Início » Ceará » Ipueiras


Ipueiras - Ceará



Ipueiras faz parte do estado do Ceará. Localizado na Mesorregião do Noroeste Cearense e na Microrregião de Ipu.

O topônimo Ipueiras vem do tupi-guarani y(água), puera(que ja foi e não é mais) e significa lugar raso onde se acumula água. Silveira Bueno, confirma esta versão: rio que corria e já não corre. Assim é o rio Jatobá, o rio de Ipueiras, seco na maior parte do ano, mas na época das chuvas, quando enche, vira um espetáculo.

Sua denominação original era Fazenda Ipueiras e, desde 1883, Ipueiras.

História da cidade de Ipueiras Ceará - CE

O local onde hoje situa-se o município de Ipueiras, pertenceu, outrora, aos domínios de um dos homens mais poderosos dos sertões, na quadra do Ceará Colonial, Coronel do Regimento de Cavalaria, Manuel Martins Chaves.

O governador da Capitania do Ceará, João Carlos Augusto de Oeynhausen e Grewembourg, resolveu por termo ao poderio do temido coronel, considerando as acusações em processo criminal, de ser o mesmo, o autor intelectual da morte do Juiz Ordinário da Vila Nova D`EL Rei (hoje Guaraciaba do Norte), fazendo-o prisioneiro em Ibiapina, na Serra de Ibiapaba. Preso e transferido para Lisboa, Manuel Chaves teve suas terras confiscadas, inclusive a fazenda Ipueiras cuja gleba foi posteriormente de Nossa Senhora da Conceição edificado o tempo católico.

O primeiro padre a chegar às terras de Ipueiras, Francisco da Mota Sousa Angelim, do sertões dos Inhamuns, além dos cuidados espirituais, por sua liderança na comunidade teve influência expressiva no progresso da localidade, inclusive incentivando a construção de residências, tornando-se posteriormente político de largo prestígio.

Gentílico: ipueorense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Ipueiras, pela lei provincial nº 2037, 27-10-1883, subordinado ao município de Ipu.Elevado à categoria de vila com a denominação de Ipueiras, pela lei provincial nº 2036, de 25-10-1883, desmembrado de Ipu. Sede no núcleo de Ipueiras. Pela lei provincial nº 2071, de 02-08-1884, é extinto a vila, sendo seu território anexado ao município de Ipu. Pelo ato provincial de 03-07-1887, é criado o distrito de Várzea Formosa e anexado ao município de Ipueiras.

Pelo ato de 04-09-1897, é criado o distrito de águas Belas e anexado ao município de Ipueiras.

Pelo ato de 17-08-1901, é criado o distrito de Nova Russas e anexado ao município de Ipueiras.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, a vila aparece constituído de 5 distritos:Ipueiras, São Gonçalo, Várzea Fomosa, águas Belas e Nova Russas.

Nos quadro de apuração do Recenseamento Geral de 1-09-1920, o município é constituído de 6 distritos os mesmo citados em 1911 e mais o distrito de Pinheiro.

Pela lei estadual nº 2043, de 11-11-1922, desmembra do município de Ipueiras os distritos de Nova Russas e águas Bela. Para formar o novo município de Nova Russas.

Pelo decreto estadual nº 1156, de 04-12-1933, extinto o município de Ipueiras, sendo seu território anexado de Ipu.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, Ipueiras figura como distrito de Ipu.

Elevado novamente à categoria de município com a denominação de Ipueiras, pelo decreto estadual nº 1512, de 18-09-1935. Constituído de 4 distritos: Ipueiras, Santana, São Gonçalo e Várzea.

Em divisões territoriais datadas de 31-12-1936 e 31-12-1937, o município é constituído de 4 distritos: Ipueiras, Santana, São Gonçalo e Várzea.

