Início » Mato Grosso » Colniza


Colniza - Mato Grosso



Colniza faz parte do estado de Mato Grosso. A população avaliada em 2004 era de 12.971 habitantes. Colniza foi elevada à categoria de cidade em 1998, com a criação do município. Sua área territorial foi integralmente desmembrada do município de Aripuanã, até então um dos maiores municípios do Centro-Oeste em área territorial.

No ano de 2004, o município registrou 165,3 mortes por grupo de 100 mil habitantes, o que a colocou como a cidade mais violenta do país. Porém devido o crescimento desordenado e acelerado do município, logo após o censo do IBGE em 2000, o índice populacional ficou defasado, conforme a recontagem populacional realizada pelo IBGE em 2007, que constatou que a população do município é na verdade de 27.882. Portanto o registro de 165,3 mortes por grupo de 100 mil habitantes, apresentado pela OEI (Organização dos Estados Ibero-Americanos), não condiz com a realidade do município. Sendo assim podemos dizer que os dados de um censo desatualizado levaram a um equívoco estatístico. Diante desses fatos não se pode dizer que o Município de Colniza é o mais violento do país.

Colniza fez parte do projeto de colonização da Amazônia na década de 80, onde o plano do governo era povoar a Amazônia. O objetivo era tirar as famílias de sem terras da região Sul e assentá-las em terras produtivas de uma forma regular e ordenada, assim sendo, contratou-se uma empresa de colonização para fazer a colonização das áreas destinadas a Projetos de Assentamentos, na qual a empresa se chamava “Colniza Colonização Com. e Ind. Ltda”, daí a origem do nome de colniza, o município leva o nome da empresa que o colonizou.

História da cidade de COLNIZA

Grandes dificuldades enfrentaram os pioneiros de Colniza. O maior entrave sempre foi a dificuldade nas comunicações, tratando-se de vias de acesso e telefonia, visto que neste final de milênio o município já instalado possui apenas um posto telefônico. O município foi criado através da lei Estadual nº 7.604, de autoria do Deputado Pedro Satélite, com território desmembrado do município de Aripuanã, até então o maior município do estado de Mato Grosso. Nas eleições municipais de 03 de outubro de 2000 a comunidade escolheu Nelci Capitani para comandar o executivo Colnizense.

Por ocasião da tramitação da documentação sobre consulta plebiscitaria para a criação do município o deputado Pedro Satélite justificou a ação em função da distância do então distrito de Colniza do município-mãe Aripuanã, que é de 200 quilômetros. Outro fator de distância considerável são os 1.200 quilômetros de Cuiabá à Colniza. Este documento foi redigido em 25 de abril de 1995, e hoje s]ao 139 municípios instalados em Mato Grosso. A consulta plebiscitaria foi um sucesso, pois o povo disse sim nas urnas.

Ainda no período que antecedeu a criação do município, várias ações se desenvolveram no sentido de sensibilizar as autoridades do Estado de |Mato Grosso para virarem os olhos para a distante Colniza.

Dentre os muitos documentos que chegaram à Assembléia , estão ao de Joab F. Mendes, presidente da Igreja em Colniza, em 18 de junho de 19994, onde relata a dificuldade que as 4.500 pessoas que moravam no distrito, naquela época passavam.

Também a associação dos pequenos produtores Rurais de Colniza representado por Cícero Antônio dos Santos, no mesmo período enviou correspondência ao então deputado Jaime Muraro versando sobre o mesmo assunto. Ainda foi registrado documentos doa Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Vale do Roosevelt e Produtores Rurais do projeto Filinto Muller.

Fonte: Secretaria de Educação do Município

Autor do Histórico: MATEUS JOãO WEBER

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Colniza: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Colniza? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: