Início » Sergipe » Simão Dias


Simão Dias - Sergipe



Simão Dias é uma cidade localizada no extremo oeste do Estado de Sergipe.

O local onde está edificada o município de Simão Dias foi, no passado, uma povoação de índios (remanescentes dos Tapuias) fugitivos das expedições colonizadoras do Governador do Norte, Luís de Brito e Almeida no século XVI. Esses índios se estabeleceram nas matas às margens do Rio Caiçá.

As terras do município constituem um relevo acidentado devido à presença de um conjunto de serras, com altitudes que oscilam entre 200 a 750 metros. Isso favorece a existência de uma vegetação menos vulnerável a estiagens típicas do sertão. As zonas de terras entre Simão Dias e Paripiranga, município da Bahia, são formadas por terrenos acidentados, onde é possível verificar a existência de matas fechadas, devido à impossibilidade de cultivo de cereais e pastagens. Nessa mesma zona, existem inúmeros sítios onde se cultivam árvores frutíferas e culturas de subsistência, esse relevo proporcionou aos índios que primeiro povoaram essa região um verdadeiro oásis, frente ao sertão. Daí a origem das diversas denominações que constam em documentos históricos, como: “Matas de Simão Dias”, Matas do Coité ou “Matas do Caiçá”.

História da cidade de Simão Dias Sergipe - SE

A colonização da Região a que pertence o Município de Simão Dias liga-se às primeiras concessões de sesmarias às margens e vizinhanças do rio Vasa-Barris, nos limites com Itabaiana e Jeremoabo.

Os primeiros habitantes do Município foram índios remanescentes da tribo dos Tapuias, integrantes da Missão do jesuíta Gaspar Lourenço, que, para fugir à perseguição da expedição de Luís de Brito. governador da Bahia, na sua tentativa de conquista do território sergipano, ali se refugiaram em fins do século XVI, estabelecendo-se nas florestas do Caicá, num local que mais tarde tomaria o nome de Mata da Moita.

Em meados do séculos XVII, quando as forças invasoras de Maurício de Nassau transpuseram o rio São Francisco, ameaçando Itabaiana, o português Brás Rebelo achou conveniente retirar seus rebanhos daquela zona. Ordenou então que seu vaqueiro Simão Dias construísse currais nas florestas do Caicá. Não sendo hostilizado pelos indigenes, que ainda conservavam a herança da catequese de Gaspar Lourenço, Simão Dias pode estabelecer-se no Caicá, dando assim início ao povoado, para onde pouco a pouco foram afluindo novos colonizadores.

Desde 1655 existia, na aldeia de Simão Dias, uma capela dedicada à Sant′Ana. tendo sido a mesma reconstruída em 1784, quando o capitão Manuel de Carvalho Carregoza e sua mulher, D. Ana Francisca de Menezes, doaram, por escritura de 7 de dezembro, o patrimonio da futura freguesia. criada a 7 de fevereiro de 1834.

A freguesia de Sant′Ana de Simão Dias foi elevada à categoria de Município pela Resolução Provincial n.° 264, de 15 de marco de 1850, com território desmembrado do município de Lagarto. O Decreto n.° 43, de 8 de maio de 1890, criou a comarca de Simão Dias. A sede do município recebeu foros de cidade pelo Decreto n.° 51, de 12 de junho de 1890.

A Lei n.° 621, de 25 de outubro de 1912 mudou o nome de Simão Dias para Anápolis e pelo Decreto-lei estadual n.° 533, de 7 de dezembro de 1944 o Município voltou a denominar-se Simão Dias.

Segundo o quadro administrativo do País vigente no quinquênio 1954/1958, o Município é composto apenas do distrito sede.

Formação Adminstrativa

Gentílico: Simão-diense

Distrito criado com a denominação de Santana de Simão Dias, pela provincial de 06-02-1835.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Santana de Simão Dias, pela lei provincial nº 264, de 15-03-1850, desmembrado de Lagarto. Sede na antiga povoação de Santana de Simão Dias. Constituído do distrito sede.

Elevado à condição de cidade e sede com a denominação de Simão Dias, pelo decreto nº 51, de 12-06-1890.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município já denominado Simão Dias é constituído do distrito sede.

Pela lei estadual nº 621, de 25-10-1912, o município de Simão Dias passou a denominar-se Anápolis.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município de Anápolis ex-Simão Dias é

constituído do distrito sede.Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.Pelo decreto-lei estadual nº 377, de 31-12-1943, revogado pelo decreto de nº 533, de 07-12

1944, o município de Anápolis volta a denominar-se Simão Dias.Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alterações toponímicas municipais

Santana de Simão Dias para simplesmente Simão Dias alterado, pelo decreto nº 51, de 12-06-1890.Simão Dias para Anápolis alterado, pela lei estadual nº 621, de 25-10-1912.Anápolis para Simão Dias alterado, pelo decreto-lei estadual nº 377, de 31-12-1943, revogado pelodecreto nº 533, de 07-12-1944.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 564,359: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 20: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 6.940: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.622: matrículas
Número de unidades locais: 440: unidades
Pessoal ocupado total: 5.524: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 12.370,58: reais
População residente : 38.702: pessoas
População residente - Homens: 18.888: pessoas
População residente - Mulheres: 19.814: pessoas
População residente alfabetizada: 26.679: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 13.591: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 32.943: pessoas
População residente, religião espírita: 119: pessoas
População residente, religião evangélicas: 2.929: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 744,55: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.256,15: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 192,50: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 300,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,604:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Simão Dias: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Simão Dias? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: