Início » Minas Gerais » Conceição das Pedras


Conceição das Pedras - Minas Gerais



Conceição das Pedras faz parte do estado de Minas Gerais. A população avaliada em 2004 era de 2.827 habitantes.

O município de Conceição das Pedras está localizado no sul do Estado de Minas Gerais, nos contrafortes da Serra da Mantiqueira, sob uma cadeia montanhosa e rochosa denominada Serra das Pedras.

Seu território abrange uma área de 127km², sendo considerado de pequeno porte e com uma população de pouco mais de 2700 habitantes.

História da cidade de A História da formação do povoado de Conceição das Pedras está diretamente ligada à Inconfidência Mineira e a própria História do Brasil.

Com as descobertas de ouro, durante o século XVIII em Minas Gerais, houve uma grande migração a procura do minério na região. Por volta de 1776, Inácio José de Alvarenga Peixoto, então recém nomeado ouvidor da comarca do Rio das Mortes, compra grandes extensãoes de terra em Minas e em particular nesta região.

Casa-se com Bárbara Heliodora Guilhermina da Silveira, que residia na Vila de Santo Antônio da Campanha e era de família abastada e dona de lavras de mineração. Em visita a esta região, Alvarenga descobre um lago e pensa na possibilidade de encontrar ouro. Envia, então, 3 escravos mineradores para fazer uma pesquisa no local e concluíram pela existência da riqueza mineral. Diante disso, Alvarenga destina cerca de duzentos escravos para iniciar a lavra, sob comando dos 3 escravos. Para que a água escoasse do lago, fizeram um corte de 10 metros de profundidade por 2,5 ms de largura nas pedras, usando ferramentas rudimentares. Houve uma extração fenomenal de ouro.

Com a imposição da cobrança de impostos na Capitania das Minas, denominada "derrama", Alvarenga, que participava do movimento da conspiração mineira, vê a possibilidade de esconder todo o ouro acumulado a fim de não pagar os tributos. Envia mensagem a sua esposa, Bárbara Heliodora, para que delegasse a um emissário as ordens de esconder o ouro e eliminasse os escravos em seguida.

Os três escravos, Azulão, Sucupira e Capituva, de posse de um mapa com a localização do esconderijo, seguem viagem em direção a cidade de Campanha, onde residia Bárbara Heliodora. Ao subir a serra na direção da antiga fazenda do Sr. Joaquim Aurélio, Azulão assassina Sucupira e Capituva e, mais do que depressa segue para Vila Rica. Enquanto isso, Alvarenga é preso em Vila Rica e enviado para o presídio da Ilha das Cobras, no Rio de Janeiro. Sua esposa acaba enlouquecendo.

Ao chegar em Vila Rica, Azulão toma ciência dos fatos e parte para o Rio de Janeiro. Já nesta época, os condenados da Conspiração haviam sido degredados para Angola, na África. Azulão não vê outra saída senão partir para a África também. O esperado encontro entre eles não aconteceu e, constituindo família, Azulão nunca mais voltou ao Brasil. Seu filho casou-se com uma boliviana e há a possibilidade deste mapa estar na Bolívia.

Após a prisão de Alvarenga Peixoto, o governo envia o Sargento Mor Inácio de Magalhães para fiscalizar a região e evitar mineraçãoes clandestinas. Por ser muito enérgico, tornou-se conhecido pela alcunha de Roque Bravo. Há relatos de que quem não o cumprimentasse com honrarias era imediatamente enviado à morte.

Assim no povoado, denominado São Bom Jesus, foi construída uma capela e algumas famílias de descendência portuguesa fixaram residência. Dentre estas famílias, destaca-se o casal Antônio e Mariana Nunes. Já em 1910, por iniciativa do padre Roque Concentino, a padroeira passa a ser Nossa Senhora da Conceição. Em 1920, devido ao nome da padroeira, o povoado passou a chamar-se Conceição das Pedras.

Em 1930 passou à categoria de Distrito, pertencente a Comarca de Santa Rita do Sapucaí. Em 1932, passou a pertencer ao Município de Natércia, antiga Santa Catarina (ou Catherina). No dia 1 de março de 1963 foi instalado o Município de Conceição das Pedras. Na ocasião foi designado como intendente municipal, Joaquim Eufrásio de Carvalho, por um período de 6 meses, cuja missão era preparar o Município para a posse do primeiro prefeito, eleito pelo povo, e reger com as Leis de Origem, isto é, de Natércia, até que o Município constituísse sua própria Legislação.

A primeira eleição Municipal de Conceição das Pedras foi realizada em 30 de junho de 1963, sendo eleito Francisco Rodrigues dos Santos, que tomou posse em 29 de agosto do mesmo ano.

Fonte: IBGE e Prefeitura Municipal de Conceição das Pedras

Autor do Histórico: EUGÁNIO PACELLI MORAES RENNÁ

Código do Município

3117207

Gentílico

pedrense

Prefeito

JOSÉ AIRTON PEREIRA

População
População estimada [2018]2.811 pessoas  
População no último censo [2010]2.749 pessoas  
Densidade demográfica [2010]26,90 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]1,7 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]253 pessoas  
População ocupada [2016]8,9 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]43,1 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]96,1 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]6,8  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,8  
Matrículas no ensino fundamental [2017]325 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]136 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]29 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]16 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]2 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]1 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]16.883,55 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]88,1 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,668  
Total de receitas realizadas [2017]12.942,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]11.188,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]- óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,7 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]4 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]102,206 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]71,4 %  
Arborização de vias públicas [2010]21,1 %  
Urbanização de vias públicas [2010]59,4 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Conceição das Pedras: Imagens da cidade e Região

imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-1
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-2
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-3
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-4
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-5
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-6
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-7
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-8
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-9
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-10
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-11
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-12
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-13
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-14
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-15
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-16
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-17
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-18
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Pedras+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Conceição das Pedras e arredores.


Você conhece a cidade de Conceição das Pedras? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: