Início » São Paulo » Iguape


Iguape - São Paulo



Iguape faz parte do estado de São Paulo. Encontra-se no sul do estado, no Vale do Ribeira, a uma latitude 24º42′29" sul e a uma longitude 47º33′19" oeste, estando a uma altitude de três metros. A população avaliada em 2004 era de 28 367 habitantes. Com cerca de 1 980 quilômetros quadrados, é o município com a maior área do estado de São Paulo.

A palavra "iguape" tem origem na antiga língua tupi e significa "na enseada", através da junção dos termos y ("água"), kûá ("enseada") e pe ("em").

Seu centro histórico é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional como patrimônio nacional desde 2009.

História da cidade de IGUAPé SãO PAULO

Situada em região litorânea, ponto de passagem de Portugueses, Castelhanos e Franceses nos primórdios do século XVI, praticamente no sul das terras delimitadas pelo meridiano de Tordesilha, tornouse reduto de aventureiros e exploradores em busca em busca de riquezas.

O primeiro núcleo Iguapénse estabeleceu-se por volta de 1537, ao pé do Outeiro do Bacharel, no estuário do rio que deu origem ao seu nome, da língua tupi " ygya-pe ".

Consta que na época encontrava-se na região, Rui Garcia de Mosqueara e outros Castelhanos refugiados, formando um pequeno povoado.

O núcleo desenvolveu em função da descoberta do ouro de lavagem na região dos afluentes do Ribeira do Iguapé. Em meados do século XVII, para ali afluíram inúmeros aventureiros, tornando-se local de convergência destes e das riquezas por eles exploradas.

No início do século XVIII a maior parte das atividades mineradoras declinou e, em fins de 1700, o esmorecimento da exploração do ouro levou inclusive ao fechamento da oficina de fundição existente.

Com o aumento da produção de arroz, Iguapé ressurgiu, no século XIX, com participação direta na economia regional. O Porto do Mar Pequeno passou a ser o único meio de escoamento do produto vindo das regiões ribeirinhas para ser explorado.

A riqueza obtida com a exportação do arroz reverteu para a cidade, em construção de residências de grandes porte, engenhos, jornais, companhias de teatros, uma nova igreja Matriz, e outros melhoramentos.

GENTíLICO: IGUAPéNSE

FORMAçãO ADMINISTRATIVA

Freguesia criada com a denominação de Nossa Senhora das Neves de Iguapé em 1635.

Vila criada anteriormente a 1638, com a denominação de Nossa Senhora das Neves de Iguapé.

Cidade com a denominação de Bom Jesus da Ribeira, por Lei Provincial nº 17, de 3 de abril de 1849.

Foi restabelecida a denominação de Iguapé ou tomou a denominação de Bom Jesus de Iguapé, por Lei Provincial nº 3, de 3 de maio de 1850.

Obs.: O Diploma Legal que altera a denominação anterior para atual não encontrada.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o Município de Iguapé se compõe de 4 Distritos: Iguapé, Juquiá, Jacupiringa e Prainha.

Lei Estadual no 2253, de 29 de dezembro de 1927, desmembra do Município de Iguapé o Distrito de Jacupiranga.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Município de Iguapé permanece com 4 Distritos: Iguapé, Alecrim, Juquiá, e Prainha.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o Município de Iguapé compreende o único termo judiciário da comarca de Iguapé, sendo que em 1936, o Município de Iguapé se compõe de 5 Distritos: os mesmo citados em 1933, e mais o de Registro, e em 1937, o Município se compõe de 5 Distritos: os mesmo de 1936 e mais o de Pedro de Toledo (Ex-Alecrim).

No quadro anexo ao Decreto-lei nº 9073, de 31 de março de 1938, o Município de Iguapé compreende

o único termo judiciário da comarca de Iguapé e se divide em 5 Distritos: Iguapé, Juquiá, Pedro de Toledo, Prainha e Registro. Pelo Decreto Estadual nº 9775, de 30 de novembro de 1938, o Município de Iguapé perdeu os Distritos de Prainha, Juquiá e Pedro Toledo para o novo Município de Prainha. Em 1939-1943, o Município de Iguapé é composto dos Distritos de Iguapé e Registro e é termo único da comarca de Iguapé, termo este formado por 3 Municípios: Iguapé, Jacupiranga e Prainha. Decreto-Lei no 14334, de 30 de novembro de 1944, desmembra do Município de Iguapé o Distrito de Registro.

Em virtude do Decreto-lei Estadual nº 14334, de 30-XI-1944, que fixou o quadro territorial para vigorar em 1945-48, o Município de Iguapé ficou composto de 1 único Distrito, Iguapé e constitui o único termo judiciário da comarca de Iguapé formada pelos Municípios de Iguapé, Jacupiranga e Registro.

Permanece composto apenas de 1 Distrito, Iguapé, comarca de Iguapé, nos quadros territoriais fixados pelas Leis Estaduais nos 233, de 24-XII-1948 e 2456, de 30-XII-1953 para vigorar, respectivamente, nos períodos 1949-1953 e 1954-1958.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do Distrito Sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 1.977,957: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 11: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 4.178: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.336: matrículas
Número de unidades locais: 558: unidades
Pessoal ocupado total: 3.123: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 55.557,51: reais
População residente : 28.841: pessoas
População residente - Homens: 14.462: pessoas
População residente - Mulheres: 14.379: pessoas
População residente alfabetizada: 24.518: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 8.485: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 15.208: pessoas
População residente, religião espírita: 538: pessoas
População residente, religião evangélicas: 8.744: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.006,86: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.011,29: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 255,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 442,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,726:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Iguape: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Iguape? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: