Início » Rio Grande do Sul » Campinas do Sul


Campinas do Sul - Rio Grande do Sul



Campinas do Sul é um município do estado brasileiro do Rio Grande do Sul. Seu nome originou-se das campinas existentes na região.

Em fevereiro de 1939, no município de Erechim, iniciou-se o povoamento da atual cidade de Campinas do Sul. Com predominância da população de origem italiana muito religiosa, foi escolhida Nossa Senhora dos Navegantes para padroeira do município.

Campinas do Sul emancipou-se de Erechim em 31 de janeiro de 1959. Em 1964 um dos seus distritos emancipou-se, surgindo assim Jacutinga.

História da cidade de Campinas do Sul Rio Grande do Sul - RS

O início da colonização de Campinas do Sul deu-se por volta da década de 1920/1930. Mas o maior impulso verificou-se nos anos de 1939 e 1940, quando levas crescentes de colonos aportaram à então denominada Vila Oungre - nome primitivo do atual município. Os imigrantes, em sua maioria de origem italiana, seguidos de elementos de origem germânica, procediam das chamadas colônias velhas, ou seja, da região da grande Caxias do Sul e do Vale dos Sinos, que demandavam aos campos de Vila Oungre, atraídos pela fertilidade do solo e pela topografia favorável ao desenvolvimento das mais variadas culturas agrícolas. A extração da madeira de pinho foi uma das principais atividades dos primeiros desbravadores, dada a abundância da espécie "araucaria angustifolia", nos primórdios da colonização.

A riqueza criada pela indústria da madeira e pela florescente agricultura propiciou um rápido desenvolvimento à nova comunidade e um incessante afluxo de colonos, industriais da madeira e comerciantes, que ensejaram o surgimento da Vila de Campinas do Sul, tendo ao seu redor um dos maiores celeiros da região.

A 29 de novembro de 1951, através da lei municipal nº 130, da municipalidade de Erechim, Campinas do Sul foi elevado à categoria de distrito - o 15º do município - e sua sede, à categoria de vila.

Em 1958, instalou-se a comissão pró-emancipação do município, integrada por Venâncio Hugo Della Latta, Arlindo Guarino Chiaradia, Olinto B. Battiston, Alberto Fossatti, José Eckert, Ulrich Hermann Hôschele e Mansueto Baccin, que, respaldada no pujante desenvolvimento do distrito e no firme apoio da coletividade de Campinense, viu seu trabalho coroado de êxito, com a sanção da Lei Estadual nº 3705, de 31 de janeiro de 1959, que veio dar autonomia administrativa ao novo município. A comuna foi oficialmente instalada a 31 de maio do mesmo ano.

Campinas do Sul é, hoje, graças à sua topografia e à fertilidade de seu solo, um dos municípios de maior produção agrícola da região, com destaque especial à cultura da soja, que, de dezembro a abril, cobre a quase totalidade do solo arável do município, chegando até a periferia urbana, num aceno de prosperidade e fartura, que se efetiva por ocasião da colheita.

Área territorial de 266,50 km2, Altitude de 690m acima do nível do mar, Clime Subtropical. Limita ao Norte com Cruzaltense, ao Sul com Jacutinga, ao Leste com Jacutinga e Ponte Preta, a Oeste com Ronda Alta. População 5.558 hab.

Principais eventos:

Integração de comunidades/religiosos, festas religiosas da paróquia, eventos tradicionalistas: rodeios regionais, rodeio interestadual, semana farroupilha e encontro de invernadas artisticas. Dia internacional da mulher, encontro de trilheiros, FENAMEX/EXPOCAMP (bi-anual), encontro de bailes da melhor idade, jantar italiano e encontro de corais.

Gentílico: campinense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Campina ex-povoado, pela lei municipal nº 130, de 29-11-1951, com território desmembrado do distrito de Quatro Irmãos, subordinado ao município de Erechim.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito permanece no município de Erechim

Elevado à categoria de município com a denominação de Campinas do Sul, pela lei estadual nº 3705, de 31-01-1959, desmembrado de Erechim. Sede no atual distrito de Campinas ex-povoado Campinas do Sul. Constituído de 2 distritos: Campinas do Sul e Jacutinga. Instalado em 31-05-1959.

Pela lei municipal nº 45, de 24-06-1960, é criado o distrito de Ponte Preta e anexado ao unicípio de campinas do Sul.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Campinas do Sul, Jacutinga e Ponte Preta.

Pela lei estadual nº 4734, de 01-06-1964, desmembra do município de Campinas do Sul os distritos de Jacutinga e Ponte Preta, para formar o novo município de Jacutinga.

Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído do distrito Sede.

Pela lei municipal nº 52, de 26-06-1979, é criado o distrito de Cruzaltense e anexado ao município de Campinas do Sul.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1983 (suplemento) o município é constituído de 2 distritos: Campinas do Sul e Cruzaltense.

Pela lei estadual nº 10745, de 16-04-1996, desmembra do município de Campinas do Sul o distrito de Cruzaltense. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 2001, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital

Campinas para Campinas do Sul alterado, pela lei estadual nº 3705, de 31-01-1959.

Fonte: IBGE e Prefeitura Municipal de Campinas do Sul

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 276,162: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 3: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 542: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 168: matrículas
Número de unidades locais: 289: unidades
Pessoal ocupado total: 1.257: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 30.635,49: reais
População residente : 5.506: pessoas
População residente - Homens: 2.650: pessoas
População residente - Mulheres: 2.856: pessoas
População residente alfabetizada: 4.964: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 1.368: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 5.002: pessoas
População residente, religião espírita: 2: pessoas
População residente, religião evangélicas: 478: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 3.871,02: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.186,64: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 765,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 558,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,760:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Campinas do Sul: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Campinas do Sul? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: