Início » Santa Catarina » São João do Sul


São João do Sul - Santa Catarina



São João do Sul é uma cidade do Estado de Santa Catarina. Encontra-se a uma latitude 29º13′24" sul e a uma longitude 49º56′18" oeste, estando a uma altitude de 15 metros. A população avaliada em 2010 era de 7 002 habitantes.

Possui uma área de 182,70km².

História da cidade de São João do Sul Santa Catarina - SC

O território do Município constitui-se por extensão sesmarias entre elas, a sesmaria Rodrigues, comprada por Manoel Rodrigues e Luciano Rodrigues da Silva.

No século XIX, iniciou-se a ocupação e colonização do território com os alemães natos. João Evalt que veio para o Município em 1856 e Jacó May (hoje Maia) em 1860, localizando-se na comunidade de Passo Magnus, pertencente a São João do Sul procedentes da Colônia de Dom Pedro de Alcântara do Município de Torres Rio Grande do Sul. Em seguida veio Caetano Lummertz e em 1888 veio Antonio Miguel Magnus.

Em 1860, existia na atual sede do Município, um pequeno povoado denominado Passo do Sertão, nome dado devido passagem de rio, que havia junto à atual ponte sobre o Rio Passo do Sertão, sendo que no inicio a passagem era dada por canoa, depois por balsa, caminho este que mergulhava num intermito sertão.

Em 1870, os imigrantes açorianos, provenientes da Ilha dos Açores, aqui chegaram trazendo sua própria cultura que teve influencias significativas para o aspecto cultural do território.

A colonização efetiva surgiu quase 20 anos após (1900) com a instalação das famílias Emerichi, Borba, Lummertz e Abel, descendentes de Alemães e portugueses. Foram esses imigrantes que diversificaram a cultura da região e iniciaram o desenvolvimento da agricultura.

Em 1891, devido ao seu progresso em 55 edifícios residenciais. Passo do Sertão, por decreto do Governo Provisório nº 45 de 03 de fevereiro de 1891 foi elevada a categoria de sede do distrito de Passo do Sertão instituindo-se 2º distrito do Município de Araranguá.

O Decreto Lei Estadual nº 86, de 31 de março de 1938, elevou o distrito de Passo do Sertão a categoria de Vila Passo do Sertão.

Em 20 de dezembro de 1961, o distrito elevou-se à situação de Município através da Lei nº 801, com denominação de São João do Sul.

2 FUNDAçãO DO MUNICIPIO

FUNDAçãO DO MUNICIPIO - Aproximadamente no ano de 1960.

ORIGEM DO NOME São João do Sul recebeu este nome em homenagem ao seu Santo Padroeiro São João Batista.

FUNDADORES Não se sabe ao certo, sabe-se porém que em 1896, moravam em Passo do Sertão, João Dutra, Antônio Emerichi e José Elibio.

EMANCIPAçãO POLITICA Em 20 de dezembro de 1961.

DISTRITOS Vila Conceição.

3 COLONIZAçãO DE ORIGEM NA FORMAçãO DA VIDA DO MUNICIPIO DE SãO JOãO DO SUL

São João do Sul tornou-se Município em 20 de dezembro de 1961, antigamente era chamado de Passo do Sertão, sua historia esta interligada diretamente a Araranguá, pois nos seus primórdios pertencia a este município como segundo distrito.

Os indígenas foram os primeiros habitantes de São João do Sul, que de forma discreta, contribuíram para o povoamento da região. Os alemães para aqui vieram em 1826, os descendentes açorianos em 1870 e os italianos já no século XX. O município é composto hoje por uma população miscigenada, dada à mistura entre os grupos étnicos formadores e outros da população em geral.

3.1 OS INDIGENAS

Segundo (1948), a população indígena no ano de 1900, ainda pisava grandes faixas de terras nesta região. Selvicolas apareciam frequentemente, assuntando o civilizado. No interminável túnel verde, cercado de densa mata virgem, ligando Passo do Sertão até Santa Rosa do Sul (antiga Santa Rosa) passando por Nova Fátima (antigo Alegrete) era frequente o encontro do homem civilizado com o bugre. O povo costumava denominar a esses indígenas com este nome bugre, vocábulo proveniente da língua francesa alguns índios, a imitação do branco, fixaram residências em ranchos, continuando, porem seus costumes semi-selvagens. São assim chamados caboclos. Enquanto grande parte de índios recuou para as terras inacessíveis da Serra Geral, outra se mesclou elemento luso, que povoou toda zona do vale do Rio Mampituba e região, estando ai incluído São João do Sul.

3.2 COLONIZAçãO ALEMã

Segundo Reitz (1948), a comunidade de Glória, conhecida atualmente como Glorinha, situada a leste das margens do Rio Mampituba (Município de São João do Sul) é uma das localidades mais antigas tendo seus primeiros moradores por volta do 1826, quando alguns imigrantes alemães vieram estabelecer-se na Vila de Torres no Rio Grande do Sul e acabaram, fixando-se em Glória, nome este posto pelos próprios imigrantes devido a uma grande enchente no Rio Mampituba, ocorrida por volta de 15 de Agosto do mesmo ano, época da festa de Nossa Srª da Gloria. A comunidade de Glorinha, (pertencente ao município de São João do Sul) teve inicio em 1826 e seus fundadores foram alemães família Schaeffer (hoje Scheffer).

Os próximos alemães a se instalarem em nosso município foram João Evalt que veio em 1856 e Jacó May (hoje Maia) em 1860, ambos alemães natos que se localizaram na comunidade de Passo Magnus, em São João do Sul, procedentes da Colônia Dom Pedro de Alcântara, do município de Torres Rio Grande do Sul. Em seguida veio o Alemão Caetano Lummertz e em 1888 veio o alemão Antônio Miguel Magnus. Ainda hoje e bastante expressivo o sobrenome Magnus na comunidade de Passo Magnus município de São João do Sul.

3.3 AçORIANOS EM SãO JOãO DO SUL

Os imigrantes açorianos, provenientes da Ilha dos Açores chegaram em nosso município em 1870, trazendo sua própria cultura que influenciou significativamente o aspecto cultural em nossa em especial a de São João do sul.

Os descendentes provenientes da Ilha dos Açores, instalaram-se em quase todas as comunidades de nosso município. Seria o caso por exemplo dos Martins, Rocha, Cardoso, Rodrigues, Aguiar, Borba, Mendonça, Luz, Reis, Homem e outras famílias de moradores rurais de São João do Sul.

3.4 ITALIANOS EM SãO JOãO DO SUL

A colonização Italiana de São João do Sul, é posterior a alemã e representa um contingente significativo em nosso município.

Os italianos que primeiro se fixaram em São João do Sul mais precisamente na comunidade de Timbopeba, foram as famílias Scandolara, Piazza e Bianchini, todos procedentes de Meleiro e Cocal do Sul, descendentes de famílias oriundas da localidade de nova Belluno da Itália. Aqui chegando, já no século XX, encontraram tudo desmatado e povoado pois em 1860 já havia moradores em Timbopeba. Em todo Sul de Araranguá, Timbopeba foi a pioneira do comércio com a Serra, pois era o interposto comercial entre a serra e o Sul de Araranguá. Forte movimento de tropas da serra rumaram para a localidade. Ai deixavam os produtos serranos do Rio Grande do Sul e levavam os de baixo como açúcar, aguardente, banana, etc...

3.5 CONCLUSãO

A colonização efetiva surgiu no ano de 1900 com a instalação das famílias Emerich, Lummertz, Borba e Abel, descendentes de alemães e portugueses.

Importante salientar que todos esses imigrantes alemães, italianos, açorianos que aqui se instalaram no Extremo Sul Catarinense não formaram colônias isoladas, mais sim, mesclaram com a população em geral e acabaram por criar novas comunidades no município de São João do Sul.

Temos, atualmente no município uma mescla te etnias, pois os três grandes grupos étnicos que para cá vieram acabaram por se misturar.

Seus descendentes fundaram outras comunidades, sendo que em nenhuma delas, encontramos somente uma determinada etnia. Pode haver predominância de uma mas isto exclui a existência de outras.

4 ANIVERSáRIO DO MUNICIPIO

ANIVERSARIO DO MUNICIPIO 20 de dezembro.

4.1 FESTAS RELIGIOSAS

A principal festa religiosa e a Festa de São João, em homenagem ao padroeiro São João Batista e acontece todos os anos no mês de junho. A festa e promovida pela Paróquia São João Batista, sendo sempre abrilhantada por banda musical, danças folclóricas, bailes e a tradicional fogueira de São João. A parte religiosa da festa novena, missas e procissão atraindo sempre um numero bastante elevado de pessoas provenientes de todas as comunidades do município, municípios da região, e também dos municípios da fronteira do estado do Rio Grande do Sul, sendo que a fogueira de São João e acesa ao lado da Igreja Matriz na noite de São João recebendo a benção do padre e a participação de grande numero de fieis.

5 POSIçãO GEOGRAFICA

São João do Sul e uma unidade territorial intercalada no ESTADO DE SANTA CATARINA, que se acha localizada no Hemisfério Ocidental do Trópico de Capricórnio e inserida na Zona Temperada do Sul do Pais.

6 LOCALIZAçãO DO MUNICIPIO

O território de São João do Sul insere-se no contexto da microrregião econômica do estremo de Santa Catarina e pertence a zona fisiográfica denominada Litoral Sul Catarinense.

A sede do município esta localizada no Leste do Município.

E composta de 19 comunidades que são:

- São João do Sul (sede);

- Vila Santa Catarina;

- Campestre;

- Beira Rio;

- Forquilhinha;

- Glorinha;

- Vila São José;

- Passo Magnus;

- Poço Negro;

- Nova Fátima;

- Rio Verde;

- Sertão do Piritu;

- Sociedade;

- Timbopeba;

- Três Coqueiros;

- Vila Conceição;

- Querência;

- Sanga Danta;

- Cipriano Alves.

O município de São João do Sul esta sob jurisdição da Comarca de Santa Rosa do Sul.

7- LIMITES DO MUNICIPIO

Os limites de São João do Sul são:

AO NORTE com os municípios de Santa Rosa do Sul e Jacinto Machado.

AO SUL com o estado do Rio Grande do Sul.

AO LESTE com o Município de Passo de Torres.

AO OESTE com o Município de Praia Grande.

8 ATRAçõES TURISTICAS

São João do Sul conta com ricos potenciais para o desenvolvimento turístico, entre eles:

Rios de Beleza Natural São apropriados para balneários agradáveis;

Águas Termais Salgada Com 23 graus de sais minerais por litro e temperatura entre 38 e 40 graus Celsius, localizadas no KM 453 da BR 101 na Comunidade de Três Coqueiro, as águas Termais Salgada de São João do Sul são excelentes para a pratica do turismo da saúde. Segundo estudos da composição química da água, ela esta no mesmo novel das estações termais internacionais de Baden (na Alemanha) La Toja (Espanha), Salsomagnegiore e Montecaitine (ambas na Itália), São João do Sul e conhecido como a única estação de águas termais salgadas do Brasil.

Lagoa de Sombrio Quem passa pela Rodovia BR 101, no município de São João do Sul, tem oportunidade de admirar a Lagoa de Sombrio, um quadro de rara beleza oferecido pela natureza.

Parque Municipal de Exposições e Eventos com área de 100.000 m. apresenta bosque de plantas nativas área para camping espaço para eventos e toda infra-estrutura necessária para acomodar o publico visitante.

9 ASPECTOS GERAIS

POPULAçãO RECENSEADA EM 2007

6.916

FONTE: http://www.ibge.gov.br/cidadesat/default.php

nº DE ELEITORES EM 01.12.2005

4.767

FONTE: http://www.tre-sc.gov.br/eleicoes/estat_offline/PerfilEleitor/MunicSituacao/PerfilMunicSituacao011205.htm

Altitude 15 m acima do nível do mar;

Superfície 182,70 Km;

Densidade Demográfica 38,73 Km

Latitude 29º 13 24;

Umidade Relativa do Ar 82%

índice Pluviométrico A precipitação é de 1.135 mm, normalmente bem distribuída durante o ano;

Temperatura Media Anual 19º C;

Clima Mesotermico úmido;

Tipo de Relevo Relevo suave ondulado, onde os declives não são superiores a 2%. A altitude de ocorrência e de 20 metros;

Tipos de Solo (Solo Araranguá) areias quartzosas distróficas;

Solo Orgânico;

(Solo Jacinto Machado) cambisol entrófico;

(Solo Jundiaí) Cley bumico distrófico;

Rios que atravessam o Município Rio Sertão, Rio Canoas, Rio Mampituba e Rio Verde;

Coordenadas Geográficas 29º 13 24 de latitude Sul e os meredianos de 49º

56 18 de Longitude Oeste (GR)

Região Administrativa AMESC Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense.

Principais Produtos Agrícolas Arroz, fumo, mandioca, feijão, abacaxi, maracujá, e ainda e o maior produtor de morango e abacaxi do Estado de Santa Catarina, sendo também o município com agricultura mais diversificada do Vale do Rio Ararangua;

Principais Produtos Pecuários Bovinos, suínos e aves;

Principais Produtos Industriais Polvilho azedo de mandioca;

Extrativismo Extração de areia e pedra de arenito;

Hidrografia Os rios que drenam o território de São João do Sul desembocam na vertente do Atlântico que ocorre para leste em direção ao Oceano Atlântico. As terras do Município são banhadas por uma gama enorme de rios, lagos e sangas, merecendo destaque os seguintes:

Rio Mampituba;

Rio Verde;

Rio Sertão;

Rio Canoas;

Lagoa de Sombrio.

Energia Elétrica Fornecida pele CEPRAG Cooperativa de Eletrificação de Praia Grande;

Distância da Capital 264 Km;

Economia baseada principalmente em sua Agricultura.

10 SITUAçãO POLITICO ADMINISTRATIVO

Das 20 microrregiões em que esta dividido o Estado de Santa Catarina, a AMESC Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense congrega 15 município que são:

Araranguá;

Jacinto Machado;

Maracajá;

Meleiro;

Morro Grande;

Passo de Torres;

Praia Grande;

Santa Rosa do Sul;

São João do Sul;

Timbé do Sul;

Sombrio;

Turvo;

Ermo;

Bal. Arroio do Silva;

Bal. Gaivota;

11 PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL

EX PRESIDENTES DA CAMARA MUNICIPAL DE VEREADORES

NOME

PERIODO

Francisco J. Emerim

01.02.63 a 31.01.67

Zeferino J. Pereira

01.02.67 a 31.01.71

Albino Cechela

01.02.71 a 31.01.73

José Cardoso

01.02.79 a 31.01.81

José Nickele Serafim

01.02.73 a 31.01.75

01.02.77 a 31.01.79

01.02.81 a 31.01.83

Pedro de Matos Pereira

01.02.83 a 31.01.85

Olimpio Francisco Emerim

01.02.85 a 31.12.87

01.01.89 a 31.12.90

Antonio José de Almeida

01.02.87 a 31.01.89

Silvio Martins Colares

01.01.91 a 31.12.92

Paulo Cardoso Constante

1993 a 1994

Rogério Roque Duminelli

1995 a 1996

José Nivaldo de Souza

1997 a 2000

Edevaldo Sala Scheffer

2001 a 2002

José Carlos Alves

2003

Sandro Bendo de Lima

2004

CoMARA MUNICIPAL DE VEREADORES

LEGISLATURA 2005-2008

VEREADORES

PARTIDO

Paulo Selau Chaves

PT

Lindomar Maciel Cardoso

PP

Edson Pereira Trajano

PP

Moacir Cardoso Crescencio

PSDB

Edevaldo Salla Scheffer

PMDB

Orli Scheffer de Matos

PMDB

Noeni Francelino Pereira

PMDB

Osmar Cechinel da Silva

PMDB

Antonio Juares Cardoso

PMDB

ATUAL PRESIDENTE DA CAMARA MUNICIPAL DE VEREADORES 2005-2006.

Nome: Evevaldo Salla Scheffer.

PODER EXECUTIVO MUNICIPAL

EX-PREFEITOS

NOME

PERIODO

Aldo Brito

1961-1962

Learcino Joaquim Maciel

1963-1968

Osvaldo Borges Grundler

1969-1971

Antonio Scandolara

1971-1972

Quintilhano João Pacheco

1973-1976

Manoel Camilo Filho

1977-1982

Renato Porto Santos

1983-1988

Valmor Pereira de Souza

1989-1992

Antonio Oliveira Cardoso

1993-1996

Rogério Roque Dumineli

1997-2000

Antonio Oliveira Cardoso

2001-2004

PREFEITO E VICE ATUAL ADM 2005-2008

PREFEITO: Alex Sandro Pereira Bianchin Partido dos Trabalhadores PT

VICE- PREFEITO: Erivaldo Maciel Pereira Partido Progressista PP

Fonte: IBGE

Autor do Histórico: AMILTON MARINHO MACHADO

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 183,358: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 6: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 913: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 270: matrículas
Número de unidades locais: 256: unidades
Pessoal ocupado total: 1.304: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 18.041,27: reais
População residente : 7.002: pessoas
População residente - Homens: 3.530: pessoas
População residente - Mulheres: 3.472: pessoas
População residente alfabetizada: 6.042: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 1.819: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 6.111: pessoas
População residente, religião espírita: 18: pessoas
População residente, religião evangélicas: 725: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.532,34: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.193,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 477,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 542,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,695:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

São João do Sul: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de São João do Sul? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: