Início » Tocantins » Silvanópolis


Silvanópolis - Tocantins



Silvanópolis faz parte do estado do Tocantins.

A origem da cidade de Silvanópolis foi com o povoado denominado de "Extrema", nas proximidades do Ribeirão do mesmo nome, em terras da fazenda Landi, no Município de Porto Nacional, de propriedade do Sr. Januário da Silva Guimarães e demais familiares da Família Silva Guimarães. Iniciada com a tradição de simples reza do terço, realizada todos os anos à Nossa Senhora de Sant′Ana, na sede da Fazenda do Sr. João Guimarães, irmão do Sr. Januário da Silva Guimarães, na década de 1903, celebrou-se a primeira Missa, por Frei Reginaldo, de Porto Nacional, organizador dos festejos. Em 1931, originou-se a primeira capela, construída de adobes, coberta de telhas, pelos pedreiros Tertuliano Rodrigues Campos e Vicente de Carvalho Oliveira. Com a construção da capela, sobreveio a idéia da criação de uma Escola isolada, de pau-a-pique, coberta de palha, tendo como primeiro professor, Arcino da Silva Guimarães, conhecido por Sulino, filho do Sr. João da Silva Guimarães. Mais tarde, o Sr. Januário da Silva Guimarães, doou à Santa Nossa Senhora Sant′Ana, cinquenta e sete (57) alqueires de terra. Os moradores da região começaram a povoar a localidade, construindo as primeiras moradias todas em ranchos de palhas, com a finalidade de propiciar educação escolar aos filhos e participar da festa que se tornara tradicional em toda a região e que ainda se comemora todo ano, no dia 22 de julho, sendo Padroeira da cidade, a Nossa Senhora Sant′Ana. Em 1933, com a morte do Sr. Januário da Silva Guimarães, com procedimento do inventário, verificou-se que essas terras não haviam sido registradas como patrimônio da Santa (paroquial), ficando de posse dos respectivos herdeiros. Para evitar que o nascente povoado em desenvolvimento sofresse esse impacto, o Sr. Eloy da Silva Guimarães, filho do Sr. Januário da Silva Guimarães, promovendo mais festas, e com a rentabilidade adquirida, comprou novamente os cinquenta e sete alqueires de terra de sua irmão, Sra. Elvira da Silva Guimarães. Vinte (20) alqueires porém foram vendidos ficando, como patrimônio da Santa, trinta e sete (37) alqueires, devidamente escriturados. Pela Resolução nº 04/63, foi elevada à categoria do Distrito de Porto Nacional, com o topônimo de Silvanópolis, em homenagem a família Silva Guimarães seus fundadores. Em 10 de junho de 1980, passou à categoria de Cidade, em terras do Distrito do mesmo nome, desmembrada de Porto Nacional. A sede do Município foi instalada em 01 (primeiro) de fevereiro de 1983, sendo eleito o primeiro Prefeito Sr. Alexandrino Ferreira dos Santos, permanecendo com um mandato durante 06 (seis) anos consecutivos.

Encontra-se a uma latitude 11º08′48" sul e a uma longitude 48º10′09" oeste, estando a uma altitude de 269 metros. A população avaliada em 2004 era de 4 212 habitantes. Possui uma área de 1305,31km².

História da cidade de SILVANóPOLIS

A origem da cidade de Silvanópolis foi com o povoado denominado de "Extrema", nas proximidades do Ribeirão do mesmo nome, em terras da fazenda Landi, no Município de Porto Nacional, de propriedade do Sr. Januário da Silva Guimarães e demais familiares da Família Silva Guimarães.

Iniciada com a tradição de simples reza do terço, realizada todos os anos à Nossa Senhora de Sant′Ana, na sede da Fazenda do Sr. João Guimarães, irmão do Sr. Januário da Silva Guimarães, na década de 1903, celebrou-se a primeira Missa, por Frei Reginaldo, de Porto Nacional, organizador dos festejos.

Em 1931, originou-se a primeira capela, construida de adobes, coberta de telhas, pelos pedreiros Tertuliano Rodrigues Campos e Vicente de Carvalho Oliveira. Com a construção da capela, sobreveio a idéia da criação de uma Escola isolada, de pau-a-pique, coberta de palha, tendo como primeiro professor, Arcino da Silva Guimarães, conhecido por Sulino, filho do Sr. João da Silva Guimarães.

Mais tarde, o Sr. Januário da Silva Guimarães, doou à Santa Nossa Senhora Sant′Ana, cinquenta e sete (57) alqueires de terra. Os moradores da região começaram a povoar a localidade, construindo as primeiras moradias todas em ranchos de palhas, com a finalidade de propiciar educação escolar aos filhos e participar da festa que se tornara tradicional em toda a região e que ainda se comemora todo ano, no dia 22 de julho, sendo Padroeira da cidade, a Nossa Senhora Sant′Ana.

Em 1933, com a morte do Sr. Januário da Silva Guimarães, com procedimento do inventário, verificou-se que essas terras não haviam sido registradas como patrimônio da Santa (paroquial), ficando de posse dos respectivos herdeiros. Para evitar que o nascente povoado em desemvolvimento sofresse esse impacto, o Sr. Eloy da Silva Guimarães, filho do Sr. Januário da Silva Guimarães, promovendo mais festas, e com a rentabilidade adquirida, comprou novamente os cinquenta e sete alqueires de terra de sua irmão, Sra. Elvira da Silva Guimarães. Vinte (20) alqueires porém foram vendidos ficando, como patrimônio da Santa, trinta e sete (37) alqueires, devidamente escriturados.

Pela Resolução nº 04/63, foi elevda à categoria do Distrito de Porto Nacional, com o topônimo de Silvanópolis, em homenagem a família Silva Guimarães seus fundadores.

Em 10 de junho de 1980, passou à categoria de Cidade, em terras do Distrito do mesmo nome, desmembrada de Porto Nacional.

A sede do Município foi instalada em 01 (primeiro) de fevereiro de 1983, sendo eleito o primeiro Prefeito Sr. Alexandrino Ferreira dos Santos, permanecendo com um mandato durante 06 (seis) anos consecutivos.

Silvanópolis, maio/1990.

Fonte: PREFEITURA MUNICIPAL/IBGE

Autor do Histórico: MARIA FRANCISCA PEREIRA DOS SANTOS PAOLINI

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 1.258,831: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 3: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 958: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 253: matrículas
Número de unidades locais: 96: unidades
Pessoal ocupado total: 467: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 19.920,61: reais
População residente : 5.068: pessoas
População residente - Homens: 2.655: pessoas
População residente - Mulheres: 2.413: pessoas
População residente alfabetizada: 3.854: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 1.665: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 4.360: pessoas
População residente, religião espírita: -: pessoas
População residente, religião evangélicas: 640: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.028,84: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.550,84: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 255,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 328,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,675:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Silvanópolis: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Silvanópolis? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: