





No Estado


1º

399º



37º






Na micro região


1º

21º



2º


















IDEB – Anos finais do ensino fundamental

5.2





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



406º





No Estado


1º

399º



6º






Na micro região


1º

21º



1º



























Matrículas

( Unidade:
matrículas

)







Ensino pré-escolar




Ensino fundamental




Ensino médio




Ensino superior




































Economia

















PIB per capita

36889.99 R$





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



559º





No Estado


1º

399º



54º






Na micro região


1º

21º



4º







Acessar página de ranking










Percentual das receitas oriundas de fontes externas

54 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



4906º





No Estado


1º

399º



367º






Na micro região


1º

21º



19º


















Total de receitas realizadas

538229 R$ (×1000)





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



163º





No Estado


1º

399º



10º






Na micro região


1º

21º



1º







Acessar página de ranking










Total de despesas empenhadas

437953 R$ (×1000)





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



169º





No Estado


1º

399º



9º






Na micro região


1º

21º



1º







Acessar página de ranking




























Saúde








A taxa de mortalidade infantil média na cidade é de 13.53 para 1.000 nascidos vivos.
As internações devido a diarreias são de 0.5 para cada 1.000 habitantes.
Comparado com todos os municípios do estado, fica nas posições 141 de 399 e 282 de 399, respectivamente.
Quando comparado a cidades do Brasil todo, essas posições são de 2374 de 5570 e 3330 de 5570, respectivamente.




















Mortalidade Infantil

13.53 óbitos por mil nascidos vivos





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



2374º





No Estado


1º

399º



141º






Na micro região


1º

21º



10º







Acessar página de ranking










Internações por diarreia

0.5 internações por mil habitantes





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



3330º





No Estado


1º

399º



282º






Na micro região


1º

21º



18º




































Território e Ambiente








Apresenta 57.8% de domicílios com esgotamento sanitário adequado, 80.6% de domicílios urbanos em vias públicas com arborização e 40.8% de domicílios urbanos em vias públicas com urbanização adequada (presença de bueiro, calçada, pavimentação e meio-fio).
Quando comparado com os outros municípios do estado, fica na posição 82 de 399, 265 de 399 e 147 de 399, respectivamente.
Já quando comparado a outras cidades do Brasil, sua posição é 1909 de 5570, 2357 de 5570 e 743 de 5570, respectivamente.




















Esgotamento sanitário adequado

57.8 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



1909º





No Estado


1º

399º



82º






Na micro região


1º

21º



1º


















Arborização de vias públicas

80.6 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



2357º





No Estado


1º

399º



265º






Na micro região


1º

21º



21º


















Urbanização de vias públicas

40.8 %





Comparando a outros municípios




No país


1º

5570º



743º





No Estado


1º

399º



147º






Na micro região


1º

21º



10º





































© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística| v4.3.8.18.18


































Toledo: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Toledo? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: