Início » Minas Gerais » Conceição das Alagoas


Conceição das Alagoas - Minas Gerais



Conceição das Alagoas faz parte do estado de Minas Gerais e possui uma área de 1.352,2 km². Está localizado na microrregião de Uberaba, cidade da qual é ligada pela MG 427, e distante desta apenas 56 Km. Conceição das Alagoas está situada no Triângulo Mineiro e distante 530 Km da capital Belo Horizonte. Com uma população de 23.932 habitantes, de acordo com a estimativa de 2012 do IBGE, a cidade vem passando por um processo de crescimento populacional contínuo desde o final do século passado, devido a diversificação de sua base econômica. Nesta ocasião houve a introdução da lavoura de cana-de-açúcar e, consequente, instalação de usinas de álcool e açúcar, sendo, até o momento, as únicas indústrias instaladas no município. Situada em uma região de solos férteis, a agricultura e a pecuária de leite e corte são a base da economia do município que conta ainda com inúmeras olarias de tijolos, uma tradição do lugar. O comércio da cidade é forte e segue uma tendência de crescimento e diversificação.

A história do município de Conceição das Alagoas teve seu começo com a chegada, na região, do bandeirante João Batista de Siqueira, por volta do ano de 1811. Antes o lugar era ocupada pelos índios Caiapós. Os desbravadores instalaram-se em uma fazenda chamada Alagoas. Em 1851, quando um valioso diamante foi encontrado perto de uma cachoeira do Rio Uberaba, por um fazendeiro chamado José de Souza Lima, começou na região a lavra em busca da pedra preciosa. Com isso uma grande afluência de pessoas vieram para o recém descoberto garimpo, o que contribuiu para o crescimento do povoado que passou a fazer parte do Distrito de Nossa Senhora das Dores do Campo Formoso. Em 1856 foi construída a primeira igreja; o primeiro capelão foi o padre Felício Joaquim da Silva Miranda. Em 1869 Conceição das Alagoas foi elevada a Distrito Policial e a Freguesia de Nossa Senhora de Conceição das Alagoas que passou a pertencer à Uberaba em 1878. O município de Conceição das Alagoas foi criado em 1938, quando emancipou-se de Uberaba. Em 1954, passou a ser Comarca com a criação do Judiciário. Com o esgotamento do garimpo de diamantes, a fabricação de tijolos, a criação de gado e a agricultura de soja, milho, sorgo e outros, passaram a constituir a base econômica do Município. Em virtude deste ter suas origens na atividade de extração de diamantes, recebeu primeiramente o nome Garimpo das Alagoas. Deste então os cidadãos nascidos nesta localidade recebem o gentílico, ou, são chamados, "garimpenses". A cidade recebe o nome de Conceição das Alagoas em homenagem à sua Padroeira Nossa Senhora da Conceição e devido ao grande número de lagoas de água doce existentes no município.

O vilarejo foi elevado à condição de freguesia em 21 de outubro de 1878 pela Lei Provincial 2464, e confirmada pela Lei Estadual número 2 de 14 de setembro de 1891. Até 17 de dezembro de 1938, Conceição das Alagoas era distrito de Uberaba, nesta data foi criado o município de Conceição das Alagoas pelo Decreto Lei estadual número 88. Em 1946, logo após a eleição do Dr. Milton Campos ao Governo do Estado de Minas Gerais, foi nomeado o Sr. Lorival Pontes, Prefeito Municipal. Este presidiu as eleições municipais, bastante tumultuadas por sinal, tendo sido empossado como Prefeito eleito o Sr. Antônio Deodato de Oliveira, e, logo em seguida, por decisão do Tribunal Eleitoral de Minas Gerais, empossado o Sr. José de Sene Prata.

História da cidade de CONCEIÁÁO DAS ALAGOAS MINAS GERAIS

Os primeiros brancos a desbravarem a região onde hoje se situa o Município de Conceição das Alagoas, foram bandeirantes em busca de ouro e pedras preciosas. Em 1811, chegou ao local João Batista Siqueira, deixando plantada a Fazenda Alagoas. Quarenta anos depois, José de Souza Lima, co-proprietário dessa fazenda, encontrou próximo a uma cachoeira do Rio Uberaba, um valioso diamante. No mesmo ano, o Padre Francisco Rocha organizava no local um núcleo de garimpeiros, recebendo a cachoeira o seu nome. Esses fatos ocorreram de boca em boca, atraindo mais gente ao sítio. Em 1958, Antônio Correia de Morais iniciou a construção de uma capela denominada "Garimpo das Alagoas". Ao seu redor, no alto da colina, juntavam-se casas de primitiva construção, formando-se um núcleo, onde hoje se encontra a cidade.

As notícias divulgando a existência de riquezas minerais correram céleres pelos sertãoes, atraindo inúmeros garimpeiros. Novas moradias iam sendo erguidas e a comunidade alcançou época gloriosa mas pouco duradoura, na vida econômica da nova população. O declínio natural da mineração deu lugar às atividades agrícolas e pecuárias, tão antigas quanto o garimpo, porém mais solidamente fundamentadas para o desenvolvimento do lugarejo.

O topônimo é homenagem à Padroeira, Nossa Senhora da Conceição e Alagoas, alusivo ao grande número de lagoas existentes no território municipal.

O gentílico oficial no municio é Garimpense, porém os moradores usam "Conceição Alagoano".

GENTÁLICO: Garimpense

EVOLUÁÁO ADMINISTRATIVA:

Distrito policial de Conceição de Alagoas, elevado à categoria de freguesia, por Lei Provincial n°. 2464, de 21 de outubro de 1878, a qual lhe demarcou as respectivas divisas. A criação da freguesia ou distrito, foi confirmada por Lei Estadual n°. 2 de 14 de setembro de 1891. Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, e nos quadros de apuração do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, no quadro fixado pela Lei Estadual n°. 843, de 7 de setembro de 1923, o Distrito de Conceição de Alagoas figura no Município de Uberaba. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Distrito de Conceição das Alagoas figura igualmente no Município de Uberaba - assim permanecendo em divisãoes territoriais datadas de 31-XII-1936, e 31-XII-1937, bem como no quadro anexo ao Decreto-Lei Estadual n°. 88, de 30 de março de 1938. Pelo Decreto-Lei Estadual n°. 148, de 17 de dezembro de 1938, foi criado o Município de Conceição das Alagoas, com o distrito de Conceição de Alagoas e parte dp território do Distrito de Campo Formoso, desmembrado do Município de Uberaba.

O citado Decreto-Lei 148, criou no Município de Conceição das Alagoas o Distrito de Dourados, desmembrado do Distrito de Campo Formoso, do mesmo Município de Uberaba. Em 1939-1943, o Município de Conceição das Alagoas é composto dos Distritos de Conceição das Alagoas e Dourados e pertence ao termo e comarca de Uberaba. Em virtude do Decreto-Lei Estadual n°. 1058, de 31 de dezembro de 1943, que fixou o quadro territorial para vigorar no quinquênio 1944-1948, o Município de Conceição das Alagoas ficou composto dos Distritos de Conceição das Alagoas e Pirajuba (ex-Dourados) - e pertence ao termo e comarca de Uberaba. Permanece composto dos Distritos de Conceição das Alagoas e Pirajuba, no quadro fixado pela Lei n°. 336, de 27-XII -1948 para vigorar em 1949-53. Formado dos distritos de Conceição das Alagoas e Poncianos, Menos o Distrito de Pirajuba, elevado à categoria de Município no quadro fixado pela Lei n°. 1039, de 12-XII-1953 para vigorar no período 1954-58, comarca de Conceição das Alagoas.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.

Fonte: IBGE

Código do Município

3117306

Gentílico

garimpense

Prefeito

CELSON PIRES DE OLIVEIRA

População
População estimada [2018]27.425 pessoas  
População no último censo [2010]23.043 pessoas  
Densidade demográfica [2010]17,19 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,5 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]5.133 pessoas  
População ocupada [2016]19,4 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]34,1 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]95,6 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]5,5  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]5  
Matrículas no ensino fundamental [2017]3.643 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]1.006 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]191 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]57 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]11 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]3 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]29.397,85 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]77,8 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,712  
Total de receitas realizadas [2017]96.643,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]86.672,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]9,64 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,7 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]15 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]1.340,250 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]88,9 %  
Arborização de vias públicas [2010]87,8 %  
Urbanização de vias públicas [2010]16,2 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Conceição das Alagoas: Imagens da cidade e Região

imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-1
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-2
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-3
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-4
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-5
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-6
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-7
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-8
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-9
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-10
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-11
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-12
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-13
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-14
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-15
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-16
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-17
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-18
imagem de Concei%C3%A7%C3%A3o+das+Alagoas+Minas+Gerais n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Conceição das Alagoas e arredores.


Você conhece a cidade de Conceição das Alagoas? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: