Início » Minas Gerais » Sete Lagoas » Notícias


Últimas Notícias da cidade de Sete Lagoas - MG nas Redes Sociais

As Notícias são atualizadas em tempo real.

  • CIDADE DE SETE LAGOAS MG.

    Dandara Svarovisky
    CIDADE DE SETE LAGOAS MG.
  • Moises Amaro

    em 30/07/2014



    Moises Amaro compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.



  • Arlindo Klein compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.
  • dmtrius cotta

    em 04/12/2012 Via Google+


    TERRA MADRE EM SETE LAGOAS - MG
    TERRA MADRE EM SETE LAGOAS - MG. Posted just now by dmtrius cotta · GALERIA MYRALDA. Subscribe. Subscribe. RSS Feed. Add to Google Reader · View RSS Feed. Loading. Send feedback.
  • Manhã com neblina em Sete Lagoas - MG.
    Mist in the morning in Sete Lagoas - MG - Brazil.


  • ANdré Silva

    em 22/07/2014 Via Youtube
    VENDIDO FIAT STRADA WORKING 1.4 CD FLEX 2012/2013 P.A. AUTOMÓVEIS - SETE LAGOAS-MG

    VENDIDO. FIAT STRADA WORKING 1.4 CD FLEX 2012/2013 Curtiu? então não esquece de deixar o seu like (Joinha) para ajudar a dar uma força, e divulgar ainda mais...

  • Entrevista Gilberto Gil - Inverno Cultural 2014, Sete Lagoas-MG

  • Moises Amaro

    em 30/07/2014



    Moises Amaro compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.
  • Sete Lagoas - MG - Brasil

    Sete Lagoas - MG - Brasil
    mtf_hWdZA_102.jpg
  • Marcao Do PT

    em 30/07/2014



    Marcao Do PT compartilhou a foto de Toninho Kalunga.
    completamos uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje.
    Fotos da linha do tempo.



  • Marcelo Bowie Is compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.
  • João Luiz

    em 28/10/2013 Via Google+
    Rei do Mato cave in Sete Lagoas - MG, is a unique place, several speleothems, inscriptions, however the indifference of the authorities and the actions of the large volume of requests and the lack of education of visitors, caused damage to several cave.

    But the photo, to see a bit of what remains of Cave, and worth the visit.

    Rei do Mato cave in Sete Lagoas - MG, is a unique place, several speleothems, inscriptions, however the indifference of the authorities and the actions of the large volume of requests and the lack of education of visitors, caused damage to several cave. But the photo, to see a bit of what remains of Cave, and worth the visit.
    dsc00225.jpg



  • Natália Brito Machado compartilhou a foto de Açúcar com Arte.
    Olá boa noite a todos. Vejam que lindo este bolo de CASAMENTO que saiu no Atelier da Açúcar com Arte em SETE LAGOAS / MG pelas mãos da MICHELLE PEIXOTO. COMPARTILHE com seus amigos e visite nosso Facebook Ateliers em RJ, SP, MG, PE, PR, SC, RN, BA, AM, Lima e Itália
    Fotos da linha do tempo.
  • Teatro Mágico em Sete Lagoas-MG. 20/07/2014.

    Teatro Mágico em Sete Lagoas -MG. 20/07/2014.

  • O Teatro Mágico - Perdoando o Adeus -Sete lagoas - MG 20/07/14

  • OTM - Olhos do Palco - Sete Lagoas/MG

  • ANdré Silva

    em 22/07/2014 Via Youtube
    VENDIDO FIAT IDEA ELX 1.4 FLEX 2005/2006 P.A. AUTOMÓVEIS - SETE LAGOAS-MG

    VENDIDO. FIAT IDEA ELX 1.4 FLEX 2005/2006 Curtiu? então não esquece de deixar o seu like (Joinha) para ajudar a dar uma força, e divulgar ainda mais o canal....

  • voo Sérgio Leão Parapente Sete Lagoas MG

    voo Sérgio Leão Parapente Sete Lagoas MG.

  • Chico Lobo

    em 30/07/2014



    Chico Lobo compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.
  • INVESTIR EM SETE LAGOAS (mg)

    investir em sete lagoas (mg)
    A CIDADE DE SETE LAGOAS PASSA POR UMA FASE DE GRANDE CRESCIMENTO ECONÔMICO. LOCALIZADA EM UM PONTO ESTRATÉGICO DO ESTADO DE MINAS A CIDADE É A OITAVA ECONOMIA DO ESTADO E JÁ RECEBEU GRANDES EMPRESAS C...
  • Ivy Setti

    em 30/07/2014



    Ivy Setti compartilhou a foto de Doutor Rosinha.
    'Amanhã completa uma semana desde que foi revelado que o governo de Minas teria construído um aeroporto na fazenda do tio de Aécio Neves. Depois veio a público o fato de a construtora do aeroporto haver doado dinheiro para a campanha tucana, e de que o uso de dinheiro público em propriedades privadas não é exatamente novidade em MG. Além disso, veio à tona a história do aeroporto de Montezuma, onde o pai de Aécio tinha uma agropecuária. Mas de lá pra cá, ao invés de explicações, só surgiram mais dúvidas. O senador pouco aparece em público e não dá respostas a ninguém. Por isso muitas perguntas ainda pairam no ar. Vamos a elas: 1) Por que dos 14 aeroportos previstos pelo governo de Minas, apenas dois saíram do papel? O programa ProAero, lançado em 2003 pelo então governador Aécio Neves previa 14 novos aeroportos para Minas Gerais. Acontece que, daqueles, apenas dois saíram do papel: o Regional da Zona da Mata e, vejam só, o de Cláudio! Andrelândia, Barão de Cocais, Brumadinho, Buenópolis, Chapada Gaúcha, Itabira, Lagoa da Prata, Mantena, Monte Santo de Minas, Ouro Preto, Sete Lagoas e Volta Grande ainda estão no aguardo das obras, como afirmou reportagem da Folha de S.Paulo de hoje. Por que apenas dois saíram do papel e um deles é exatamente o de Cláudio, onde a família de Aécio tem fazenda? 2) Por que o aeroporto de Cláudio, concluído em 2010, ainda funciona irregularmente? Ainda que o aeroporto de Cláudio tenha tido as obras concluídas em 2010, ele não tem autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar com o público. A Anac afirmou que irá solicitar “informações sobre a suposta utilização irregular do aeródromo local, ainda não homologado pela Agência”. 3) Aécio usa o aeroporto de Cláudio? Quem mais? Opa, mas se o aeroporto não tem autorização para funcionar, como funciona? Isso não sabemos. Mas temos certeza de que ele funciona, como afirmou Múcio Tolentino, ex-prefeito de Cláudio e tio-avô de Aécio. “Aquilo sempre foi de uso público por mais de 50 anos”, disse ao Estadão, em matéria publicada hoje. Será mesmo que o “aeroporto era para todo mundo usar, até Aécio”? Quem tem avião particular no Brasil? Quem usa serviço de transporte aéreo fretado? Parece que esse pessoal precisa aprender como é que se faz para todo mundo usar um aeroporto. E Aécio, usa rotineiramente o aeroporto de Cláudio? Já o usou alguma vez? Está difícil conseguir que o candidato responda a essa pergunta. Ontem, quando indagado novamente sobre o assunto, Aécio respondeu: "De novo? Essa matéria já foi mais que esclarecida. Todo homem público tem que esclarecer quaisquer questionamentos. O que é importante é que os esclarecimentos possam chegar à opinião pública. O Estado de Minas não fez um, fez mais de 30 aeródromos". Depois, ainda disse: "há uma exploração política, e é natural que haja. Eu tenho a oferecer ao Brasil uma vida correta." 4) Por que o governo de Minas admite pagar 20 vezes mais pelo terreno de Cláudio? Em 2009, o governo de Minas ofereceu R$ 1 milhão em indenização pelo terreno de Cláudio. Mas o tio-avô de Aécio pediu mais, R$ 9 milhões, e a contenda corre na justiça. Entretanto, agora o estado cogita ser possível pagar R$ 20,5 milhões pelo terreno. O valor consta na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, como mostrou o R7 hoje. Na LDO de 2013 e 2014, o valor máximo era de R$ 3,4 milhões. A Justiça, por enquanto, suspendeu a decisão para fazer nova perícia. Se o pagamento for confirmado, os gastos com indenização chegariam a R$ 33,9 milhões, mais do que o valor da construção do aeródromo. 5) Por que não há registro do aeroporto de Montezuma junto à Anac? Sabe o aeroporto de Montezuma (cidade de apenas 7500 habitantes) cuja pista foi pavimentada na gestão de Aécio como governador, que fica onde a família do senador tem propriedades rurais, que fica na terra de uma agropecuária em que Aécio é sócio? Então, esse aeroporto não tem registro na Anac e por isso não pode ser usado pelo público. "Não há, junto à Anac, aeródromo cadastrado ou homologado em Montezuma. Também não há aeródromo no município em processo de homologação/cadastro junto à agência", informou a Anac, em nota divulgada pela Folha hoje. E aí, Aécio? Temos várias perguntas. Vamos conversar? --via Muda Mais #AeroNeves #AecioPorto
    Fotos da linha do tempo.
  • ANdré Silva

    em 24/07/2014 Via Youtube
    VENDIDO CELTA LIFE 1.0 FLEX 2008/2009 P.A. AUTOMÓVEIS - SETE LAGOAS-MG

    VENDIDO. CELTA LIFE 1.0 FLEX 2008/2009 Curtiu? então não esquece de deixar o seu like (Joinha) para ajudar a dar uma força, e divulgar ainda mais o canal. Muito obrigado!

  • VAGAS-Sine Sete Lagoas-MG oferece vagas de emprego.03-02http://www.gospelempregosoportunidades.com/2013/02/vagas-sine-sete-lagoas-mg-oferece-vagas.html
    VAGAS-Sine Sete Lagoas-MG oferece vagas de emprego.03-02 ACABADORA (auxiliar de costureira no acabamento): Alfabetizado, experiência na área. Atribuições: realizar o acabamento de bolsas femininas em...
  • Sete Lagoas-MG-Despedida do Ultimo Trem de Ferro
    Sete Lagoas-MG-Despedida do Ultimo Trem de Ferro.         A SAÍDA DO ULTIMO TREM DE FERRO DE SETE
    LAGOAS Porque deveria ser desta maneira , porque deveria ser assim e porque
    destruíram a historia de quem as criou com tanta coragem. Lá se vai o ultimo
    trem d...

    Sete Lagoas-MG-Despedida do Ultimo Trem de Ferro
    Sete Lagoas-MG-Despedida do Ultimo Trem de Ferro.        A SAÍDA DO ULTIMO TREM DE FERRO DE SETE LAGOAS Porque deveria ser desta maneira , porque deveria ser assim e porque destruíram a historia de quem as criou com ta...
  • TOP GOSPEL

    em 23/07/2014 Via Youtube
    Marcha Para Jesus 2014 Sete Lagoas-MG

    Cobertura exclusiva Portal Top Gospel www.topgospel.net.



  • Rádio Musirama FM 92,1 ao vivo e online Sete Lagoas MG
    Você está em : Home » ao vivo Brasil » MG » Sete Lagoas-MG » Rádio Musirama FM 92,1 ao vivo e online Sete Lagoas MG. Rádio Musirama FM 92,1 ao vivo e online Sete Lagoas MG. Postado por Diego Nunes às ...
  • Andre Felipe

    em 20/07/2014 Via Youtube
    Lançamento do CD edson silva nao desista sete lagoas mg

    Lançamento do cd edson silva nao desista.


AVISO: O conteúdo de cada postagem é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Previsão do tempo na Região


Participe e comente sobre a cidade de Sete Lagoas


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)