Início » Minas Gerais » Itamarandiba


Itamarandiba - Minas Gerais



Itamarandiba faz parte do estado de Minas Gerais. Possui área de 2.736km² representando 0,4665% do Estado, O,296% da Região Sudeste e 0,0322% de todo território nacional. A cidade, em franco desenvolvimento, tem sede nas coordenadas Latitude:-17º 51′ 26" e Longitude:42º 51′ 32" e sua população é de cerca de 33 mil habitantes. O município que possui extensa e diversificada base territorial situa-se no Alto Vale do Jequitinhonha, sendo um dos principais municípios dessa região. O município estende-se sobre os dominios do bioma Mata Atlântica - a leste - e Cerrado. O relevo é marcado pelas grandes chapadas e pela Serra do Espinhaço - Reserva da Biosfera-UNESCO.

A origem do município remonta ao século XVII, com a empresa do bandeiranteFernão Dias, o " Governador das Esmeraldas" que na região aportou ainda no século XVII, no processo de expansão da América Portuguesa. Inicialmente conhecida como São João Batista, Itamarandiba foi elevada a distrito em 1840, emancipando-se, finalmente em 1862. No município ainda há inscrições pré-históricas situadas no Sítio Arqueológico de Campos das Flores, no distrito de Penha de França. A etimologia da palavra é de origem indigena e significa " pedra miuda que rola juntamente com as outras".

Na década de 1970, a partir de 1974, instalou-se no município de Itamarandiba a atual Aperam Bio Energia ex-Acesita Energética, que passou a iniciar o cultivo de eucalipto no município; logo depois a empresa estendeu suas atividades à áreas de outros municípios da região. Hoje Itamarandiba é um dos pólos de silvicultura no país. De acordo, com a Secretaria de Estado da Agricultura - Instituto Mineiro de Agropecuária-IMA, o município é um dos principais produtores de mudas de eucalipto do estado, com produção superior a 30 milhões de muda/ano. Já o IBGE aponta a elevada produção de carvão vegetal em Itamarandiba, o que o coloca entre os principais municípios brasileiros na produção deste subproduto. Além da eucaliptocultura, a agricultura familiar possui papel fundamental ao desenvolvimento do município. Assim a agropecuária, agricultura familiar, a silvicultura, o comércio e a prestação de serviços formam a base de sua economia.

História da cidade de ITAMARANDIBA

Indígenas, provavelmente bororos, foram os primitivos habitantes do atual Município de Itamarandiba, restando de sua presença apenas machados e cachimbos de pedra.

Controvertida é a origem da fundação da cidade, atribuída, segundo uns, a Fernão Dias Pais Leme e consolidada por paulistas e, segundo outros, nascida da necessidade de comunicação entre os habitantes da vila do Fanado, atual Minas Novas, com os de outras vilas. Acredita-se que, atraídos pela riqueza e fertilidade das terras, pioneiros aí se tenham fixado, dando origem ao povoado de São João Batista, favorecido por diversos cursos de água.

O núcleo estabeleceu na agricultura as bases da sua economia, dando início, mais tarde, a pequena atividade industrial, com o fabrico de tecidos e até botões feitos de madeira, casca de coité e caramujo, e cobertos de linha. Em 1780, já o ferro era fundido para produção de enxadas, machados, foices, pregos e cravos. As novas casas foram edificadas com alicerces de pedras e paredes de adobe ou tijolo. Construíram-se o grupo escolar e a cadeia pública. Em 1923, São João Batista recebeu o topônimo de Itamarandiba, vocábulo de origem indígena, derivado (segundo Saint-Hilaire) de ita-pedra, mirim-pequena e ndibá que se move juntamente com outras.

Formação Administrativa

O distrito foi criado pela Lei provincial nº 184, de 3 de abril de 1840; e o Município, com a denominação de São João Batista e território desmembrado do de Minas Novas, pela Lei provincial nº 1 136, de 24 de setembro de 1862, ocorrendo a instalação a 29 de março de 1865. A Lei estadual n° 1 780, de 21 de setembro de 1877, concedeu foros de cidade à vila de São João Batista, sendo a criação do distrito-sede do Município desse nome confirmada pela Lei estadual n° 2, de 14 de setembro de 1891. A Lei estadual n° 843, de 7 de setembro de 1923, mudou-lhe a designação e de seu distrito-sede para Itamarandiba. é composto de 5 distritos: Itamarandiba (sede), Aricanduva, Carbonita, Padre João Afonso. e Penha de França. é comarca desde 2 de julho de 1876, por força da Lei n° 2 209.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 2.735,573: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 26: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 5.558: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.545: matrículas
Número de unidades locais: 791: unidades
Pessoal ocupado total: 4.436: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 12.333,10: reais
População residente : 32.175: pessoas
População residente - Homens: 16.144: pessoas
População residente - Mulheres: 16.031: pessoas
População residente alfabetizada: 24.268: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 10.862: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 25.334: pessoas
População residente, religião espírita: 157: pessoas
População residente, religião evangélicas: 5.484: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 909,31: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.536,59: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 197,43: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 333,33: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,646:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Itamarandiba: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Itamarandiba? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: