Início » Espírito Santo » Jaguaré


Jaguaré - Espírito Santo



Jaguaré faz parte do estado do Espírito Santo. A população avaliada em 2004 era de 20.816 habitantes. Possui uma área de 720,4km², densidade 32,6 hab/ km² e fica localizada a 202km de Vitória, ao norte do Espírito Santo. O município limita-se ao norte com São Mateus, a leste com Vila Valério, a oeste de Linhares e ao sul com Sooretama. O clima da região é tropical quente, o relevo é ondulado, com vertentes curtas variando de 100 a 150m e a vegetação predominante no local é constituída de fragmentos de Mata Atlântica.

A principal atividade econômica do município é a cafeicultura, onde se destaca o cultivo do Café Conilon, com uma área estimada de 21.000 hectares. Com uma produtividade média de 574.487 sacas de café beneficiadas nos últimos quatro anos, a cafeicultura gera uma receita bruta anual de R$ 115 milhões e cerca de 10 mil empregos diretos e indiretos, dos quais mais de 5.000 são gerados durante o período de colheita, e além disso, jaguaré é considerada até hoje como a Capital Nacional do Café Conilon.

Além do café, Jaguaré tem desde 2001, outra grande fonte de recursos. Naquele ano, passou a entrar em operação a extração de óleo, no campo de petróleo descoberto na Fazenda Alegre denominado pela Petrobrás como FAL-40H. É o maior campo de óleo do Espírito Santo, sendo responsável por mais de 50% de toda a produção ativa do norte capixaba.

História da cidade de Jaguaré

Á procura de terras férteis e devolutas, em 06-1946, chegava à região que hoje compreende o município de Jaguaré, procedente de Jaciguá, município de Cachoeiro de Itapemirim uma caravana composta de 14 agricultores e representante do Governo do Estado, Sr. Bértolo Malacarne, que vinha com a responsabilidade de organizar e coordenara colonização daquela área pertencente ao município de São Mateus.

Inicialmente esses agricultores fixaram-se no ponto chamado Ponte do Rio Barra Seca. Dali partiam para a colonização daquela região. A exploração agrícola e extração da madeira foram fatores decisivos no processo de desenvolvimento da região.

A povoação fundada pelos primeiros colonizadores recebeu a denominação de Lagoa de Jaguaré, nome de um capim que existia em abundância na época. Com o tempo, a lagoa foi desaparecendo, e o povoado passou a ser denominado Jaguaré.

Em 13-10-1981, a lei estadual nº 3445 criou o município de jaguaré, com território desmembrado do município de São Mateus. Sua instalação deu-se a 31-01-1983.

Gentílico: jaguarense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Jaguaré, pela lei estadual nº 1951, de 13-01-1964, subordinado ao município de São Mateus.

Em divisão territorial datada de 31-12-1968, distrito figura no município de São Mateus.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 01-01-1979.

Elevado à categoria de município com a denominação de Jaguaré, pela lei estadual nº 3445, de 13-10-1981, desmembrado de São Mateus. Sede no antigo distrito de Jaguaré. Constituído de 2 distritos: Jaguaré e Barra Seca. Desmembrado de São Mateus. Instalado em 31-01-1983.

Em divisão territorial datada de 15-08-1988, município é constituído de 2 distritos: Jaguaré e Barra Seca.

Pela lei estadual nº 241, de 23-04-1992, é criado o distrito de Nossa Senhora de Fátima e anexado ao município de Jaguaré.

Em divisão territorial datada de 15-07-1999, o município é constituído de 3 distritos: Jaguaré, Barra Seca e Nossa Senhora de Fátima.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Jaguaré: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Jaguaré? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: