Início » Minas Gerais » Itaguara


Itaguara - Minas Gerais



Itaguara é um município do estado de Minas Gerais, no Brasil. Pertence à Região Metropolitana de Belo Horizonte. A sede do município está localizada a 92 quilômetros de Belo Horizonte e a 61 quilômetros de Itaúna. Devido ao grande fluxo migratório para a capital do estado, tem havido um grande desfalque na população de Itaguara.

"Itaguara" é uma palavra de origem tupi. Significa " pedra lascada", através da junção de itá ("pedra") e "guara" ′lascada′ ("").

Os primeiros habitantes da região de Itaguara foram os índios cataguases, que eram os donos da terra até meados do século XVII. Com o fim das brigas entre as famílias Pires e Camargos, os paulistas voltaram suas atenções para as incursões sertanejas, sendo que a década de 1660 a 1670 foi a mais promissora para o movimento que ficou conhecido como Bandeirismo.

Itaguara

Antes da chegada do bandeirante Lourenço Castanho Tanques, em 1675, alí viviam os índios cataguás, dominados, depois da luta brutal e sanguinária, pelo invasor branco, no lugar chamado Conquista.

Os primeiros habitantes da região foram os índios Cataguases.

Em 1675, Lourenço Castanho Taques, seguindo os mesmos caminhos de Fernão Dias, infligiu-lhes violenta derrota. O local do ataque passou a denominar-se Conquista

Segundo Diogo de Vasconcelos, este foi um dos primeiros arraiais de Minas.

Em 1796, chegaram o Leandro Gomes Rodrigues e sua mulher, Catarina Josefa do Sacramento. Em 1813, o casal doou o patrimônio para a construção de uma capelinha em honra de Santa Rita, que foi erguida por iniciativa de José Rodrigues Marins.

Ao ser criado o município de Itaúna, em 1901, o distrito de Conquista foi anexado a ele. Em 1923, a denominação do distrito foi mudada para Itaguara, que, em 1943, foi elevado a município

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Nossa Senhora das Dores da Conquista, pela Lei Provincial nº 1667, de 14 ou 16-09-1870, e Lei Estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Bonfim.

Pela Lei Estadual nº 319, de 16-09-1901, o distrito de Nossa Senhora das Dores da Conquista, foi transferido do município de Bonfim para constituir o novo município de Itaúna.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Nossa Senhora das Dores da Conquista, figura no município de Itaúna.

Assim permanecendo nos quadros de apuração do recenseamento geral de 1-IX-1920.

Pela Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923, o distrito de Nossa Senhora das Dores da Conquista passou a denominar-se Itaguara.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Itaguara, figura no município de Itaúna.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Elevado à categoria de município com a denominação de Itaguara, pelo Decreto-Lei Estadual nº 1058, de 31-12-1943, desmembrado de Itaúna. Sede no antigo distrito de Itaguara. Constituído do distrito sede. Não temos a data de instalação.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital

Nossa Senhora das Dores da Conquista para Itaquara, alterado, pela Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923.

Transferência distrital

Pela Lei Estadual nº 319, de 16-09-1901, transfere o distrito de Nossa Senhora das Dores da Conquista do município de Bonfim para o novo município de Itaúna.

Fonte: www.citybrazil.com.br

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Itaguara: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Itaguara? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: