Início » Paraná » Porecatu


Porecatu - Paraná



Porecatu faz parte do estado do Paraná localizado as margens do Rio Paranapanema. Sua economia é essencialmente baseada na agricultura tendo a cana-de-açúcar como destaque.

No início do processo colonizatório brasileiro, o norte paranaense não atraia a atenção dos colonizadores portugueses, mais interessados na busca de metais preciosos e na extração de madeira nobre. Em fases posteriores, o trabalho com a erva-mate passou a ser importante atividade econômica para a então província do Paraná, mas tal atividade concentrou-se no sul e litoral, não contribuindo para a colonização das outras regiões.

O norte paranaense só passou a atrair a atenção de colonizadores no final do século XIX, quando o chamado Norte Pioneiro, a nordeste do estado, passou a ser colonizado por agricultores vindos dos estados de São Paulo e Minas Gerais, interessados em criar fazendas de café. Até este momento, a menos de algumas diligências de jesuítas catequizadores e exploradores ocasionais, o norte do Paraná era apenas habitada por índios.

História da cidade de PORECATU

Foi fundado em 1.941, por Ricardo Lunardelli e seus filhos João e Urbano.

Ricardo Lunardelli, proprietário de uma vasta gleba de terras, dividiu-as em lotes e as vendeu, facilitando assim, a sua aquisição por parte de grande número de colonos promovendo o povoamento da região, fundando assim a Usina Central Paraná, Agricultura, Indústria e Comércio, o maior complexo industrial sucroalcooleiro do Paraná, criando milhares de empregos, consolidando o desenvolvimento e progresso da região norte do Paraná.

A primeira denominação dada pelos Lunardelli a este povoado foi Brasília. Pela lei Estadual n°. 199 de 30 de Dezembro de 1.943 passou a ser Distrito Judiciário Comarca de Sertanópolis e passou a denominar-se Porecatu, que em Tupi-Guarani significa Cachoeira Bonita, originado do Salto Capivara do Rio Paranapanema.

Em 1.947 foi elevado à categoria de Município pela Lei n°. 02 de 10 de Outubro de 1.947, sendo desmembrado de Sertanópolis e instalado no dia 05 de Novembro de 1.947.

Pela Lei n°. 23 de 14 de Janeiro de 1.948, foi criada a Comarca de Porecatu, e instalada no dia 27 de Janeiro de 1.949, sendo o primeiro Juiz de Direito o Doutor Octávio Bezerra Valente. O primeiro Prefeito de Porecatu foi o Senhor José Patrocínio Silva, sendo o mesmo indicado e nomeado pelo então Governador do Estado, Moisés Lupion.

O primeiro Prefeito eleito pelo povo foi o Doutor ongelo Ninno (1.947 1.951).

Gentílico: porecatuenses.

FORMAçãO ADMINISTRATIVA

O Distrito Judiciário foi criado com a determinação de Porecatu pela Lei n°. 199 de 30 de Dezembro de 1.943.

Pela Lei n°. 2 de 10 de Outubro de 1.947, foi elevado à categoria de Município, sendo desmembrado de Sertanópolis e constituído de 2 Distritos: Porecatu e Alvorada do Sul.

Lei Estadual n°. 790 de 14 de Novembro de 1.951, criou os Municípios de Alvorada do Sul e Florestópolis, reduzindo Porecatu ao Distrito-sede.

Em 14 de Janeiro de 1.948, foi criada a Comarca de Porecatu, pela lei n°. 23.

Fonte: IBGE E PREFEITURA MUNICIPAL.

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 291,663: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 6: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 1.625: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 733: matrículas
Número de unidades locais: 449: unidades
Pessoal ocupado total: 3.422: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 30.834,65: reais
População residente : 14.189: pessoas
População residente - Homens: 7.036: pessoas
População residente - Mulheres: 7.153: pessoas
População residente alfabetizada: 12.212: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 4.013: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 9.852: pessoas
População residente, religião espírita: 103: pessoas
População residente, religião evangélicas: 3.070: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.498,61: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 2.439,77: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 388,75: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 615,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,738:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística


Porecatu: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Porecatu? Então deixe seu comentário!


Comentários (1)

  1. Anônimo's avatarAnônimo

    A verdadeira história de Porecatu ninguém tem coragem de contar. Por que será??? Porque foi derramado muito sangue de inocentes aqui, para se conquistar terras. E, muitos dos ricos da cidade se beneficiaram de forma direta ou indireta desse massacre que a justiça fez e faz vistas grossas.

    #1 – 15/09/2016 - 16:16

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: