Início » São Paulo » São José do Rio Preto » Notícias


Últimas Notícias da cidade de São José do Rio Preto - SP

Redes Sociais

  • Lia Quartieri

    em 09/01/2015 Via Youtube
    Aula de maquiagem natural com cara de rica - Senac São José do Rio Preto/SP

    Neste vídeo o professor ensina como fazer uma maquiagem carregada sem parecer estar maquiada.

  • Fonte: globoesporte.com em 23/01/2015

    Portuguesa derrota São José em jogo-treino no Canindé
    Em jogo-treino de pré-temporada, a Portuguesa derrotou o São José por 3 a 0 na manhã desta sexta-feira, 23, no CT do Canindé em São Paulo. Ambos estão em preparação ... A Lusa pega a Ponte Preta fora de casa no Paulista da Série A1.

  • Chuva de Raio na Represa Municipal de São José do Rio Preto SP

    Descrição.

  • Gols: América-SP 2 x 2 Rio Preto-SP - Copa São Paulo de Futebol Jr

    Gols: América-SP 2 x 2 Rio Preto-SP - Copa São Paulo de Futebol Jr. No clássico de São José do Rio Preto pelo Grupo B, o América abriu 2 x 0 com Matheus e Má...

  • Fonte: Boa Informação em 17/01/2015

    Em São José do Rio Preto, Grêmio despacha surpresa Goiânia e avança
    o Grêmio garantiu classificação para as quartas de final da 46ª Copa São Paulo de Juniores. Atuando no estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto, o Tricolor gaúcho triunfou sobre o surpreendente Goiânia, pelo expressivo placar de 4 a 1.

  • Leonardo zma

    em 03/01/2015 Via Youtube
    F67 EM SÃO JOSÉ DO RIO PRETO/SP 1° VÍDEO DE 2015.

    TREM F67 COM A C30-7 9350 E A AC44I 9817.

  • FÃ CLUBE FAMÍLIA ROSA DE SARON ETERNAMENTE 
    SÃO JOSÉ DO RIO PRETO SP


  • Fonte: G1 em 25/01/2015

    Faculdade de Rio Preto adota medidas para evitar trote violento
    No ano passado, calouro desistiu do curso após sofrer trote violento. A Famerp, Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (SP), anunciou nesta semana mudanças na recepção de novos alunos para este ano. O trote foi proibido na Famerp para evitar ...

  • LeandroSports

    em 05/01/2015 Via Youtube
    Gols, Grêmio 4 x 1 Rio Preto - Copa São Paulo 04/01/2015

    Curtam nossa página: http://www.facebook.com/LeandroSportsVideos Grêmio goleia o Rio Preto e começa bem luta por título inédito da Copa SP Com a vitória por ...

  • Fonte: G1 em 26/01/2015

    Polícia investiga morte de gatos em bairro de São José do Rio Preto
    Uma moradora do bairro João Paulo II em São José do Rio Preto (SP) registrou boletim de ocorrência depois de encontrar, pela segunda vez, gatos mortos em seu quintal. Os animais teriam morrido por suspeita de envenenamento. O segundo caso aconteceu ...

  • Fonte: Portal Brasil em 19/01/2015

    Incra criará seu primeiro assentamento na região de São José do Rio Preto (SP)
    Um novo assentamento de reforma agrária será criado em São Paulo, o primeiro da região de São José do Rio Preto. A Superintendência Regional do Incra em São Paulo recebeu da Justiça Federal de São José do Rio Preto a posse das fazendas Santo ...

  • GrêmioNoAr

    em 04/01/2015 Via Youtube
    Melhores momentos: Grêmio 4 x 1 Rio Preto pela Copa São Paulo de Futebol Júnior

    Time comandado por James Freitas aplicou 4 a 1 no time da casa O Grêmio não teve problemas para vencer na estreia da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Jogand...

  • O Centro de Inovação Microsoft do Senac São José do Rio Preto apresenta, em 23 de julho, o workshop #gratuito Windows Phone 8, para abordar o novo sistema operacional da Microsoft para smartphone.

    Participe: http://j.mp/1391TyL

    #WindowsPhone


  • São José do Rio Preto-SP vai ganhar mais um Living: Pleno Vila Flora.

    O empreendimento possui uma ampla área de lazer que é formada por quadra gramada, churrasqueiras, piscina adulto/infantil, play baby, playground, estação de ginástica, pista de caminhada, redário, fitness, salão de festas e salão de jogos. Conheça: http://migre.me/filNR

    São José do Rio Preto-SP vai ganhar mais um Living: Pleno Vila Flora. O empreendimento possui uma ampla área de lazer que é formada por quadra gramada, churrasqueiras, piscina adulto/infantil, pl
  • Fonte: Oficina da Net em 23/01/2015

    Empresas de TI em Sao Jose do Rio Preto/SP
    do Rio Preto/SP no setor de tecnologia da informação em horário comercial. É uma empresa que nasceu na busca constante pela inovação, sua principal filosofia. Fica localizada no bairro: Vl Sao Jose atua principalmente ... A empresa Bios Comercio e ...

  • Casa em Mirassol - Bairro próximo da Rodovia Washington Luiz a menos de 10 minutos das principais avenidas de São José do Rio Preto. (16-57-16)


    sp.bomnegocio.com
    Casa no Jardim Alvorada em Mirassol - Venda - casas e apartamentos - Mirassol, São Paulo |....
    UMA CONSTRUÇÃO RECENTE NO BAIRRO ALVORADA EM MIRASSOL, 230 MT O TERRENO E 123 DE CONSTRUÇÃO, CONTENDO 03 DORMITÓRIOS, 01 TIPO APARTAM. 01 SALA, 01 COZINHA, LAVANDERIA, ARMÁRIO EXTERNO, ÁREA EXTERNA DE LAZER E GARAGEM PARA 02 CARROS. TROCAMOS POR CHÁC...
  • Fonte: Futebol Interior em 23/01/2015

    Paulista A3: Dalla Pria está longe de voltar pra presidência Rio Preto
    São José do Rio Preto, SP, 23 (AFI) – Dalla Pria está longe de voltar ao Rio Preto. Nesta sexta-feira, o Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou a decisão da 1ª Vara Cível de Rio Preto sobre o afastamento do cartola no Jacaré. A sentença é ...

  • Piracicaba sendo bem representada por Antonio Chapéu SilvaLéo Silva e Renê Scarpelin. :D


    Apite Piracicaba compartilhou a foto de Binho Riani Perinotto.
    "Fórum do Litoral, Interior e Grande São Paulo (FLIGSP): Artes e Políticas Públicas" (7ª Edição, na Fundação Cultural Cassiano Ricardo - São José dos Campos, dias 23, 24, e 25 de Janeiro de 2015) (y). AVANTE na Luta em SP!... Principalmente em mecanismos de Financiamento a Cultura (foco no PROAC-Editais e futuro FUNDO Estadual de Cultura), e atenção especial no processo de implantação do Sistema Estadual de Cultura (com Plano Decenal, Fundo, Conselho de Políticas Culturais, Conferências, Programas e Planos de Formação, e Sistema de Informações e Indicadores Culturais). SIMBORA!!! Agora é promover cada vez mais Articulação e Mobilização. Obs.: A próxima edição do Fórum Presencial será começo de 2016. Daí o então 8° Fórum do interior, Litoral e Grande São Paulo será realizado na cidade de São José do Rio Preto (a mesma que passará a ter o primeiro escritório Regional do Ministério da Cultura fora de uma capital). - DICA 01: https://groups.google.com/forum/#!forum/foruminterior3 - DICA 02: https://foruminterior.wordpress.com/cartas-e-resolucoes/ - DICA 03: Estão abertas as votações para o Prêmio Governador do Estado - Juri Popular. O Fórum LIGSP está indicado por Territórios Culturais. Quem quiser, é só clicar no nome (daí provar que não é um robô e votar): http://www.cultura.sp.gov.br/StaticFiles/PremioGovernador/index.htm - Dica 04: http://culturabr.com/sao-paulo-movimento-cultural-organizado-conquista-territorios-das-artes-territorios-criativos-e-territorios-culturais/ :) Pessoalmente e Profissionalmente, foi muito energético e sinergético participar deste Fórum e ele ocorrer em São José dos Campos. - Explico: eu fui o 'representante', dentre os indicados por este Fórum, para compor a Comissão de Seleção de Projetos do PROAC-EDITAL nº26/2014 "Territórios das Artes: Manutenção de Espaços" (uma demanda histórica deste Fórum, e de tantos outros Movimentos e Redes, incluindo Fórum Permanente dos Pontos de Cultura do Estado de São Paulo); e do fim de 2014 para este começo de 2015 eu também fui o 'coordenador' da Comissão de Seleção de Projetos do 1º Edital do recém-criado Fundo Municipal de Cultura de São José dos Campos "Ações Culturais para Jovens". Vamos Avançar! SIMBOOORA!!! :) — com Simone Sobreda e outras 35 pessoas.
    Fotos da Linha do Tempo.
    ...(Continuar Lendo)



  • www.sindicomunitario.org.br
    Campanha Salarial 2015: Sindicomunitário realiza reunião em Ribeirão Preto.
    Nem bem começou o ano de 2015 e nosso sindicato já está mobilizando diretores, lideranças de base e Departamento Jurídico para dar início à nossa Campanha Salarial.
  • Fonte: Veja São Paulo em 26/01/2015

    Em São Paulo, 22 cidades não registram homicídio desde 2001
    Em Santa Salete, com 1 446 habitantes na região de São José do Rio Preto, foram registrados onze furtos em 2014. Menor cidade de São Paulo e segunda do Brasil, com 835 habitantes, Borá teve apenas treze ocorrências em 2014 - dez lesões corporais e ...

  • A Banca

    em 02/08/2013 Via Google++
    Salve São José do Rio Preto!!

    Dia 09/08 estaremos ai no festival Planeta Rock que vai rolar no Recinto de Exposições, e o melhor, a entrada é franca!

    O festival rola entre os dias 07/08 e 10/08 e vão rolar várias atrações, acessem o site pra conhecer melhor:
    http://www.famapro.com.br/PlanetaRock2013.php

    Bora compartilhar e chamar toda galera pra colar com a gente e fortalecer, dia 09 esperamos você lá! Vamo que vamo!!

    Foto: Divulgação

    Salve São José do Rio Preto!! Dia 09/08 estaremos ai no festival Planeta Rock que vai rolar no Recinto de Exposições, e o melhor, a entrada é franca! O festival rola entre os dias 07/08 e 10/08
  • Fonte: FutNet em 22/01/2015

    Santos quer mandar três jogos do Paulistão longe da Vila Belmiro
    São José do Rio Preto e São Paulo, respectivamente. O mandatário agora aguarda a oficialização das mudanças. "Será uma partida no Pacaembu, uma em São José dos Campos e uma, provavelmente, em São José do Rio Preto, que ainda precisa de alguns ...

  • um,queremos chegar em São José Do Rio Preto,quem sabe uma filial abçoss a todos

    um,queremos chegar em São José Do Rio Preto,quem sabe uma filial abçoss a todos
  • Boa tarde pessoal! hoje estaremos em São José do Rio Preto/SP! Será uma honra termos a presença de todos! 100%Show

    Boa tarde pessoal! hoje estaremos em São José do Rio Preto/SP! Será uma honra termos a presença de todos! 100%Show
  • Afif em campanha ao Senado na cidade de São José do Rio Preto

    A reportagem da TV Tem de Rio Preto registra a visita de Guilherme Afif na cidade durante campanha ao Senado. Em 19/09/2006.

  • Deve ser do.jardineiro. vê se o Aloysio..se meteria numa baixaria dessa.


    Alexandre Oxley da Rocha.
    ESTA DROGA NÃO TINHA DONO, O POPÓCOPTERO TAMBÉM NÃO TEM E TODOS TEM UMA PERNINHA NAQUELE PARTIDINHO QUE PERDEU TODAS!!!! São Paulo, quinta-feira, 04 de junho de 2009 Texto Anterior | Próximo Texto | Índice SEGURANÇA Polícia encontra droga em fazenda no interior de SP DA REPORTAGEM LOCAL A Polícia Militar encontrou um tambor de leite com cocaína, crack e munição em uma fazenda no município de Pontalinda (587 km de SP). A fazenda é de propriedade do secretário de Estado Aloysio Nunes Ferreira Filho (Casa Civil). A apreensão ocorreu na última quinta-feira. Ninguém foi preso. A droga, 19 kg de pasta-base (estado mais puro da droga) de cocaína e 515 g de crack, e os 13 cartuchos para pistola foram encontrados numa área isolada da fazenda de cerca de 247 mil m2. Para a polícia, bandidos escolheram a fazenda pela fragilidade da segurança e por ser rota de tráfico internacional de drogas, principalmente a produzida no Paraguai e na Bolívia. "O doutor Aloysio é vítima. Os criminosos escolheram a propriedade pela sua localização geográfica e facilidade de esconderam a droga ali", disse o delegado Antônio Mestre Júnior, chefe da Polícia Civil na região de São José do Rio Preto. O secretário disse que não iria comentar porque, segundo assessores, isso pode atrapalhar as investigações.
  • Vôo são Paulo a são jose do rio preto.

    Go to home!

  • Jorge Ifraim

    em 26/01/2015
    Nossa São Paulo e seus impressionantes números... <3


    Jorge Ifraim compartilhou a foto de Gazeta da Semana.
    São Paulo: se fosse um país, ocuparia a 43ª posição entre as maiores potências mundiais Referência em diversos setores - comércio, serviços, gastronomia e turismo -, capital responde por 11,5% do PIB nacional São Paulo completa 461 anos neste domingo (25). Além do aniversário da cidade, os paulistanos têm outros motivos para comemorar. Responsável por 11,5% do PIB nacional, com R$ 499,4 bilhões, a economia paulistana supera à de 14 estados brasileiros somadas. Com uma economia vigorosa, São Paulo exerce influência direta sobre outros 1.028 municípios, cidades que abrigam uma população superior a 50 milhões de pessoas. A dimensão do PIB paulistano excede em 16% o PIB da região Centro-Oeste (R$ 430,5 bilhões) e é pouco maior do que o dobro do PIB da região Norte (R$ 231,4 bilhões). Se fosse um país, a cidade ocuparia a 43ª posição entre as maiores potências mundiais, à frente de países europeus como Grécia e Portugal e equivalente à Finlândia. Em relação aos vizinhos da América do Sul, ocuparia a 6ª posição, perdendo apenas para o próprio Brasil, seguido de Argentina, Colômbia, Venezuela e sendo recentemente ultrapassado pelo Chile. A cidade mais populosa do País, com quase 11 milhões de habitantes, nunca para. O movimento anual nos terminais rodoviários do Tietê, Barra Funda, Jabaquara e no Aeroporto de Congonhas alcançou 33 milhões de pessoas em 2014. E a cidade ganhou o prêmio Travelers' Choice Destinos, eleita melhor destino turístico do Brasil pelo site de viagens TripAdvisor. Os dados fazem parte de estudo produzido pela FecomercioSP. Comércio de bens e serviços Em 2014, o varejo da cidade de São Paulo movimentou aproximadamente R$ 162 bilhões, o maior entre as 16 regiões paulistas analisadas pela Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (PCCV) da FecomercioSP. O valor representa um faturamento de R$ 5,1 mil por segundo do setor em todo o Estado. O faturamento do varejo paulistano é superior ao da soma das nove menores regiões -- Litoral, Taubaté, Sorocaba, Bauru, São José do Rio Preto, Araçatuba, Presidente Prudente, Marília, Araraquara --, que compõem a PCCV. E é três vezes maior do que o da segunda colocada, a região de Osasco, composta por 20 municípios. Gastronomia e Turismo Conhecida também como capital gastronômica do Brasil pela diversidade e qualidade de opções, São Paulo tem um de seus restaurantes, entre os cerca de 15 mil estabelecimentos da cidade, no ranking dos 10 melhores do mundo segundo a publicação britânica Restaurant. A capital paulista também atende anualmente ao maior número de eventos do país com 806 feiras de negócios, visitadas por quase nove milhões de pessoas e que geram um montante de mais de R$ 16 bilhões de reais/ano. Para atender essa demanda de turistas, a capital oferece 42 mil apartamentos disponíveis em 410 hotéis, que apresentam uma taxa de ocupação média anual de 65,5%. O setor de Turismo é responsável por uma arrecadação anual de ISS de cerca de R$ 252 milhões. São Paulo sempre surpreende Ao contrário do pensamento geral, São Paulo não é a cidade com pior trânsito do país. Um relatório divulgado em 2014 pela empresa TomTom, especializada em dados de tráfego, mostrou que Recife e Salvador são as cidades com pior trânsito, em termos proporcionais, e a capital paulista é a 5ª colocada, atrás ainda de Rio de Janeiro e Fortaleza. E, em relação à violência nas grandes cidades, de acordo com dados do Mapa da Violência 2014, realizado pela Secretaria Nacional de Juventude e pela Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, São Paulo é a segunda menos violenta entre as capitais brasileiras, se considerada a taxa de homicídios por 100 mil habitantes. Acompanhe: www.fb.com/GazetaDaSemana.com.br
    Fotos da Linha do Tempo.
    ...(Continuar Lendo)
  • ibis São José do Rio Preto. "Sono profundo e preço de Sonho". (http://www.expandhurbanismo.com.br/empreendimentos/ibis-sao-jose-do-rio-preto)


  • Bus Channel

    em 06/01/2015 Via Youtube
    Cometa 10264 - São José do Rio Preto

    São José do Rio Preto x São Paulo 10:30 Motorista Lourenço.

  • Fonte: Futebol Interior em 23/01/2015

    Paulista A3: Rio Preto acerta novos patrocinadores para 2015
    São José do Rio Preto, SP, 23 (AFI) - A reunião para apresentar a associação “Amigos do Rio Preto”, na sede do estádio Anísio Haddad, foi proveitosa. Na última quarta-feira, a diretoria do Rio Preto Esporte Clube apresentou o coordenador da ...

  • Sandra Paiva

    em 26/01/2015
    Nem tudo é Festa! Esse ranking ninguém quer.


    Sandra Paiva compartilhou a foto de Pela Vidda SP.
    INFORMAR-SE, UMA QUESTÃO DE VIDDA. Desinformação tem cura. Maior cidade do Brasil chega aos 461 anos com registro de mais de 86 mil casos de aids. A cidade mais populosa do Brasil, com mais de 11 milhões de habitantes, está em festa. Neste domingo, 25 de janeiro, São Paulo faz 461 anos. Conhecida como a cidade onde tudo acontece primeiro, com a aids não poderia ter sido diferente. Em São Paulo, foi registrado o primeiro caso da doença do Brasil, em 1980. Foi nesse município, também, que surgiu o primeiro programa governamental para combater a doença, em 1983, e a primeira ONG/aids do país (e da América Latina), o Grupo de Apoio à Prevenção à Aids (GAPA), em 1984. Para marcar esses 461 anos, a Agência de Notícias da Aids levantou dados que revelam o atual cenário da doença no município. Também conversou com pessoas que contaram como é viver com HIV/aids na metrópole considerada uma das mais avançadas do mundo no tratamento da epidemia. Desde 1980, a cidade já registrou 86.112 casos de aids. Desses, 72,1% (62.0360) em homens. O crescimento de novos casos é maior na população masculina. Entre 1997 e 2010, São Paulo tinha duas notificações da doença em homens para uma mulher. Em 2013, passou para três homens para uma mulher. Esse aumento está relacionado com o crescimento da epidemia entre os homens que fazem sexo com homens (HSH), especialmente na faixa etária de 13 a 29 anos, segundo o último boletim epidemiológico da cidade. A transmissão sexual por meio da relação de HSH representou 47% dos casos do sexo masculino em 2012. Em 2008, essa taxa era de 39,3%. Epidemia concentrada Os dados mostram que São Paulo vive hoje uma epidemia de HIV/aids concentrada, com números crescendo em populações-chave, como profissionais do sexo e usuários de drogas. Só em 2013, foram notificadas 2.130 pessoas com aids -- isso representa 18,6 casos para cada 100 mil habitantes. Já os casos notificados de HIV sem aids somaram 2.300, ainda segundo o boletim epidemiológico. “Estamos percebendo um relaxamento dos cidadãos com relação ao uso do preservativo e há muitos trabalhos de intervenção sendo feitos para tentar reverter isso”, diz Eduardo Barbosa, coordenador do Centro de Referência da Diversidade (CRD), espaço público que acolhe a população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT). “Nós, que estamos nos principais pontos gays da cidade, chegamos à conclusão de que para muitas pessoas a aids parece um problema menor e a maior resistência ao uso da camisinha vem dos jovens gays. Acontece que os governos estão com dificuldade para focalizar campanhas e direcionar as mensagens para esse público. Talvez a saída seja unir numa mesma peça os temas direitos humanos e saúde e prevenção ao HIV/aids”, sugere Eduardo. “Acredito também que um processo educacional contínuo possa cooperar muito para evitar novos casos.” “Numa pesquisa que fizemos no ano passado, constatamos que os jovens são os que mais usam preservativos, ao contrário do que se declara com frequência”, defende Eliana Battaggia Gutierrez, coordenadora do Programa Municipal de DST/Aids da cidade, em artigo que está no ar na página dessa agência (leia). "Que o preservativo é o melhor método para reduzir o risco de infecção já é sabido por 97% das pessoas de 15 a 65 anos que moram na cidade, ou seja, quase todo o mundo”, continua a coordenadora. Para Eliana, a grande dificuldade está no acesso aos métodos de prevenção. “Aqui, 47% das pessoas não têm acesso aos preservativos e, para piorar, as classes C, D e E dependem dos preservativos distribuídos gratuitamente. Então, já temos uma indicação do caminho a seguir: aumentar e facilitar o acesso.” Embora não sejam considerados populações-chave, os afrodescendentes também estão entre os mais vulneráveis. Para cada 100 mil habitantes, foram diagnosticados pelo município 39,7 casos de HIV entre as pessoas da raça negra em 2010, contra 18 casos em brancos. Mais dados: Duas pessoas morrem em decorrência da aids todo dia na cidade Após a introdução da terapia antirretroviral, em 1996, a taxa de mortalidade declinou mais de 50% e , em 2012, atingiu o índice de 6,8 óbitos por 100 mil habitantes No ranking das principais causas de morte no município, a aids já ocupou a 5ª posição em 1996. Em 2012, estava em 22º lugar As pessoas que mais adoecem e morrem em decorrência da aids na cidade são da raça negra. Transmissão vertical Os dados mais recentes sobre transmissão vertical, infecção passada de mãe para filho durante a gravidez, parto ou amamentação, em São Paulo, são de 2013. Entre 2000 e 2013, o município notificou 6.341 gestantes HIV positivo. Aproximadamente 9% das grávidas infectadas tinham menos de 20 anos. Neste período, foram notificadas 5.750 crianças expostas ao HIV materno, ou seja, nascidas de mãe infectada ou que tenham sido amamentadas por mulheres com HIV. Desses, 188 casos se confirmaram como soropositivos. A transmissão vertical é a principal categoria de exposição do HIV em crianças, representando 90% dos casos. A meta mundial era erradicar essa forma de contágio até 2015, mas ela não foi alcançada até o momento e os dados indicam que não será. Mais dados: Desde 2007, a incidência de aids em menores de 5 anos tem se mantido estável em torno de 18 casos por ano Entre 1984 e 2013, foram notificados 2.315 casos de aids em menores de 13 anos, sendo 76% em crianças com menos de 5 anos Em 1997, a cada 100 mil crianças menores de 13 anos, 8,5 eram soropositivas Ao total de casos de aids notificados em crianças, cerca de 41% evoluíram para óbito . Em 2012, a taxa de mortalidade em crianças foi de 0,4 e a prevalência estimada de crianças vivendo com HIV/aids foi de 1.498 casos até 30 de junho de 2013. Serviços e tratamento A rede municipal especializada em DST/Aids conta com 26 serviços espalhados pelas cinco regiões da cidade. (Confira aqui os endereços). Nestes espaços, é possível adquirir orientação sobre prevenção, profilaxia pós-exposição (PEP), testagem para HIV e DSTs, exames, consultas e tratamento para HIV/aids e coinfecções, inclusive hepatites virais. Nos serviços é possível encontrar gratuitamente preservativos masculinos e femininos e gel lubrificante. Desde 2014, o município oferece o tratamento contra aids para todas as pessoas vivendo com HIV/aids, independentemente da contagem de CD4, exame que mede as células de defesa do organismo. As pessoas em situação de rua contam ainda com o tratamento supervisionado. No ano passado, ativistas elegeram os serviços que fazem a diferença no combate à aids na cidade. Confira aqui os eleitos. Como é viver com HIV na cidade Ouvimos alguns soropositivos que moram em São Paulo para saber se, no geral, a cidade os acolhe bem. Vejam o que eles nos contaram: “Não respeitam a forma como me reconheço” "Não é nada bom viver com HIV nessa cidade. Muitos dos meus direitos são violados sempre que vou ao serviço de saúde, que é o Centro de Referência e Treinamento (CRT). O estresse começa na recepção. A atendente faz questão de me chamar de ‘ele’ o tempo inteiro, não respeitando meu nome social e a forma como me reconheço. Me sinto mulher, sou mulher e quero ser tratada assim. Não quero privilégio, só respeito. Mas acontece que chego ali para me tratar do HIV e saio com a saúde mental abalada. Enquanto não houver sensibilização por parte da equipe, o serviço vai perder pacientes, que, assim como eu, se sentem desrespeitados. Só não abandonei o tratamento porque eu sei da importância do cuidado com a saúde. O acesso ao serviço também não é tranquilo. Nem sempre conseguimos passar no médico. Se a gente falta em alguma consulta, seja pelo motivo que for, eles dificultam o reagendamento. Antes, eu me tratava em São José do Rio Preto (SP). Lá, o serviço é humanizado. Mesmo quando não ia ao serviço ou faltava na consulta, os profissionais de saúde me procuravam em casa. Lá, existe acolhimento. Para finalizar, eu queria dizer uma frase: ‘Viva a vida, ela pode estar sempre em despedida. Minha luta é todo dia contra homolesbotransfobia.’" BRUNNA VALIN, militante pelas causas de pessoas HIV+ e LGBT, orientadora socioeducativa no Centro de Referência e Defesa da Diversidade (CRD) “Guardar sigilo é difícil” “ Embora seja uma cidade imensa, aqui há muita dificuldade para quem quer manter o sigilo da sorologia. Quando descobri meu diagnóstico, há um ano, fui em busca de um serviço distante da minha casa, mas me mandaram de volta para o meu bairro. Eu tinha muito medo de encontrar algum conhecido lá e uma vez isso acabou acontecendo e, para evitar novos constrangimentos, eu mudei de bairro. Eu acho que esse tipo de regra, de mandarem você para perto da sua casa, um grande dificultador da adesão ao tratamento. Há situações bem constrangedoras nos serviços de saúde. Por exemplo, as farmácias ficam ao lado da sala de espera. Se um vizinho vê você pegando o medicamento fica impossível negar a doença. Outro problema é a superlotação dos serviços de saúde. Hoje sou agente de prevenção e faço acolhimento de jovens recém-infectados, de diferentes regiões da cidade. Muitas das dúvidas deles poderiam ser esclarecidas na primeira consulta com o infectologista. Mas esse profissional não têm tempo, pois têm de dar conta de atender muitas pessoas e a qualidade do atendimento cai muito. Mesmo assim, se compararmos com outras cidades, é possível identificar um leque de opções nos serviços especializados para quem vive com HIV. Se eu precisar de um psicólogo ou uma nutricionista, por exemplo, eu consigo mais rápido do que quem não tem HIV.” Antônio Marcos Fonseca, 27 anos “Grandiosidade possibilita anonimato” “Viver com aids na cidade mais rica do país é viver o contraditório. Há serviços que servem de referência na mesma região em que vemos o fracasso de serviço público. Temos na grandiosidade da metrópole a possibilidade de viver o anonimato e um espaço de visibilidade na esfera nacional. São Paulo é a meca da liberdade sexual . Temos o mundo glamourizado e os que vivem à margem das políticas públicas. O aumento das infecções entre HSH deve ser debitado nas contas dos governantes das três esferas que têm como preocupação única a testagem e nada realizam na prevenção, temendo pelas reações conservadoras.” José Araújo Lima, presidente do Espaço de Atenção Humanizada (Epah) “Há muito preconceito, até no atendimento dos serviços” “Vim da Paraíba e moro em São Paulo há um ano e meio. Vivo com HIV há três anos e ainda não tomo antirretrovirais, mas faço acompanhamento médico. Faltam divulgação sobre HIV/aids e campanhas de esclarecimento na cidade. As pessoas não sabem nem como é que se pega HIV e a consequência é uma sociedade altamente preconceituosa. Eu sou gay e vejo que nos grupos gays a maioria é preconceituosa com quem tem HIV. Eles fazem piadas, comentários... Fora isso, os serviços de saúde precisam ser humanizados. Somos mal recebidos neles . Depois que passamos pela triagem, fica melhor mas a recepção é feita por profissionais insensíveis, que nos tratam como pessoas promíscuas que têm HIV porque saíram transando com todo o mundo. Outro dia, tive uma infecção intestinal e fui muito mal atendido no Centro de Referência e Treinamento (CRT-SP, mantido pelo Estado). Só quando cheguei na assistente social tive educação e respeito. Se eu fosse secretário da saúde daria treinamento para as pessoas que atendem em todos os serviços.” Paulo Henrique Tavares, 24 anos “Viver com HIV em SP é tenso, mas viável” “Não sei se sou um cara de sorte, mas tenho uma relação bem bacana com minha infectologista há quase cinco anos. Ela é do Serviço de Atenção Especializada (SAE) Campos Elíseos. Sempre entende minha vida confusa de gerente de loja e facilita meus horários de consulta. Desde que descobri meu diagnóstico sempre fui bem acolhido no serviço -- depois do exame já saí com a consulta marcada. Claro que não é um mar de rosas sempre. Às vezes, é tenso, pois nem sempre é possível conseguir consultas com outras especialidades no tempo necessário e as pessoas que vivem com HIV são imediatistas mesmo. Mas é viável pelo fácil acesso aos serviços de saúde e às novas tecnologias.” Rodrigo Andrade Silva, 27 anos “O trabalho das ONGs/aids faz a diferença” “Às vezes, é fácil viver com HIV em São Paulo, porque temos acesso a tratamento em vários lugares. Mas o preconceito ainda é muito forte, embora já tenha sido bem pior. O bom é que existem na cidade várias Ongs de apoio e isso é muito importante, ajuda muito. Sou soropositivo há 21 anos e, graças a Deus e aos medicamentos, tenho uma qualidade de vida boa.” Fonte : Agência aids.
    Fotos da Linha do Tempo.
    ...(Continuar Lendo)
  • Thiaguinho

    em 10/07/2013 Via Google++
    Ousados de São José do Rio Preto/SP!!! Tô chegando hein....

    Info e Ingressos: http://migre.me/fhljh

    Ousados de São José do Rio Preto/SP!!! Tô chegando hein.... Info e Ingressos: http://migre.me/fhljh
  • Golden Boys (Stiletto) - Apresentação Balé da Cidade (São José do Rio Preto - SP)

    Companhia de dança Golden Boys apresentando no espetáculo Cine Dança do Balé da Cidade de São José do Rio Preto - SP no Teatro Municipal.

  • MEL: adoção especial.
    São José do Rio Preto / SP
    Contatos: Mafalda Chaves (17 9115-1184)

    MEL: adoção especial. São José do Rio Preto / SP Contatos: Mafalda Chaves (17 9115-1184)
  • São José do Rio Preto SP ! Festival de bandas independentes com uma estrutura impecável !! 
    Sensacional! Quinta feira e o Rock prevaleceu! 
    Rumo ao GO Music!



AVISO: O conteúdo de cada postagem é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem. Se você encontrou algum conteúdo ofencivo ou pornográfico, por favor entre em contato conosco. Você também pode enviar seu texto para gente.


Previsão do tempo na Região