Pelo decreto estadual nº 448, de 20-12-1938, o distrito de Santana passou a denominar-se Macambira, São Gonçalo a denominar-se Mororó e o distrito de Várzea Formosa a denominar-se Formosa. Sob mesmo decreto acima citado. São criados os distritos de Charita e Gázea.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 6 distritos: Ipueiras, Charito, Gázea, Macambira ex-Santana, Mororé ex-São Gonçalo e Poranga ex-Formosa.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-07-1950.Pela lei estadual nº 2207, de 19-12-1953, o distrito de Charito passou a denominar-se Engenheiro São Tomé.Em divisão territorial datada de 1-07-1955, o município é constituído de 6 distritos: Ipueiras, Engenheiro São Tome ex-Charito, Gázea, Macambira, Mororó e Poranga.

Pela lei estadual nº 3922, de 25-11-1957, é criado o distrito de América com terras desmembrado do distrito de Mororó e anexado ao município de Ipueiras e ainda é criado o distrito de Livramento ex-povoado com terras desmembrado do distrito de Gázea e anexado ao município de Ipueiras. Sob o mesmo decreto é criado o distrito de São José dos Lontras com terras desmembrado do distrito de Mororó e anexado ao município de Ipueiras.

Pela lei estadual nº 3665, de 05-07-1957, desmembra os muinicípio de Ipueiras os distritos de Poranga e Macambira. Para formar o novo município de Poranga.

Em divisão territorial datada de 1-07-1960, o município é constituído de 7 distritos: Ipueiras, América, Engenheiro João Tomé, Gázea, Livramento, Mororó e São José das Lontras.

Pela lei estadual nº 6758, de 13-11-1963, é criado o distrito de Nova Fátima e anexado ao município de Ipueiras.

Pela lei estadual nº 6953, de 19-12-1963, desmembra do município de Ipueiras os distritos de Mororó e São José das Lontras. Para formar o município com a denominação de Matriz de São Gonçalo ex-Mororó.

Pela lei estadual nº 6793, de 20-11-1963, desmembra do município de Ipueiras o distrito de América. Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 6794, de 20-11-1963, desmembra do município de Ipueiras o distrito de Engenheiro São Tomé. Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 6965, de 19-12-1963, desmembra do município de Ipueiras o distrito de Livramento. Elevado à categoria de município Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 3 distritos: Ipueiras, Gázea e Nova Fátima. Pela lei estadual nº 8339, de 14-12-1965, são extintos os município de América, Engenheiro São Tomé, Livramento e Matriz de São Gonçalo, como simples distrito.

Em divisão territorial datada de 31-12-1968, o município é constituído de 8 distritos: Ipueiras, América, Engenheiro João Tomé, Gázea, Livramento, Matriz, ex-Matriz de São Gonçalo, Nova Fátima, São José das Lontras.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Pela lei municipal nº 487, de 21-02-2000, é criado o distrito de São José ex-povoado, com terras desmembrada de parte dos distritos sede, Livramento, Engenheiro João Tomé e Gásea e anexado ao município de Ipueiras.

Pela lei municipal nº 488, de 21-02-2000, é criado o distrito de Alazans ex-povoado e anexado ao município de Ipueiras.

Pela lei municipal nº 489, de 21-02-2000, é criado o distrito de Balseiros ex-povoado, com terras desmembrada do distrito de Livramento e anexado ao município de Ipueiras.

Em divisão territorial datada de 2005, o município é constituído de 11 distritos: Ipueira, Alazans, América, Balseiros, Engenheiro João Tomé, Gázea, Livramento, Matriz, Nova Fátima, São José e São José das Lontras.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Origem Toponímica:

Ipueiras significa lugar raso onde se acumula água.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 1.477,407: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 13: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 6.460: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.455: matrículas
Número de unidades locais: 426: unidades
Pessoal ocupado total: 2.090: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 5.315,84: reais
População residente : 37.862: pessoas
População residente - Homens: 18.533: pessoas
População residente - Mulheres: 19.329: pessoas
População residente alfabetizada: 24.357: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 13.413: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 34.550: pessoas
População residente, religião espírita: 8: pessoas
População residente, religião evangélicas: 2.328: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 580,81: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 979,94: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 127,50: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 225,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,573:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Ipueiras: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Ipueiras? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: