Início » Mato Grosso do Sul » Maracaju


Maracaju - Mato Grosso do Sul



Maracaju é um município do estado de Mato Grosso do Sul, na Região Centro-Oeste do Brasil. Graças à agropecuária, Maracaju acabou se desenvolvendo muito ao longo dos anos. Também foi importante ponto de passagem para a Estrada de Ferro Noroeste do Brasil], que vinha de São Paulo via Campo Grande. A cidade é conhecida pela sua tradicional Festa da Linguiça.

Com produto interno bruto de mais de 700 000 000 de reais, é o sexto município mais rico e o 11º município mais populoso do estado, com aproximadamente 40 000 habitantes.

"Maracaju" é um termo oriundo da língua tupi. Significa "água de maracá", através da junção de mbara′ká ("maracá") e ′y ("água, rio"). É uma referência à Serra de Maracaju.

História da cidade de Maracaju Mato Grosso do Sul - MS

A região de Maracaju foi inicialmente ocupada por Jesuítas espanhóis que tiveram suas reduções desmanteladas por ação dos bandeirantes paulistas, iniciada por Antônio Raposo Tavares. No primeiro lustro do século XVII, a região voltou a ser ocupada por Gabriel Francisco Lopes e seus irmãos Joaquim e José, que posteriormente recebeu a alcunha de Guia Lopes, procedentes da província de Minas Gerais. Logo depois Gabriel trouxe seu sogro Antônio Gonçalves Barbosa que veio acompanhado de seu irmão Inocêncio Barbosa e respectivas famílias. Novas levas de mineiros chegaram à região e, em 1860, fundaram dois núcleos: água Fria e Santa Gertrudes.

A invasão paraguaia determinou o abandono da região, retornando a maioria de seus moradores para Minas Gerais.

Em 1922, João Pedro Fernandes, radicado no local denominado São Bento, hoje Sidrolândia, transferiu sua farmácia para Santa Rosa, Município de Nioaque e à margem direita do Rio Brilhante. Em 1923, em consequência de um surto de malaria e atendendo apelo dos moradores, transferiu seu estabelecimento comercial para a região onde hoje se ergue a cidade de Maracaju.

Espírito empreendedor, João Pedro procurou instalar uma escola e, com o apoio dos moradores, organizou a "Sociedade Incentivadora da Instrução de Maracaju", instalado a 25 de dezembro de 1923.

Nestor Pires Barbosa, pecuarista na região, entregou por doação à Sociedade 204 hectares onde seriam construídas casas que servissem de abrigo para as crianças que frequentassem a escola. Mais tarde, foram adquiridos mais 415 hectares, situadas às margens do córrego Mont′Alvão, onde foi edificado um prédio confortável para o funcionamento da Escola.

O desenvolvimento constante do novo povoado levou o Governo do Estado a criar o Distrito de Maracaju, pela Resolução 912, de 08-08-1924.

A 25 de abril de 1944, a Estrada de Ferro Noroeste do Brasil inaugurou a estação ferroviária de Maracaju, o que muito contribuiu para o progresso do município.

Gentílico: maracajuano ou maracajuense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Maracaju, pela Resolução Estadual nº 912, de 08-07-1924, no Munícípio de Nioaque.

Elevado à categoria de Vila com a denominação de maracaju, pela Lei Estadual nº 987, de 07-07-1928, desmembrado de Nioaque. Sede na Povoação de Josinópolis Constituído do Distrito Sede. Instalado em 07-09-1928.

Elevado a categoria de Cidade pela Lei Estadual nº 1031, de 01-10-1929.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1993, o município é constituído do Distrito Sede.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído de 2 Distritos: Maracaju e Vista Alegre.

Pelo Decreto-Lei Federal nº 5839, de 21-09-1943, foi território Federal de Ponta Porã dividido em 7 municípios um dos quais, denominado Maracaju, compreendendo parte dos Município de Maracaju e Nioaque, Estado do Mato Grosso (diário oficial de 29-091943.

Pelo Decreto-Lei nº 545, de 31-12-1943, o têrmo de maracaju foi transferido, mas desfalcado de parte do seu território, que anexado ao Município de Aquidauana, para o território Federal de Ponta Porã.

No quadro estabelecido pelo Decreto-Lei Federal nº 6550, de 31-05-1944, ainda em vigor nos termos dos artigos 161 e 162 do Decreto-Lei nº 6887, de 21-09-1944, e retificado pelo Decreto-Lei Federal nº 9055, de 12-03-1946, o município é Constituído de 2 Distritos: Maracaju e Ervânia.

Por ato das disposições constitucionais transitórias, promulgado a 18-09-1946, foi extinto o território de Ponta Porã , sendo que pelo Decreto-Lei Estadual nº 1947, fica restaurada a antiga divisão administrativa e a Judiciária da área que constituia o extinto território, reincorporado ao Estado de Mato Grosso.

Em divisão territorial datada de 01-07-1960, o município é constituído de 2 Distritos: Maracaju e Vista Alegre (ex-Ervânia).

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-07-1999.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 5.299,184: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 13: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 5.976: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.343: matrículas
Número de unidades locais: 1.269: unidades
Pessoal ocupado total: 9.482: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 43.180,00: reais
População residente : 37.405: pessoas
População residente - Homens: 19.387: pessoas
População residente - Mulheres: 18.018: pessoas
População residente alfabetizada: 31.753: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 12.042: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 22.648: pessoas
População residente, religião espírita: 351: pessoas
População residente, religião evangélicas: 9.701: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 3.282,93: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.904,88: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 350,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 515,20: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,736:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística


Maracaju: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Maracaju? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: