Início » Paraíba » São João do Cariri


São João do Cariri - Paraíba



São João do Cariri é um antigo município da Paraíba, localizada na região do semi-árido. Cidade da região da Borborema, microrregião Cariri Oriental. Fundada em 1669,como povoação, e estabelecida como Vila Real, do então reino de Portugal, em 1800, está a 458m de altitude, 216,0Km distante de João Pessoa e em 2007 o IBGE estimou sua população em 4.438 habitantes. Sua área territorial é de 702Km². É considerado a civilização-mãe de todos os municípios da Paraíba Central, já que foi o primeiro núcleo civilizacional de tal região e deu origem territorial aos demais posteriores que dele se desmembraram. Dentre as suas filhas civilizacionais que mais prosperaram estão Monteiro (capital simbólica e maior civilização do Cariri Sul - Ocidental) e Campina Grande (capital simbólica do interior).

A região territorial de São João do Cariri já chegou a atingir mais de 1/3 do atual Estado da Paraíba, pois, além do sertão e do Cariri, pertencia-lhe Campina Grande e as suas atuais microrregiões do Agreste da Borborema. O território do município era habitado pela família nativa Cariri até meados do século XVII, quando os seus desbravadores aqui chegaram e se juntaram aos primitivos Cariris e formaram uma aldeia, a qual deram o nome de Travessia.

Em 1669 com a doação de uma sesmaria por Alferes José Alves Martins, teve origem o sítio São João. Em 1750 foi criada a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres, com sede em um templo construído pelos Jesuítas. Em 1776 foi elevada a categoria de Julgado. Em 1798 foi elevada a categoria de Vila, sob a denominação de Vila de São Pedro no dia 5 de maio de 1803, cujo foi oficialmente instalada a Vila Real de São João do Cariri. Em 1854 foi elevada a categoria de Comarca.

História da cidade de São João do Cariri Paraíba - PB

Até os meados do século XVII, o território era ocupado pela grande família dos índios Cariris, a qual deu origem ao nome de toda região fisiográfica. Ainda no mesmo século, o alferes Custódio Alves Martis, morador da Capitania de Pernambuco, descobriu algumas terras na cabeceira do Rio Paraiba, e ali fundou um sítio a que deu o nome de São João.

Colonizadores chegaram a região ainda no século XVII. é o que se deduz de uma sesmaria concedida em 17 de dezembro de 1669. Em 1775, foi o aldeamento elevado à categoria de julgado, com o nome de Cariri Velho ou Cariri de Fora, para distinguir-se de uma outra aldeia, com o mesmo nome em Pilar. Sua emancipação política foi conseguida em 15 de novembro de 1831.

Gentílico: caririense ou caririseiro ou são-joanense

Formação Administrativa

O distrito criado com a denominação de São João do Cariri, em 06-10-1857.

Elevado a categoria de vila com a denominação de São João do Cariri, por carta regia, de 22-03-1800. Instalado em 05-05-1803.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município aparece constituído de 6 distritos: São João do Cariri, Caraúbas, Cordeiros, Pombas, Santana do Gongo e Serra Branca.

Elevado a condição de cidade e sede municipal com a denominação de São João do Cariri, pela lei estadual nº 540, de 18-11-1921.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município constituído do distrito sede. Não figurando os distritos da divisão administrativa referente a 11

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município aparece constituído de 10 distritos: São João do Cariri, Caraúbas, Cochichola, Santana do Gongo, Cordeiros, Santo André, São José dos Pombos, Serra Branca, Sucurú e Timbaúba do Gurjão.

Pelo decreto-lei estadual nº 1010, de 30-03-1938, o distrito de Tabaúba do Gurjão passou a denominar-se Timbaúba e o distrito de Cordeiros a denominar-se São José dos Cordeiros.

Pelo decreto-lei estadual nº 1164, de 15-11-1938, o distrito de São José dos Cordeiros voltou a denominar-se Cordeiros, Santana do Congo a denominar-se Congo e o distrito de São José dos Pombos a denominar-se Parari.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 10 distritos: São João do Cariri, Caraúbas, Congo ex-Santana do Congo, Cordeiros ex-São José dos Cordeiros, Coxixola ex-Cochichola, Parari ex-São José dos Pombas, Santo André, Serra Branca, Sucurú e Timbaúba ex-Timbaúba do Gurjão.

Pelo decreto-lei nº 520, de 31-12-1943, os distritos Cordeiros passou a denominar-se Aredecô, Caraúbas a denominar-se Caraibeiras, Timbaúba a denominar-se Gurjão, Itamorotinga a denominar-se Serra Branca e Santo André a denominar-se Mucuitu.

Por ato das disposições transitórias constitucionais deste Estado promulgado em 1106-1947, o distrito Serra Branca ex-Itamorotinga passa a ser a sede do município.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, município é constituído de 10 distritos: São João do Cariri, Serra Branca ex-Itamorotinga (Sede), Aredecô ex-Cordeiros, Caraúba, Congo, Coxixola, Gurjão, Parari, Santo André e Sucuru.

Pela lei estadual nº 318, de 07-01-1949, é criado o distrito de Santa Luzia do Cariri ex-povoado, criado com terras desmembradas do distrito de Sucuru. Sob a mesma lei o distrito de Aredecô voltou a denominar-se São José Cordeiros.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 11 distritos: São João do Cariri, Serra Branca (sede), Caraúba, Congo, Coxixola, Gurjão, Parari, Santa Luzia do Pariri, Santo André, São José dos Cordeiros ex-Aredecô e Sucuru.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1955.

Pela lei nº 2064, de 27-04-1959, desmembra do município de São João do Cariri o distrito de Congo. Elevado à categoria de município.

Pela lei estadual nº 2065, de 27-04-1959, desmembra do município de São João do Cariri os distritos de Serra Branca, Coxixola, Santa Luzia do Cariri e Sucuru, para formar o novo município da Serra Branca.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 6 distritos: São João do Cariri, Caraúba, Gurjão, Parari, Santo André e São José dos Cordeiros.

Pela lei estadual nº 2747, de 02-01-1962, desmembra do município de São João do Cariri os distritos de Gurjão e Santo André, para formar o novo município de Gurjão.

Pela lei estadual nº 2662, de 22-12-1961, desmembra do município de São João do Cariri os distrito de São José dos Cordeiros e Parari, para formar o novo município de São José dos Cordeiros.

Pela lei estadual nº 2825, de 14-04-1962, é criado o distrito de Malhada da Roça e anexado ao município de São João do Cariri.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 3 distritos: São João do Cariri, Caraúba e Malhada da Roça.

Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 2 distritos: São João do Cariri e Caraúba. Não figurando o distrito de Malhada da Roça. Pois o mesmo foi criado e não instalado.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 17-I-1991.

Pela lei estadual nº 5932, de 29-04-1994, desmembra do município de São João do Cariri o distrito de Caraúbas. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 653,094: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 6: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 607: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 130: matrículas
Número de unidades locais: 44: unidades
Pessoal ocupado total: 663: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 8.242,00: reais
População residente : 4.344: pessoas
População residente - Homens: 2.120: pessoas
População residente - Mulheres: 2.224: pessoas
População residente alfabetizada: 3.284: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 1.291: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 3.811: pessoas
População residente, religião espírita: -: pessoas
População residente, religião evangélicas: 447: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.046,83: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.421,52: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 260,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 258,50: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,622:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

São João do Cariri: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de São João do Cariri? Então deixe seu comentário!


Comentários (1)

  1. marcos de moraes gomes's avatarmarcos de moraes gomes

    fiz a primeira cirurgia na cidade

    #1 – 30/10/2017 - 16:14

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: